Líder do Vader comenta a morte de ex-baterista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Glauco Silva, Fonte: Blabbermouth.net
Enviar correções  |  Ver Acessos

Dr. Abner Mality, do webzine Wormwood Chronicles, recentemente entrevistou Peter, o guitarrista e vocal do VADER. Seguem alguns trechos:

Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoPilares: O início do Heavy Metal em 1969

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Wormwood Chronicles: A próxima pergunta é meio intensa. Quando você sobe ao palco atualmente, existem vezes em que você olha para a bateria no fundo e ainda vê o Doc lá? (o ex-baterista da banda morreu em 2005 após uma longa luta contra o vício.)

Peter: Na verdade, não vejo as coisas assim, não penso deste modo. Conhecia o Doc há muito tempo. Tentei ajudá-lo diversas vezes. Perdi a iniciativa de fazer isto após muitos anos de provações, tentando explicar a ele o que era bem claro pra todo mundo. E ele era meu amigo. Sinto muito que algo assim tenha ocorrido, que eu não pude fazer nada depois de tantas tentativas. Então essa deveria ser uma lição aos demais... como as histórias acabam quando você não consegue se controlar. É tudo que posso dizer sobre isso. O que estamos tentando fazer agora é ajudar a família do Doc.

Wormwood Chronicles: Vocês recentemente mudaram de selo, da Metal Blade para a Regain Records. Qual a razão pra a troca?

Peter: A mesma pela qual mudamos no passado - não nos davam atenção o suficiente. Não esperamos nada especial de uma gravadora, mas queremos um tipo de confiança para nossa banda e nossa música. Não podíamos fazer nada com a gravadora que não fosse possível efetuarmos sozinhos. Esperamos este tipo de apoio da Regain e no momento temos muita esperança. A Metal Blade nos EUA é bem diferente da filial européia. A Metal Blade na Europa fez muito por nós... queriam nos ajudar. Já na América... tive a chance de falar com os chefes lá e o que ouvi foi 'Você é ótimo, cara!' e acabou. (risos) Mais nada!

Wormwood Chronicles: Ou seja, eles não tinham um planejamento.

Peter: Certo, isso. Se um selo dedica toda sua atenção a três outras bandas, não são as pessoas certas para trabalharmos, pois necessitamos ser uma destas bandas! Precisamos de uma chance. Passamos um tempão aguardando mais da Metal Blade America, e esperávamos mais.

A íntegra da entrevista pode ser conferida em www.wormwoodchronicles.com.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Vader"


Metal Hammer: As melhores músicas da história do Death MetalMetal Hammer
As melhores músicas da história do Death Metal

HailMetal.com: Os cinqüenta melhores álbuns de Death MetalHailMetal.com
Os cinqüenta melhores álbuns de Death Metal


Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoSlash
Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

Pilares: O início do Heavy Metal em 1969Pilares
O início do Heavy Metal em 1969


Sobre Glauco Silva

36 anos, solteiro, estudou Linguística e Engenharia de Alimentos na UNICAMP. Tem sua sobrevivência (CDs, cigarro e cerveja) garantida no trabalho em uma multinacional. Iniciado no Metal em 1988, é baixista/vocal do LACONIST (Death Metal) e acredita fielmente que o SARCÓFAGO é a melhor banda do universo.

Mais informações sobre Glauco Silva

Mais matérias de Glauco Silva no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336