Slash: qual a música que o fez mudar do baixo para a guitarra?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda, Fonte: Music Aficionado
Enviar correções  |  Comentários  | 

O guitarrista Slash falou sobre as suas origens enquanto músico. Em entrevista a Leslie West (frontman do Mountain), publicada no site Music Aficionado, ele comentou que começou a sua trajetória tocando baixo em vez de guitarra.

449 acessosThe Jungle of RnR: 20 Grandes Shows de Rock do Rock In Rio Brasil5000 acessosUltimate Guitar: as 28 canções mais sombrias de todos os tempos

Slash contou que seu interesse pela música veio de família. "Meu pai era grande fã de rock, assim como seus irmãos. Fui desmamado em The Who, Yardbirds, Stones, Beatles, Moody Blues. Minha mãe também era grande fã de música em Los Angeles. Acabamos nos mudando para lá", afirmou.

Apesar de sempre ter gostado de música, Slash só começou a pensar em se tornar músico na adolescência. "Não peguei em uma guitarra até os 15 anos, e só fiz isso porque Steven Adler tocava. Costumávamos tocar Cheap Trick e Aerosmith em air guitar. Começamos uma banda e por ele tocar guitarra, decidi pegar o baixo", afirmou.

Uma visita de uma escola de música mudou a vida de Slash. "Falei com um professor que começou a tocar o riff de 'Sunshine Of Your Love', do Cream. Eu disse: 'é isso que quero fazer'. Então, ele me disse que aquilo não era baixo, mas, sim, guitarra", disse.

Foi o riff de "Sunshine Of Your Love", do Cream, que fez Slash ir atrás de uma guitarra. "Minha avó tinha um violão flamenco guardado em um armário. Tinha só uma corda e eu comecei a tocar naquilo. Levei ao professor, que me ensinou como colocar as outras cordas e me ensinou o básico", afirmou.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 31 de agosto de 2017

Guns N RosesGuns N' Roses
"Internet, a grande lata do lixo", por Axl Rose

449 acessosThe Jungle of RnR: 20 Grandes Shows de Rock do Rock In Rio Brasil0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

Pagando micoPagando mico
10 maneiras de ser humilhado em um show

Guns N RosesGuns N' Roses
Formação atual é "100x" melhor que anterior, diz Fortus

Guns N RosesGuns N' Roses
Assista agressão de Axl Rose a fotógrafo em Los Angeles

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Slash"0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"

Ultimate GuitarUltimate Guitar
As 28 canções mais sombrias de todos os tempos

Max CavaleraMax Cavalera
Triste ver uma banda tão importante virar uma merda

CoversCovers
Alguns dos mais legais feitos por bandas de Metal

5000 acessosWonder Years: O soundtrack do grande sucesso de público e crítica5000 acessosGuns N' Roses: Algumas curiosidades sobre o vocalista Axl Rose5000 acessosMulheres e guitarras: as mais importantes segundo a Gibson5000 acessosMetal Brasileiro: As 10 melhores bandas segundo o site OC Weekly5000 acessosHeavy Metal: as 10 maneiras de se segurar a guitarra5000 acessosAeroblus, o maior power trio latino americano

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online