Resenha - Reise, Reise - Rammstein

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Quem vaiou o Rammstein em 1999 quando eles desembarcaram no Brasil abrindo para o KISS decerto não sabia exatamente quem eles eram. A banda se consolidou na Europa como uma das mais influentes no estilo industrial, fundindo elementos da música eletrônica com o peso das guitarras do heavy metal. Quem chiou com aquele show quase performático não imaginou que hoje o Rammstein é uma instituição em se falando de som pesado. Após 3 anos do bem sucedido "Mutter", a banda retorna com este "Reise, Reise". O sucesso eles já têm, mas em se tratando desta banda, que adota um visual esquisito e efeitos de palco inimagináveis, nada é previsível.

publicidade

"Reise, Reise" inicia os trabalhos com uma pegada quase gótica, impressionando aqueles que começaram a curtir a banda com o cd ao vivo "Live Aus Berlin". Já "Mein Teil" (o primeiro single) já segue o estilo tradicional da banda, com vocais agressivos mesclados a vocais mais calmos. "Dalai Lama" segue num ritmo arrastado e soturno, com teclados dando um clima todo especial, assim como a "quase suave" "Keine Lust" (que descamba para um ritmo bem heavy metal com vocais sussurrados).

publicidade

A surpresa fica por conta de "Los", acústica e que mesmo assim mantém o pique do cd (imagina os samplers misturados com violões!!!) e a bem sacada zoação nas músicas "Amerika" (cantada em inglês) e "Moskau", ambas ditadas por um excelente trabalho de guitarras.

Novamente os alemães surpreendem com os coros de "Morgerstern" e o toque gótico de "Stein Um Stein" e "Onne Dich" (literalmente uma balada climática), para encerrarem o cd com a "romântica" "Amour" (que tem no mínimo uma levada a lá Depeche Mode).

publicidade

Um excelente cd. Os fãs mais radicais podem estranhar os novos elementos incorporados, mas a banda soube bem criar um cd interessante e instigante. Se você o vir na sua frente, compre!!!

Site Oficial: http://www.rammstein.com

Sum Records – 2004.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rammstein: Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!, diz Till LindemannRammstein
"Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!", diz Till Lindemann

Gigantes do Rock e Metal: alguns músicos muito, muito altosGigantes do Rock e Metal
Alguns músicos muito, muito altos


Separados no nascimento: Geddy Lee e Marquito do RatinhoSeparados no nascimento
Geddy Lee e Marquito do Ratinho

Álbuns: os vinte piores discos de todos os temposÁlbuns
Os vinte piores discos de todos os tempos


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin