Raimundos: Canisso fala sobre recomeço da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por André Nascimento, Fonte: Território da Música
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 10/03/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Canisso, baixista do RAIMUNDOS, falou numa entrevista concedida ao site Território da Música sobre o recomeço dele (e dos RAIMUNDOS) após o ano de 2007. Leia o trecho da entrevista:

626 acessosRaimundos: Fotos da apresentação em São Luís5000 acessosDébil Metal: quando os fãs assustam os ídolos

Por que a demora para lançar um novo disco? Entre “Cantigas de Roda” e "Kavookavala" há mais de uma década...

Canisso: São doze anos. É mais tempo do que o Raimundos existiu antes... Bom, eu saí da banda em meados de 2002, voltei em julho de 2007. Foi quando a gente reestruturou a banda. Começamos praticamente do zero: a gente viajava, os quatro músicos e um técnico de som, sem roadie, sem empresário, sem equipe. Estávamos matando um leão por noite. Lutando contra a sombra do falecido, digamos [Canisso se refere a Rodolfo, ex-vocalista]. Toda noite tendo que provar que a banda não era ele, que a banda era essas quatro pessoas. A gente ainda tinha alguma relevância, tinha lenha para colocar na caldeira. Como a gente sobreviveu a isso, chegou o momento de um disco.

Eu acho que se a gente tivesse feito o disco naquele primeiro momento, com a banda ainda se reestruturando, não seria a mesma coisa. Precisávamos ter passado por esse reposicionamento na cena.

E foi preciso um intervalo de 12 anos para que a banda chegasse nesse momento?

Canisso: A gente sentiu que era o momento por volta de 2012. Então a gente começou a juntar uns esqueletos de músicas e fazer as primeiras sessões de brain storm para compor. Até aquele momento, a gente meio que brigava dentro da banda. Por que parte da banda já queria parar e compor e outra parte tinha medo de ainda ser cedo. Eles passaram por isso no intervalo em que eu fiquei fora da banda. O Raimundos lançou um disco que passou em branco. O disco é até legal, mas acho que faltou estratégia.

Como assim?

Canisso: Uma estratégia como a que estamos usando agora. Antes de 2007 não houve essa tentativa de se tornar relevante. De passar por aquelas coisas que uma banda passa quando está começando.

O Raimundos precisava começar de novo?

Canisso: Sim, aquela coisa de quatro amigos num carro, os instrumentos na bagagem, rachando hotel, rachando os custos. Normalmente isso é mais prejuízo do que lucro.

A entrevista com Canisso na íntegra pode ser lida no link abaixo:
http://www.territoriodamusica.com/noticias/?c=35142

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 10 de março de 2014
Post de 11 de março de 2014
Post de 17 de março de 2014

626 acessosRaimundos: Fotos da apresentação em São Luís1021 acessosRaimundos: veja a entrevista de Canisso ao Minha Brasília769 acessosRock Comédia: em vídeo, as dez melhores bandas brasileiras0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Raimundos"

RodolfoRodolfo
"O rock brasileiro entrou numa crise desde o começo dos anos 2000"

RaimundosRaimundos
Ficou aquele gostinho de que podia ser melhor

RaimundosRaimundos
Veja HQ baseada na letra de "Puteiro em João Pessoa"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Raimundos"

Débil MetalDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

Pra convencerPra convencer
Dez álbuns de metal para quem não gosta de metal

MegadethMegadeth
Recadinho provocante da vocal do Huntress

5000 acessosBandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresa5000 acessosIron Maiden: mulheres em uniforme de couro e com spikes5000 acessosMetallica e Lady Gaga: veja a performance conjunta no Grammy5000 acessosKiko Loureiro: como ele vê ser chamado de melhor guitarrista por Dave Mustaine5000 acessosFestivais: As bandas novas começam a sobressair sobre as velhas5000 acessosJosefus, The Dead Man From Texas

Sobre André Nascimento

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de André Nascimento no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online