The Winery Dogs: cobertura do show em São Paulo no FuteRock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Charley Gima, Fonte: FuteRock
Enviar correções  |  Ver Acessos

Charley Gima, o Reporter MiG 18, cobriu o show do The Winery Dogs para o FuteRock.

Billy Sheehan: conheça os músicos que acompanharão o baixista em SP em outubroPorta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros

The Winery Dogs é uma super banda formada por Mike Portnoy (ex-DreamTheater / Avenged Sevenfold), Billy Sheehan (ex-Mr. Big) e Richie Kotzen (ex- Poison / Mr. Big), que juntos mostram a química perfeita dentro do Rock N'Roll, misturando vários estilos dentro do Rock, desde o Blues até o mais progressivo, passando é claro pelo hard Rock, sem deixar o feeling de lado, fazendo com que as músicas soem de forma que todos possam senti-la, é realmente algo indescretível!

A casa é pequena, e é gratificante poder presenciar de tão perto três artistas juntos dividindo o palco mostrando que estão lá porque gostam do que fazem, afinal todos já fizeram extensas turnês mundiais lotando arenas e estádios!

Os fãs agradecem e vibram a cada nota deste show, que foi centrado no trabalho do The Winery Dogs, sem necessidade de tocarem covers de suas ex bandas. E, mesmo o CD ainda não ter sido lançado no Brasil, os fãs conheciam as músicas e participaram de todo o set. Era visível a felicidade de Sheehan, Portnoy e Kotzen, ao receber a resposta do público paulistano!

O solo de bateria, que geralmente aproveito pra beber algo ou ir ao banheiro, por incrível que pareça, foi curto e bem interessante! Billy Sheehan fez um solo mais demorado, mas mostrando toda sua técnica e competência no baixo, chegando até a fazer um scratch no baixo, como se fosse um DJ! Esse cara com certeza não é deste planeta! Kotzen,por sua vez, pegou um violão elétrico e cantou Stand sozinho no palco, para logo em seguida mandar ver Shine, do Mr. Big, já com a banda de volta e a guitarra nos braços. É difícil saber o que ele faz melhor, cantar ou tocar!

Os três músicos do The Winery Dogs, provaram que pra fazer um bom show, com uma boa música, não precisa de parafernálias tecnológicas e backing vocals dançarinas, é necessário apenas bons músicos que saibam tocar bem seus instrumentos!

A resenha completa do show, com fotos e vídeo exclusivo da música "Criminal" podem ser vistos no FuteRock:
http://futerock.com/2013/07/27/the-winery-dogs-arrasa-em-sho...




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "The Winery Dogs"


Billy Sheehan: conheça os músicos que acompanharão o baixista em SP em outubro

Sons Of Apollo: qual a opinião de Richie Kotzen sobre a bandaSons Of Apollo
Qual a opinião de Richie Kotzen sobre a banda

Mike Portnoy: ele sabe que não é o melhor baterista de todosMike Portnoy
Ele sabe que não é o melhor baterista de todos

Mike Portnoy: a diferença entre banda e projetoMike Portnoy
A diferença entre "banda" e "projeto"


Porta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleirosPorta dos Fundos
Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros

Ozzy Osbourne: comendo oferenda de macumba no Rock in RioOzzy Osbourne
Comendo oferenda de macumba no Rock in Rio

Doom Metal: os dez trabalhos essenciais do estiloDoom Metal
Os dez trabalhos essenciais do estilo

Tom Araya: Não sou ateu; acredito em Deus!Tom Araya
"Não sou ateu; acredito em Deus!"

Dave Mustaine: Kiko é o primeiro que me intimida desde FriedmanDave Mustaine
"Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"

Rammstein: Veja o que os alemães pensam sobre a banda (vídeo)Rammstein
Veja o que os alemães pensam sobre a banda (vídeo)

Power Metal: 10 álbuns essenciais segundo About.comPower Metal
10 álbuns essenciais segundo About.com


Sobre Charley Gima

Editor-chefe do Blog FuteRock e CEO da MiG18 Comunicação, empresa que trabalha Comunicação integrada, MKT Digital e Social Media/Fanpages, produção e administração de shows e eventos diversos desde 2004, sendo responsável pela produção de shows nacionais e internacionais, além de licenciamento e uso de marcas e imagens de bandas e artistas internacionais em shows no Brasil.

Mais matérias de Charley Gima no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336