Metallica: Lars embebedou Robert Trujillo na audição para a banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em conversa com Marc Maron para o podcast WTF With Marc Maron, em 2015 o baixista Robert Trujillo falou sobre a audição que fez em 2003 para entrar no lugar de Jason Newsted, no que foi exibido no documentário "Some Kind of Monster", lançado no ano seguinte.

Megadeth: "Magia negra arruinou minha vida", diz MustaineSons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Foi um dia muito surreal para mim. Mas quando se tem uma chance dessas, tudo parece tão... estranho. Sim, é esta a palavra. Pois eu lembro que fui lá e cheguei atrasado, como sempre fazia nesta época. Vou contar como foi a a audição, basicamente algo de dois dias. No primeiro eu fui lá apenas para observar. Bob Rock estava lá. O baixo já tinha sido gravado (para o "St. Anger"); Bob Rock gravou o baixo. Então eu apenas estava lá. Lars, James e Kirk me disseram para eu relaxar. E eu estava meio que apenas relaxando naquele grande prédio, mas me sentindo meio perdido pois ninguém falava comigo, e eu apenas estava lá. E de repente eles me chamaram para a sala de controle. Fiquei lá, enquanto eles finalizavam as músicas. Então foi isto que fiz, fiquei apenas relaxando. Deu onze da noite e Lars... estávamos no estacionamento, fomos os últimos a sair, e ele me convidou para beber. Topei e fomos para o primeiro bar, bebemos algumas, fomos para o segundo, tomamos outras, vamos para o terceiro e bebemos mais algumas, e no fim da noite acabamos na casa dele para beber mais um pouco. Já eram cinco da manhã, eu nem conseguia dirigir mais. Acabei ficando e dormindo no quarto de hóspedes. As nove da manhã, ou seja, quatro horas mais tarde, Lars estava na esteira, já sóbrio, e eu com uma dor de cabeça infernal. Ele me diz 'Vamos para o estúdio'. Eu segui dirigindo atrás dele, mal conseguia manter os olhos abertos".

"Chegamos no estúdio, bem na hora que os caras do Metallica estavam passando por aquele lance de terapia com o tal do Phil Towle, que eles diziam ser algo tipo alguém que estava lá para 'motivá-los' ou algo assim. Podia ser bom para a banda, mas era estranho para mim., que ainda por cima estava com uma maldita dor de cabeça. James havia superado recentemente os problemas com bebida, e a última coisa que ele queria na banda seria um mexicano bêbado, que era eu. Então estou eu sentado na mesa com a pior dor de cabeça do mundo, de ressaca, e de repente me dei conta que Lars deveria ter feito aquilo para me testar, para ter certeza que eu poderia andar com ele. Não tinha dúvidas, tinha que ser isto, um teste. Eu ia ao banheiro, jogava água na cara e me estapeava, me forçando a aguentar. Mas eu queria mesmo era dizer pros caras que eu não conseguia tocar naquele instante, eu estava mal, muito mal".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Mas segui em frente. Conhecia a parte técnica do baixo, desde que o Suicidal Tendencies esteve em turnê com o Metallica, em 1993, na época do 'Black Album.' Então Zach Harmon, até hoje meu técnico de baixo, o chamei para ir escolher um instrumento e a configuração do amplificador. Usei isto como desculpa para disfarçar minha ressaca".

"E no fim das contas, apesar de completamente fora de forma, a audição foi muito boa. Tocamos 'Battery' e eu acho que isto ajudou a me acalmar. É o que vocês tem no filme. Mas eu estava podre, Hetfield me fazia perguntas e eu respondia de forma meio idiota, pois minha cabeça não estava lá. Quando vejo o documentário 'Some Kind of Monsters' lembro da camisa marrom da Armani, que eu nunca teria em minha vida, pois não era minha, era do Lars. A mulher dele na época me deu a camiseta pois eu usava outra muito velha e acabada, e não iria ficar bem na frente das câmeras".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Metallica"Todas as matérias sobre "Robert Trujillo"


Metallica: A reação de James a famosos usando camisetas da bandaMetallica
A reação de James a famosos usando camisetas da banda

Top 5 Metallica: About.com elege os cinco melhores álbunsTop 5 Metallica
About.com elege os cinco melhores álbuns


Megadeth: Magia negra arruinou minha vida, diz MustaineMegadeth
"Magia negra arruinou minha vida", diz Mustaine

Sons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!Sons Of Anarchy
A obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280