Matérias Mais Lidas

imagemRegis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

imagemVeja Sandy cantando Metallica na TV Globo em programa de Marcos Mion

imagemO surpreendente disco que Tom Morello considera um dos melhores de todos os tempos

imagemGene Simmons admite que "Ace estava certo" sobre o Kiss no começo dos anos 80

imagemApós incidente, Axl Rose anuncia mudança nos shows do Guns N' Roses

imagemNoel Gallagher revela o rockstar que ficou mais impressionado de conhecer pessoalmente

imagemA estratégia do Barão Vermelho para evitar críticas de copiar Titãs nos anos 1990

imagemAndreas Kisser opina sobre a reunião do Pantera, que começou nesse sábado

imagemBeatles: Ringo Starr conta como foi o seu último encontro com John Lennon

imagemA banda de rock que impressionou Paulo Ricardo e o fez ver grandeza do estilo em São Paulo

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemO maior álbum de todos os tempos, na opinião do saudoso Ronnie James Dio

imagemMike Portnoy comenta o show de retorno do Pantera aos palcos

imagemO curioso motivo pelo qual Nightwish nunca foi próximo do HIM, segundo Ville Valo

imagemA opinião de Dino Cazares sobre o insano álbum "Roots", clássico do Sepultura


Stamp
Summer Breeze

Cauterization: brazilian blackened death metal band

Por Christiano K.O.D.A.
Fonte: Som Extremo
Postado em 02 de agosto de 2011

Em 2011, a Cauterization soltou a demo "Males Infestus" (ler resenha no link ao final), que figura entre os melhores lançamentos do ano. Com apenas quatro músicas, o grupo fincou suas raízes no underground nacional de maneira grandiosa. Com uma produção impecável, tanto da gravação quanto da arte gráfica do CD, o grupo agora colhe os bons frutos do excelente trabalho. Quem respondeu as perguntas por e-mail foi Trojillo Jr., baterista insano da banda. O baixista e backing vocal Well Moia e a guitarrista e vocalista Maysa Rodrigues (sim, uma mulher!!!) completam o power trio.

Som Extremo: Saudações, grande Trojillo! Conte um pouco da história da Cauterization por favor.

Trojillo Jr.: O CAUTERIZATION foi formado no final de 2008. Na época, eu ainda tocava em uma banda chamada INDUSTRIAL NOISE, mas tinha o intuito de montar um projeto que seguisse uma linha entre o Death e Black Metal. Aí conheci a Maysa e vi que ela tinha os mesmos gostos musicais, além de também estar procurando alguém pra fazer algo no estilo. Ficamos ensaiando somente os dois durante um ano. Foi quando o Well entrou pra tocar o baixo e fazer os backing vocals.

Som Extremo: Vocês soltaram um dos melhores trabalhos de 2011, com um grau de profissionalismo poucas vezes visto aqui, em se tratando de uma demo. Tem essa noção?

Trojillo Jr.: Cara, inicialmente nosso propósito era gravarmos um registro para podermos iniciar nossa divulgação, e seguimos uma linha "já que vamos fazer algo, vamos fazer bem feito", porque ser Underground não significa "ser porco e mal-feito". Investimos tempo, dinheiro e muita dedicação nesse lançamento, e todos os comentários que recebemos até agora foram muito positivos!

Som Extremo: Aliás, o que poderia dizer sobre a parte gráfica do CD, lindíssima?

Trojillo Jr.: A parte gráfica na realidade foi realizada por três pessoas: a capa foi feita por Marcelo Vasco, um artista de renome internacional que já trabalha há muito tempo no cenário metálico mundial, e já fez trabalhos para bandas como DARK FUNERAL, OBITUARY, BELPHEGOR, KORZUS, SETHERIAL, e muitos outros. A parte interna e a parte restante foi toda realizada por um amigo nosso, e as fotos foram feitas também por outro amigo, um repórter aqui na cidade (nota do redator: a banda é de Presidente Prudente).

