Evergrey: Um espetáculo memorável em Sorocaba

Resenha - Evergrey (Plaza Hall, Sorocaba, 31/07/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Marcello Santos
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O Evergrey esteve recentemente em terras tupiniquins para divulgar o seu último trabalho de estúdio. A turnê “Glorious Collision Brazilian Tour” passou por cinco cidades, e o público brasileiro pôde ver pela primeira vez os três novos integrantes em ação com a banda. Em Sorocaba, Tom Englund (vocais e guitarra), Marcus Jidell (guitarra), Johan Niemann (baixo), Rikard Zander (teclados) e Hannes Van Dahl (bateria) trouxeram para o palco o que o Evergrey tem de melhor: músicas de extrema qualidade!

5000 acessosGuns N' Roses: mãe de Steven Adler comenta a emoção do filho5000 acessosTrujillo sobre Zakk Wylde: "ele é uma máquina de beber"

O pequeno público que compareceu ao Plaza Hall em 31/07 teve diante de seus olhos a prova de que não é preciso uma casa cheia para se ter um grande espetáculo. Mesmo com o atraso de quase 2 horas e meia para a abertura da casa, a galera não desanimou, pois sabiam que aquela oportunidade de ver uma grande banda tão de perto seria única.

Às 20hs, três bandas deram início a uma verdadeira chuva de metal. As ótimas PERC3PTION e MAGNA DOMINI, e a excelente PERVENCER (e digo excelente mesmo, pois a qualidade sonora do grupo e as habilidades técnicas de cada integrante me impressionaram) mais que aqueceram a platéia, composta por aproximadamente 100 pessoas.

E por volta das 22h15min, os suecos do EVERGREY subiram ao palco, e a partir dali, despejaram por quase duas horas muita fúria, solos, riffs de guitarra, interpretações intensas, e muito, mas muito peso! Foram 16 canções arrasadoras passando por quase todos os álbuns da discografia da banda.

O grupo abriu sua apresentação com muita energia tocando “Leave It Behind Us”, do mais novo álbum, “Glorious Collision”. A pancadaria continuou com “Monday Morning Apocalypse”, mostrando a ótima forma e a perfeita sincronia dos integrantes (que é de se destacar, já que a banda passou por mudanças em seu line-up recentemente).

Em “As I Lie Here Bleeding”, a banda fez com que a platéia continuasse com a empolgação no máximo, com suas maravilhosas linhas de teclado (à cargo de Rikard Zander) e mantendo o peso das canções anteriores. Também fez com que todos cantassem, a plenos pulmões, o sucesso “The Masterplan”.

O grupo era bastante comunicativo e esbanjava simpatia. Englund e Jidell acenavam para o público a todo o momento (inclusive pra mim, um dos poucos que ficaram nos camarotes do Plaza Hall). O vocalista, aliás, além de se destacar como um grande frontman, também se destacou dando belas goladas em sua garrafa de Jack Daniel’s.

Entre bebidas e provocações, os suecos prosseguiram tocando músicas que fizeram com que a banda conquistasse muitos fãs no decorrer de sua carreira, como “Rulers Of The Mind”, “Blinded”, “Solitude Within”, “Nosferatu” e ”I’m Sorry”. “Frozen” deu fim à primeira parte do show, mas a banda voltaria ao palco em alguns instantes para o bis, com a instrumental “When The Walls Go Down”.

E quando o final do show se aproximava, veio aos fãs o maior presente da noite: Englund anunciou que a banda ficaria na casa para bater um papo com a galera!

Sendo assim, o quinteto de Gotemburgo finalizou a apresentação tocando a clássica “A Touch Of Blessing”, dando fim a um espetáculo memorável. E os que ficaram por lá tiveram a chance de ganhar palhetas, baquetas, tirar fotos e beber um uísque com a banda. Um grande show, seguido da oportunidade de ficar frente a frente com os caras, fizeram com que os poucos fãs presentes não se arrependessem, e justificou com folga cada centavo pago pelo ingresso.

Set List da apresentação:
Leave it Behind Us
Monday Morning Apocalypse
As I Lie Here Bleeding
The Masterplan
Rulers of The Mind
Mark Of The Triangle
Wrong
Blinded
Solitude Within
Nosferatu
I’m Sorry
Frozen

Bis:
When The Walls Go Down
Recreation Day
Broken Wings
A Touch Of Blessing

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Evergrey (Plaza Hall, Sorocaba, 31/07/2011)

1590 acessosEvergrey: numa noite nublada, úmida e abafada em Sorocaba

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Evergrey"

EvergreyEvergrey
Os discos que marcaram o vocalista Tom Englund

Metal suecoMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Evergrey"

Guns N RosesGuns N' Roses
Mãe de Steven Adler comenta a emoção do filho

Rob TrujilloRob Trujillo
Sobre Zakk Wylde: "Ele é uma máquina de beber!"

FalênciaFalência
Sete Rock Stars que foram à bancarrota

5000 acessosRush: Neil Peart ainda tem aulas de bateria5000 acessosTrítono: Diabolus In Musica e a relação com a Igreja5000 acessosSuzi Quatro: a importância da linda baixista para o rock5000 acessosDuff McKagan: a evolução dos shows na América do Sul5000 acessosMetallica: Em fotos, a evolução de James Hetfield4731 acessosMetallica: Hetfield comenta sobre composição de letras

Sobre Marcello Santos

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online