Dimebag: Vinnie Paul comenta experiências sobrenaturais

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Romeu Mesquita, Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Ver Acessos

Christine Carney, do MP3.com, entrevistou em julho de 2006 o baterista do PANTERA/DAMAGEPLAN, Vinnie Paul Abbot. Confira abaixo um trecho da entrevista.

Pink Floyd: o maior concerto de rock já produzidoCarlos Eduardo Miranda: "Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mp3.com: Eu sei que você disse que sente a energia de Dime, e você sabe que ele está aprovando o que você faz. Mas fico curiosa. Você já teve algum tipo de experiência sobrenatural com Dime? Como se ele fizesse você saber que ele esta por perto?

Vinnie Paul: Bem, isso acontece todo dia. Seu número era 3, sabe? E todo dia, 3h33 vai aparecer no relógio, e eu tento nem olhar. Isso me lembra dele. Não importa se é à noite ou durante o dia. Eu vou estar fazendo alguma coisa, vou estar no meio de alguma coisa, ocupado, e vou olhar no relógio, e serão 3h33. Ou então vou virar a esquina, e o endereço será 333, ou alguma coisa, sabe? É o mais perto que posso dizer que ocorre de sobrenatural. E toda hora estou pensando "é ele lembrando-nos que ainda está por aqui."

MP3.com: E sobre sua personalidade e musicalidade? O que você vai fazer agora, que rumo vai tomar?

Vinnie Paul: Eu realmente sinto falta de tocar bateria, sinto falta de estar no palco. Ainda tenho uma enorme paixão por isso, e sei que vou fazer isso novamente, no futuro. Tive sorte o bastante de poder ter tocado com várias de minhas bandas favoritas no ano passado. Toquei com Anthrax, Disturbed, Zakk Wylde e o Black Label Society. Passei uma semana com Sammy Hagar em Cabo, e toquei com ele e com Michael (Anthony) toda noite, durante uma semana. Na verdade, eles vieram aqui no domingo à noite e eu toquei com eles. E foi maravilhoso. Então, eu sei que eu ainda quero fazer isso, e sei que vai acontecer. Só precisamos esperar um tempo para tomar conta das coisas e pôr tudo no lugar. E quando a hora certa chegar, com certeza voltarei a tocar. Esperem por mim!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Pantera"Todas as matérias sobre "Damageplan"Todas as matérias sobre "Dimebag Darrell"Todas as matérias sobre "Vinnie Paul"


Guitar World: os 100 melhores guitarristas de hard rockGuitar World
Os 100 melhores guitarristas de hard rock

Pantera: Ainda tenho pesadelos com a banda, afirma Rex em vídeoPantera
"Ainda tenho pesadelos com a banda", afirma Rex em vídeo


Pink Floyd: o maior concerto de rock já produzidoPink Floyd
O maior concerto de rock já produzido

Carlos Eduardo Miranda: Um monte de roqueirinho que só quer ser da GloboCarlos Eduardo Miranda
"Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"


Sobre Romeu Mesquita

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336