Som Extremo: Você define o som da Cauterization como brazilian blackened death metal, algo que se encaixou perfeitamente ao estilo da banda. Quais as maiores influências de vocês?

Trojillo Jr.: Na realidade escutamos bandas de variados estilos. Eu tenho meus gostos pessoais, e a Maysa e o Well têm os deles, mas as bandas que mais nos "inspiram", posso citar aqui: VITAL REMAINS, DISSECTION, AZARATH, BELPHEGOR, HEADHUNTER DC, e várias outras.

Som Extremo: Vocês estão trabalhando em um videoclipe, correto? O que pode nos adiantar sobre o produto?

Trojillo Jr.: Sim, no momento estamos finalizando a produção de um videoclipe para a música "Infernal Battlefield", nosso som de trabalho. Todas as imagens foram feitas em um local aqui de nossa cidade e o vídeo já se encontra na fase final de edição, aguardem! Acredito que na semana que vem já estará no ar!

Som Extremo: E por falar na música "Infernal Battlefield", parece que existe uma história interessante por trás dela, não? Você pode contar?

Trojillo Jr.: Bem, essa música foi composta pela Maysa há muito tempo, na época em que ela tocava numa outra banda, chamada SARCOMA. Era uma banda de Death Metal composta apenas por mulheres, e na época não chegaram a gravar nenhum registro oficial. Assim, esta música ficou "guardada" até agora rsrs. E foi a primeira com a qual começamos a ensaiar. Como se trata de um som bem rápido e direto, nós a escolhemos como o "carro-chefe" para a divulgação.

Som Extremo: Como você citou aí em cima, a Cauterization conta com uma mulher (Maysa Rodrigues) nos vocais e guitarra, um grande diferencial para a banda. Isso ajudou vocês, ou não fez nenhuma diferença? É melhor trabalhar com o sexo oposto? (Risos)

Trojillo Jr.: Creio que o fato de termos a Maysa como nosso "front-man" (ou "woman" rsrs) normalmente traz pelo menos um tipo de curiosidade, porque ninguém imagina uma mulher tocando e cantando death/Black metal. Então nesse ponto posso dizer que até ajuda sim. No caso de trabalhar com ela, já tive experiência com minha outra banda, e digo sem medo que ela é a pessoa mais competente com que já tive o prazer de tocar (não desmerecendo os outros com os quais toquei). E com a entrada do Well, o time se fechou perfeitamente.

Som Extremo: E além do vindouro clipe, quais os outros planos futuros da Cauterization?

Trojillo Jr.: No momento estamos com alguns shows marcados e também compondo novas musicas para nosso primeiro full-length.

Som Extremo: E como é a cena underground em Presidente Prudente? Que mais tem/tinha aí, além de vocês, do Subcut e a falecida Industrial Noise?

Trojillo Jr.: Presidente Prudente já foi uma cidade muito forte no cenário metálico nos anos 80, mas infelizmente depois da década de 90 não houve uma continuidade em termos de bandas, pessoas, eventos, etc. Entretanto estamos vendo uma certa movimentação nesse sentido atualmente, com o surgimento de sites, alguns eventos e algumas pessoas realmente interessadas em fazer algo relevante.

Som Extremo: Valeu, Trojillo Jr.! Agora o espaço é seu.

Trojillo Jr.: Grande amigo "X", realmente ficamos muito gratos com todo o apoio que estamos tendo da sua parte. Continue com esse fudido suporte que está dando ao cenário Underground Brasileiro, e quanto às pessoas interessadas no CAUTERIZATION, seja para shows, materiais ou informações, entrem em contato!!! KEEP THE ETERNAL FLAME OF UNDERGROUND BURNING!!! FOREVER!!!

www.myspace.com/cauterizationhorde

Resenha da demo "Males Infestus":
http://somextremo.blogspot.com/2011/07/cauterization-males-infestus.html

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Samael Hypocrisy

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Bateristas: os dez músicos mais loucos de todos os tempos

Iron Maiden: "pequena falha" em outdoor na Russia em 2011


Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A..