Matérias Mais Lidas

Rush: como eles dividiam grana das composições e como eram os egos, segundo Geddy LeeRush: como eles dividiam grana das composições e como eram os egos, segundo Geddy Lee

Rock in Rio: a jogada de mestre que fez o festival ter tantas grandes bandas em 1985Rock in Rio: a jogada de mestre que fez o festival ter tantas grandes bandas em 1985

Metallica: James Hetfield surpreende ao listar músicas que mais se orgulha de ter feitoMetallica: James Hetfield surpreende ao listar músicas que mais se orgulha de ter feito

Iron Maiden: para Herman Li, quem não gosta de Senjutsu não gosta de metalIron Maiden: para Herman Li, quem não gosta de "Senjutsu" não gosta de metal

Iron Maiden: Bruce Dickinson revela as músicas da banda que mais curte cantarIron Maiden: Bruce Dickinson revela as músicas da banda que mais curte cantar

Kirk Hammett: ele descreve com detalhes briga de Axl Rose e Kurt Cobain no VMA 1992Kirk Hammett: ele descreve com detalhes briga de Axl Rose e Kurt Cobain no VMA 1992

Deep Purple: quando tomaram porre de caipirinha e foram sequestrados no BrasilDeep Purple: quando tomaram porre de caipirinha e foram "sequestrados" no Brasil

Mr. Bungle: Dave Lombardo e Scott Ian demonstram apoio ao vocalista Mike PattonMr. Bungle: Dave Lombardo e Scott Ian demonstram apoio ao vocalista Mike Patton

Guns N' Roses: veja quanto custava uma cópia de Use Your Illusion no dia do lançamentoGuns N' Roses: veja quanto custava uma cópia de "Use Your Illusion" no dia do lançamento

Sepultura: quando Steve Vai ficou travado ao tentar tocar Roots Bloody RootsSepultura: quando Steve Vai ficou travado ao tentar tocar "Roots Bloody Roots"

Guns N' Roses: todas as faixas de Use Your Illusion (I & II), da pior para a melhorGuns N' Roses: todas as faixas de "Use Your Illusion" (I & II), da pior para a melhor

Andreas Kisser: Revelando luta da esposa contra o câncerAndreas Kisser: Revelando luta da esposa contra o câncer

Metallica: Hetfield reage a torcida que cantou Enter Sandman e distorceu sismógrafoMetallica: Hetfield reage a torcida que cantou Enter Sandman e distorceu sismógrafo

Raimundos: por que Rodolfo não queria gravar Selim e como foi convencido do contrárioRaimundos: por que Rodolfo não queria gravar "Selim" e como foi convencido do contrário

Kerrang: 12 bandas de rock e heavy metal que nunca se venderamKerrang: 12 bandas de rock e heavy metal que nunca "se venderam"


Tunecore 2

Mortification

Em 06/04/06

Por João J. Medeiros Jr

Para compreender melhor a história da banda Mortification que começou em 1990, devemos voltar a 1984. Nessa época Steve Rowe conseguiu achar uma forma de combinar o som pesado que ouvia à fé que tinha em seu coração e montou a Rugged Cross (1984) e a Axis (1985) que não passaram dos ensaios, mas a vontade de Steve de solidificar esse projeto era cada vez maior. Steve passou os anos 70 ouvindo Deep Purple e Scorpions e veio se aprofundar ainda mais no cenário metal ouvindo bandas como Iron Maiden, Judas Priest e Motörhead no começo dos anos 80.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Steve cresceu em uma família cristã mas seguiu pelo "mau caminho" durante sua adolescência até que um amigo lhe passou um disco da Rez Band, que foi um ponto de retorno para Steve. De imediato ele voltou para Cristo entregando-lhe sua vida e agradecendo a Deus pelo dom da Metal music cristã. Logo vieram Stryper e Barren Cross e Steve viu que o impacto do metal poderia estar tanto nas bandas cristãs como nas não-cristãs, que esse instrumento poderia ser usado tanto para o mal quanto para o bem.

