Iron Maiden: a concepção original de Eddie

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gustavo Hermann, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O website Get Ready To Roll! conduziu em 2007 uma entrevista com a lenda da iluminação de shows, Dave “Lights” Beazley – mais notavelmente reconhecido como o criador da máscara original de Eddie para o IRON MAIDEN.

686 acessosIron Maiden: "Quest for fire", em busca da origem da força5000 acessosSeparados no nascimento: Dave Mustaine e Mika Hakkinen

Dave estava na estrada com o UFO, excursionando pela Rússia e pelo resto da Europa, de onde ele contou ao site sobre os primórdios do IRON MAIDEN, quando a banda costumava vir à sua casa para ensaiar, e sobre seu papel como idealizador do visual do palco, uma parte tão distintiva dos shows da banda. Segue um trecho da conversa:

Get Ready To Roll!: Dave, você estava em contato direto com o IRON MAIDEN nos seus primórdios. Qual foi a sua contribuição para a banda na época?

Dave: "Eu promovi o primeiro show de Steve Harris em 1974/75. Era uma competição do tipo 'Batalha de Bandas', no salão da igreja local, e sua banda se chamada GYPSY'S KISS (uma gíria londrina para “piss”, urinar). Foi quando falei com Steve pela primeira vez. Nosso próximo encontro aconteceu quando ele estava com sua namorada Lorraine, que era amiga da minha primeira esposa, Kim. Eu saí da casa de meus pais com 15 anos e estava morando num presbitério, e Lorraine me perguntou se seu novo namorado, 'Bomber' Harris, poderia vir para ensaiar com sua nova banda lá. Essa nova banda era o IRON MAIDEN! Com o passar do tempo me envolvi mais com eles e, quando começaram a fazer shows, me ofereci para fazer um equipamento de iluminação, já que eu estava fazendo um curso de design de interiores e iluminação era algo que me interessava bastante".

Get Ready To Roll!: Como surgiu o conceito do Eddie e qual foi a sua contribuição para o desenvolvimento desse conceito? Você tem o Eddie como alguém da sua família?

Dave: "Eddie era uma piada que estava circulando na época. Um casal estava para ter um filho e, quando a criança nasceu, era só uma cabeça, sem braços, pernas, nada. O casal ficou arrasado, mas o médico disse: 'Não percam as esperanças, quando a cabeça tiver crescido até o seu tamanho máximo, o que acontecerá quando o garoto alcançar os 14 anos, nós arrumaremos um corpo para ele'. Então o casal colocou Eddie sobre um cobertor e tomou conta dele pelos próximos 14 anos. No seu décimo quarto aniversário anunciaram: 'Eddie, temos um presente muito especial para você', ao que Eddie respondeu: 'Ah, não! Outro maldito chapéu!'"

Dave: "A idéia para o Eddie surgiu dessa piada! Na música 'Iron Maiden', a letra diz 'see the blood begin to flow' (veja o sangue começa a correr), etc, então para o pano de fundo que utilizávamos nos shows desenvolvi, com a ajuda de um amigo que estudava artes, uma máscara moldada a partir da minha própria face que tossia sangue durante essa passagem da música. O Eddie utilizado pela banda que ficou mais famoso foi o das capas de Derek Riggs, mas a idéia original veio daquela piada e da primeira máscara. Se eu o vejo como alguém da família? Sim, de certa forma eu acho que sim!"


Get Ready To Roll!: Fale-nos sobre o seu design para o cenário do Piece of Mind, etc.

Dave: "Na época em que o IRON MAIDEN estava promovendo o álbum 'Piece of Mind', as turnês estavam se estendendo por meses mais do que por semanas. Até então nós alugávamos equipamentos de iluminação, mas com 10 ou 12 meses de turnê pela frente era óbvio que seria mais fácil projetar e construir um esquema que pudéssemos levar conosco na estrada. Não apenas sairia mais barato a longo prazo, mas também significaria que em todos os lugares que fossemos, os fãs assistiriam ao mesmo show. No final dos anos 80 as casas americanas geralmente ofereciam um sistema de iluminação melhor que as da Inglaterra e do resto da Europa, e nós achávamos que todos deviam ter a mesma qualidade nos shows. Então eu projetei um sistema com um equipamento móvel de iluminação, que podia ser levado a qualquer lugar onde fossemos tocar".

Leia a entrevista inteira (em inglês) no getreadytoroll.com.

Comente: Existe no heavy metal um mascote mais legal que Eddie?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

"Quest for fire" (Piece of Mind)"Quest for fire" (Piece of Mind)
Iron Maiden, em busca da origem da força

204 acessosBlaze Bayley: veja vídeo do show em Paris429 acessosLionheart: banda de Dennis Straton lança o álbum Second Nature0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iron Maiden"

Metal RulesMetal Rules
Os 100 melhores álbuns em pesquisa de 2003

Iron MaidenIron Maiden
Bruce Dickinson, vocalista, piloto e cirurgião

Rob HalfordRob Halford
Resposta educada a comentários de Dickinson

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades0 acessosTodas as matérias sobre "Mascotes"0 acessosTodas as matérias sobre "Eddie"0 acessosTodas as matérias sobre "Iron Maiden"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Dave Mustaine e Mika Hakkinen

Papai TruezãoPapai Truezão
Astros do Heavy Metal em fotos com seus filhos

RushRush
Alex Lifeson lista seus três melhores solos de guitarra

5000 acessosMetallica: as extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio5000 acessosTreta: Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?5000 acessosGuitarra: os melhores solos da história segundo a Guitar World5000 acessosPortnoy: "Não precisa de uma calculadora para se divertir"5000 acessosMotley Crue: A impressionante coleção do paulista Flávio Colognesi5000 acessosPantera: Vinnie Paul não quer reunir o grupo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 22 de abril de 2013
Post de 27 de fevereiro de 2014
Post de 27 de fevereiro de 2014
Post de 25 de agosto de 2014
Post de 12 de outubro de 2015
Post de 10 de junho de 2017

Sobre Gustavo Hermann

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Gustavo Hermann no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online