Semblant: Entrevista com Mizuho Lin, vocalista da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fallen Douglas, Fonte: Deusas do Rock
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em entrevista ao site Deusas do Rock, Mizuho Lin (Semblant) fala sobre o seu trabalho, fãs e sobre o metal no atual cenário musical brasileiro:

Deusas do Rock - Além da Floor, alguma das "nossas" Deusas influência o seu trabalho?

5000 acessosNirvana: "Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt5000 acessosZakk Wylde: O assassinato atribuido à "seita" do guitarrista

Mizuho -Hoje me inspiro mais na Floor Jansen como estilo de vocal, mas minha inspiração pra cantar no metal foi a Tarja Turunen. Comecei a ouvir metal com o Nightwish, pois na época eu já gostava de música erudita. Por conta disso minha amiga me apresentou o Nightwish, já que a banda tinha vocal lírico. Minhas primeiras influências vieram do lírico, tanto fora quanto dentro do metal, e a Floor também usava bastante dessa técnica no After Forever. O som da Semblant pede algo mais "potente", então, mesmo eu tendo formação no lírico, não caberia usa-lo na banda. Eu gosto de combinar estilos diferentes nas músicas, então logo que entrei na banda, a primeira pessoa que me inspirei foi a Floor pela diversidade de técnicas e potência na voz que ela tem.Gosto muito da Mariangela Demurtas (Tristania) também, acho ela incrível! E além disso, tenho ouvido muito a Maria Brink (In This Moment). Estou pegando um pouco de vocal rasgado agora então tenho me inspirado bastante nela.

Deusas do Rock - Através das redes sociais, é possível ver que você sempre interagindo com os fãs. Você sente que eles são influênciados por você e o seu trabalho? E como você se sente diante a isso?

Mizuho -Acho importante manter esse contato com os fãs, afinal de contas eu devo tudo à eles. Acho que qualquer banda acaba influenciando os fãs de alguma forma. Seja os inspirando pra tocar algum instrumento ou cantar, seja os fazendo conhecer bandas novas. Eu acho muito legal quando alguém me fala que começou a fazer aulas de canto por minha causa!

Deusas do Rock - Há várias especulações à respeito de novos projetos, em sua atual banda, Semblant. Você pode nos adiantar algo além do que já foi revelado?

Mizuho -A única coisa que posso adiantar é que o novo álbum está ficando muito além do que imaginávamos! Estamos trabalhando pesado nele, queremos que seja perfeito! Vai ser o melhor trabalho da banda, com toda certeza. Estamos trabalhando com o Adair Daufembach (Holiness, Hangar, Symbolica, Trayce) e não temos pressa pra lançar.Na gravação do EP "Behind The Mask" nós estipulamos um prazo, o EP deveria sair no dia 11-11-11. Por conta disso, nós fizemos tudo nas pressas. O resultado saiu bom, mas poderia ter sido melhor caso tivéssemos um tempo maior pra escolher bons profissionais com quem trabalhar e um tempo maior pra gravação. A pressa é inimiga da perfeição... Fora isso, já temos um nome definitivo para o álbum e temos a idéia da capa também. Mas não posso revelar agora =)

Deusas do Rock - Durante a jornada da Semblant, vários estados foram visitados para divulgação. Vocês têm pretensão de, em breve, ir à novos estados?

Mizuho -Com certeza! Gostaria muito de ir ao Rio de Janeiro, Minas Gerais e voltar ao Maranhão. Claro que isso não depende das bandas, e sim dos contratantes. As vezes os fãs pensam que nós não vamos porque não queremos, mas não é bem assim. Se fosse pela decisão da banda, nós tocaríamos em todos os estados! É por isso que sempre dizemos pro pessoal pedir as bandas que querem nas casas de shows. Desse jeito é muito mais fácil dos produtores nos chamarem.

Deusas do Rock - Você costuma compor? Se sim, em que você se inspira?

Mizuho -Na verdade não muito. Fiz algumas poucas composições em conjunto com o Sol Perez (ele fazendo o instrumental e eu fazendo os vocais e letras), mas não acho que esse seja o meu forte. Geralmente são inspiradas em coisas que eu ou alguém conhecido meu passou. Eu gosto de "mudar" as linhas vocais das músicas, então normalmente os meninos fazem as composições e eu acabo mudando a minha linha vocal e deixando ela com o meu jeito. As vezes acaba saindo algo totalmente diferente do que era no início. A Behind The Mask e a The Undead foram as que mais mudaram, desde as primeiras versões. A The Undead por exemplo não tinha nenhuma parte lírica na primeira versão. E as novas músicas estão mudando bastante também, estão seguindo o mesmo ritmo.