1986 viu o nascimento da LightForce e a gravação de duas demos, mas foi em 87 que as coisas realmente melhoraram. Com Steve Johnson no vocal, Cameron Hall na guitarra, Errol Willemburg na bateria e Steve Rowe no baixo a banda gravou seu primeiro álbum, o Battlezone. Em 1988 gravaram o Mystical Thieves que vendeu 13.000 cópias produzido pela Pure Metal. Quando, em 1989 estavam para gravar o terceiro álbum, o Epidemic of Injustice, a banda morre para dar lugar ao nascimento do Mortification.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Steve Rowe assumiu definitivamente a direção da banda, decidindo por um som mais pesado, mais thrash. Também decidiu fazer o vocal ao mesmo tempo em que tocava baixo. O nome MORTIFICATION foi escolhido em 90 para melhor rotular as novas direções que a banda havia tomado. Mortification não faz um som obsoleto e nem dita tendências, mas está sempre adicionando influências modernas ao seu tradicional estilo "Extreme Metal". Os álbuns Break the Curse (1990) e Mortification (1991) foram influenciados principalmente pelo estilo thrash antigo e pelo grindcore.

Em 1992, entusiasmados a respeito das novas tendências do metal pesado eles fizeram um levantamento sobre o death metal e grindcore para a gravação do Scrolls fo the Megilloth.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em 1993 Steve percebeu que aderir a cada nova tendência que aparecia era um pouco idiota considerando que tendências "vêm e vão", e resolveu se conciliar com seu verdadeiro estilo do passado. Jeyson Sherlock decidiu atacar no doom-metal se juntando ao Paramaecium, mas antes de partir, com Steve e Michael Carlisle, gravaram Post Momentary Affliction e Live Planetarium, o qual realmente mostrou a maturidade musical que a banda havia alcançado.

A combinação absolutamente bizarra de estilos extremos começaram a separar o Mortification das bandas que tocavam aquele estilo e aumentou a audiência da banda que muito rapidamente foram reconhecidos como inovadores.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em 1994 Blood World aumentou significativamente sua audiência e levou a música a um nível diferente quando Steve optou por adicionar um som groove moderno ao thrash da banda. Blood World se tornou o seu maior sucesso de vendagem.

Em dezembro de 1994 Michael Carlisle e Phill Gibson não poderiam continuar na banda por compromissos pessoais. No começo de 95 Steve viajou para os Estados Unidos e recrutou os serviços de Bill Rice e Jason Campbell para completar a linha de frente para a gravação e tours. Steve conheceu os dois quando a tour do Blood World passava pelo Canadá e foi noticiado de suas habilidades musicais. Após apenas cinco dias de ensaios Steve, Bill e Jason entraram nos estúdios da Frontline com o legendário guitarrista e produtor George Ochoa. Primeiro foram gravados baixo e bateria. Em L.A. gravaram vocal e guitarra completando o trabalho do Primitive Rhythm Machine. Primitive é o único álbum gravado nos EUA e é o último do contrato com a Frontline. Ele fecha os primeiros cinco anos da banda com chave de ouro e é uma mistura de todos os álbuns anteriores.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Voltando para a Austrália juntaram-se a Steve dois Australianos, o amigo de longa data Keith Bannister na batera e o talentoso guitarrista Lincoln Bowen. O penúltimo álbum da banda intitulado EnVision EvAngelene foi gravado em novembro de 95 e distribuido em janeiro de 96 pela Rowe Productions e em maio foram gravados os dois EPs "Live Without Fear" e "Noah Sat Down ans Listened to Mortification Live EP While Having a Coffee".

Após isso Steve foi informado ser portador de Leucemia Linfática. Passou por um transplante de medula que não adiantou muito (ver notícias) e por algumas vezes sentiu que iria morrer. Após um ano de luta finalmente chegou ao fim e os médicos informaram que lhe restavam duas horas de vida e foi então que ele experimentou o Triunfo da Misericórdia (título do novo álbum). Agora com o trabalho novo a banda quer mostrar que nem só de luta vive a banda mas de milagres, que fazem também parte de seu repertório.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O aspecto mais importante da banda Mortification é que todos seus integrantes são nascido de novo, cristãos cujo principal objetivo para com a banda tem sido compartilhar sua fé em Jesus Cristo. No mundo da música onde mensagens do mal, antisocial e satânicas são tão prevalecentes a mensagem do Mortification é um sopro de ar fresco para todos que a ouvem.

Com um Mortification ressurgido o trio continua levando sua mensagem de MORTIFICAÇÃO. Fiquem ligados.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Tunecore 2
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

White Metal: 10 bandas do estilo que merecem respeitoWhite Metal
10 bandas do estilo que merecem respeito


Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook