The Kinks: entrevista com o guitarrista Dave Davies

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Otávio Fernandes, Fonte: Classic Rock Magazine, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 20/05/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Guitarrista e membro fundador dos KINKS, Dave Davies conversou com o pessoal da Classic Rock Magazine. Entre outras coisas, falou a respeito das reedições dos álbuns dos KINKS (os três primeiros álbuns do grupo - “The Kinks”, “Kinda Kinks” e “The Kink Kontroversy” - foram recentemente relançados em versões expandidas) e fez menção a uma possível paternidade do heavy metal.

5000 acessosGuns N' Roses - Perguntas e Respostas5000 acessosDavid Bowie: muito mais assustador que Michael Jackson

Confira alguns trechos da entrevista:

Como você avalia esses álbuns agora?

Soam melhor do que nunca. Como toda boa arte, eles nunca perdem a qualidade, a unidade e a inspiração.

Muitas pessoas consideram o riff de “You Really Got Me” como o nascimento do heavy metal. Você concorda?

Acho que o riff e, claro, o som da guitarra que eu desenvolvi, foram realmente o começo do rock pesado de guitarra e o princípio do heavy metal. Eu gostaria de ter patenteado o som (Risos).

Qual é a sua época favorita dos THE KINKS?

Eu gosto de cada época por razões diferentes. Os anos 60, por seu frescor e espontaneidade, sexualidade e singularidade.Os 70, por sua criatividade e desenvolvimento musical. Os 80 e 90, por sua força, atitude profissional e energia criativa altamente sintonizada e seu fascinante brilho, ainda que sutil.

Tem-se falado de uma reunião dos KINKS. Você consideraria essa possibilidade?

Tudo é possível, mas existem algumas questões criativas e empresariais que precisam ser levadas em consideração antes que possamos especular mais a respeito.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Kinks"

CensuraCensura
8 clipes de rock/metal que já foram banidos da televisão

Rolling StoneRolling Stone
As melhores faixas que fazem parte de álbuns ruins

The KinksThe Kinks
Em 1964, o lançamento de "You Really Got Me"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Kinks"

Guns N RosesGuns N' Roses
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

David BowieDavid Bowie
Muito mais assustador do que Michael Jackson

ShamanShaman
Fernando Quesada desabafa sobre cena brasileira

5000 acessosDanilo Gentili: O sertanejo tem mais atitude roqueira que o próprio roqueiro5000 acessosPower Metal: 10 álbuns essenciais do estilo5000 acessosAC/DC: isso sim é uma bela estrada para o inferno4167 acessosAnthrax: "não fomos os primeiros a fazer rap e metal"5000 acessosGuns N' Roses: Axl desafina guitarra de Slash e pede desculpas5000 acessosHeavy Metal: fãs do gênero são os menos propensos a trair seus parceiros

Sobre Otávio Fernandes

Paulistano, trinta e tantos anos, formado em dramaturgia com especialização em documentário. Burocrata de profissão, já foi um pouco de tudo: de diretor de curta-metragens a barqueiro no rio Amazonas. Particularmente interessado no blues-rock do final dos anos 60 e no hard rock do início dos 70.

Mais matérias de Otávio Fernandes no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online