Deusas do Rock - Como é escolhido o setlist da Semblant? Vocês costumam fazer covers?

Mizuho -Normalmente nós sempre mudamos o setlist a cada show, mas algumas músicas são meio que "fixas". As quatro músicas do EP estão sempre no setlist, pois estamos divulgando elas ainda. A Throw Back to Hell está fixa também, pois é nosso último single lançado. Aí alternamos entre as músicas do Last Night of Mortality. Nós não fazemos mais covers, paramos faz um bom tempo. Acho que a banda chegou num ponto em que não compensa tirar nossas músicas próprias para colocar um cover no lugar. Estamos com muitas composições. E a cada show que fazemos, o público tem cantado nossas músicas do começo ao fim do show, e é exatamente isso que uma banda de som próprio procura! Então esse é o motivo por não tocarmos covers mais.

Deusas do Rock - Você tem um forte vínculo com a banda Holiness,que iniciou recentemente. Você acha que no cenário musical brasileiro, bandas com influências "pesadas" estão tendo maiores oportunidades?

Mizuho -Eu acho que é o contrário disso. As bandas de metal já tiveram mais espaço há alguns anos atrás. Perderam espaço por um bom tempo e agora estamos tentando "reconstruir nosso império". Hoje em dia está bem mais difícil, tem tantas bandas surgindo que é difícil se destacar no meio delas. Precisa ter um diferencial e precisa trabalhar muito em divulgação para ter um mínimo de espaço que nos cedem. Mas aos poucos estamos conseguindo. Estamos fazendo elo de amizade com várias bandas, tocando juntos, divulgando as bandas. Eu acredito que é desse jeito que a cena pode crescer novamente. O Holiness e a Semblant são praticamente irmãs gêmeas hahah. As duas bandas começaram em 2006, se "oficializaram" em 2008 e as duas bandas lançaram o primeiro álbum em 2010. Estamos na luta juntos, uma banda apoia a outra. Talvez esse seja o maior motivo que nós nos entendemos tanto.

Deusas do Rock - Durante muitos anos, houve um preconceito em relação à mulheres em bandas de rock. Você chegou a sentir esse preconceito? O que pensa sobre isso?

Mizuho -Nunca senti esse preconceito. Pelo contrário, o pessoal nos apoia muito! E é incrível a receptividade que temos, até em shows que não são do nosso público. A Semblant engloba tantos estilos juntos, que é capaz de agradar desde um cara que ouve metal melódico, até um cara que ouve death, heavy sinfônico ou até metalcore. Inclusive, nosso público masculino é bem maior que o feminino!

Deusas do Rock - Diga-nos uma banda que você não gosta e o porquê:

Mizuho -Evanescence hahah. Falei isso esses dias no meu ask fm. Muita gente acha que eu gosto. Até porque no começo da Semblant, uma das influências principais era Evanescence, eles até costumavam fazer covers. Mas eu realmente não curto o estilo de som deles, só curto algumas poucas músicas. Mas o último álbum lançado deles eu até que gostei bastante. Achei bem diferente dos anteriores. De qualquer forma, não gosto da Amy Lee cantando. E eu não estou dizendo nada sobre a pessoa dela, que fique bem claro! Apenas não me agrada aos ouvidos.

Deusas do Rock - Vamos te propor um desafio: Gravar um vídeo cantando algo de uma de nossas Deusas, você topa?

Mizuho -Ah.. já tem video meu cantando Wish I Had An Angel em participação com a banda Ankhy hahah. Já esta valendo então! =D

Mizuho ainda nos deixa uma carinhosa mensagem:

Um grande beijo à todos os meus queridos fãs e um muito obrigada ao pessoal do "Deusas do Rock"! Amo todos vocês!

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Semblant"

GaleriaGaleria
Mais musas do rock/metal nacional

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Semblant"

NirvanaNirvana
"Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt

Black Label SocietyBlack Label Society
O assassinato atribuido à "seita" de Zakk Wylde

Rede GloboRede Globo
Em 1985, explicando o que são os metaleiros

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosChris Cornell: cantor usou aparelho de escalada para tirar a vida5000 acessosPattie Boyd: o infernal triângulo com George Harrison e Eric Clapton5000 acessosBabymetal: O "kawaii metal" que conquistou o planeta5000 acessosJon Bon Jovi: quando ele levou um fora de Bruna Lombardi5000 acessosBruce Dickinson: sua carreira como esgrimista profissional

Sobre Fallen Douglas

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online