Bryan Adams: mostrando que também sabe fazer rock 'n' roll

Resenha - Reckless - Bryan Adams

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fábio Cavalcanti
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Se você é metaleiro convicto, ou mesmo um roqueiro com "síndrome de underground", que não consegue ler qualquer coisa sobre Bryan Adams sem sofrer um leve embrulho no estômago, é provável que pergunte algo do tipo: "Que diabos esse cantor de baladas pop está fazendo aqui?". A resposta é simples: mostrando que também sabe fazer rock 'n' roll!

Bryan Adams e Billy Idol: cantando clássico juntos no palco; assistaHeavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiram

Para quem não conhece algo que vá além das suas baladas radiofônicas mais famosas, é bom deixar claro que Bryan Adams sempre foi um artista de pop/rock - gênero inegavelmente inserido no grande mundo do rock. Em "Reckless" (1984), o cantor intensificou seu lado roqueiro, resultando - ironicamente - em seu trabalho mais bem sucedido, tanto a nível artístico quanto comercial.

Sim, este é o álbum que traz a baladona "Heaven" - e sejamos sinceros, é uma linda música. Sim, este é o álbum que traz também o pop/rock chiclete "Somebody" - mais uma vez, um hit contagiante. Mas, também é o álbum que traz as excelentes "porradas" de "Kids Wanna Rock" e "Ain't Gonna Cry" - esta última, fechando o álbum em clima de festa.

Os rocks melódicos "One Night Love Affair" e "Summer of '69" (atenção à letra possivelmente sacana desta) conseguem trazer mais atitude do que muitas músicas tocadas por ditos "roqueiros de verdade". "She's Only Happy When She's Dancin'" possui um clima new wave festeiro, "Long Gone" traz um adorável direcionamento rhythm & blues, e os hinos "Run to You" e "It's Only Love" (com sua arrepiante participação de Tina Turner) são perfeitas para shows em grandes arenas...

Em suma, se você procura um bom pop/rock comercial, mas ao mesmo tempo aprecia um alto nível de criatividade musical - em todo o álbum, não apenas nos singles - e uma boa dose inesperada de atitude e energia, "Reckless" é o álbum certo para animar o seu dia!

E quanto ao Sr. Adams, aguardamos ansiosamente pelo seu próximo grande álbum de rock...

Músicas:
1. One Night Love Affair
2. She's Only Happy When She's Dancin'
3. Run to You
4. Heaven
5. Somebody
6. Summer of '69
7. Kids Wanna Rock
8. It's Only Love
9. Long Gone
10. Ain't Gonna Cry




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Bryan Adams"


Bryan Adams e Billy Idol: cantando clássico juntos no palco; assistaBryan Adams: um cara dos clássicos artistas dos anos 80 e 90

Heavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiramHeavy Metal
Celebridades que curtem ou já curtiram

Alguns dos maiores mitos do Rock n' RollAlguns dos maiores mitos do Rock n' Roll
Alguns dos maiores mitos do Rock n' Roll

Slash: Um dia Michael Jackson ficou puto com ele?Slash
Um dia Michael Jackson ficou puto com ele?

Hetfield: egos, Mustaine, Load e homossexualidade no MetallicaHeavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiramLoudwire: escolhendo as 50 músicas do metal do século XXIMick Jagger: modelo diz que ele tem o menor pênis do mundo

Sobre Fábio Cavalcanti

Baiano, sempre morou em Salvador. Trabalha na área de Informática e ¨brinca¨ na bateria em momentos vagos, sem maiores pretensões. Além disso, procura conhecer novas - e antigas - bandas dos mais variados subgêneros do rock. Por fim, luta para divulgar, sempre que possível, o pouco conhecido cenário rocker da tão sofrida ¨Terra do Axé¨.

Mais matérias de Fábio Cavalcanti no Whiplash.Net.