Dark Funeral: Lord Ahriman se pronuncia sobre morte de Blackmoon

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Henrique Schmidt, Fonte: Facebook
Enviar Correções  

Alguns dias atrás fui atingido pela terrível notícia que meu velho irmão David 'Blackmoon' Parland havia falecido e entrou no fogo eterno de uma vez por todas. Levei alguns dias para entender tudo. E ainda dói, muito, até mesmo para pensar falar sobre isso.

Durante o últimas semanas eu estava em contato com David. Ele estava passando por um momento extremamente difícil da vida, do qual ele entrou em contato comigo para pedir a minha ajuda.

publicidade

Mesmo que nós dois tivessemos uma relação um pouco complicada ao longo dos anos, (embora mais excessiva na mídia), ele sabia que poderia sempre ligar ou visitar-me quando necessário, o que ele também fazia de vez em quando.

A última vez que falei com ele, foi quando me ligou, em 15 de março. Pelo que pude entender as coisas estavam indo na direção certa. Eu também tinha boas notícia para ele, que ele estava muito feliz em ouvir falar. O que aconteceu depois que eu simplesmente não consigo entender. E eu não consigo entender por que ele não me ligou (de novo). Tão perto, tão perto para voltar ao caminho irmão. Por quê?

publicidade

Você fará falta profundamente! Que você possa reinar para sempre e sempre no fogo eterno do inferno. Salve as hordas!

Lord Ahriman.


Blackmoon (David Parland) juntamente com Lord Ahriman formaram em 1993 o Dark Funeral. Ele gravou os discos "Dark Funeral (1994)" e "The Secrets of the Black Arts (1996).

publicidade

Parland estava se preparando para gravar o primeiro full-length da Infernal entitulado "The Infernal Retribution", que seria lançado em meados de 2013.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Pseudônimos no Black Metal: De entidades pagãs a O Senhor dos AnéisPseudônimos no Black Metal
De entidades pagãs a O Senhor dos Anéis

Metal Injection: os cinco bateristas mais insanos do Black MetalMetal Injection
Os cinco bateristas mais insanos do Black Metal


Separados no nascimento: Sebastian Bach e Fernanda LimaSeparados no nascimento
Sebastian Bach e Fernanda Lima

Slayer: fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela bandaSlayer
Fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda


Sobre Carlos Henrique Schmidt

Graduado em Computação e Administração, a paixão pela música pesada surgiu nos primeiros anos da adolescência e permanece até os dias de hoje. Apesar da preferência pelos estilos mais x-tremos da música pesada (Black, Death, Grind), o seu universo musical não limitado por estes rótulos, mas pelo que a música em si transmite.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin