RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagemMax Cavalera escolhe seus álbuns "não metal" preferidos

imagemRamones: C.J. conta que Johnny se recusou a visitar Joey em seu leito de morte

imagemSite chileno cita data do Iron Maiden no país e medalhões como possíveis bandas de abertura

imagemA icônica reportagem de Glória Maria em que Raul Seixas disse que foi atropelado por onda

imagemAngra anuncia sua turnê "The Best Of 30 Years" com setlist renovado

imagemA inesperada opinião de Bell Marques (ex-Chiclete com Banana) sobre o rock progressivo

imagemZakk Wylde tira o corpo fora ao ser questionado sobre cancelamento de shows do Pantera

imagemO clássico da banda Evanescence que a vocalista Amy Lee odiava

imagemOzzy Osbourne aparece em público pela primeira vez após anunciar aposentadoria das turnês

imagemThiago Bianchi explica sucessão de problemas durante show de Paul Di'Anno

imagemA inesperada banda brasileira que não sai dos ouvidos de Jeff Scott Soto

imagemMustaine tentou fazer hit radiofônico e acabou escrevendo a "música mais idiota" do Megadeth

imagemManowar no Brasil? Banda posta bandeira brasileira e fãs ficam empolgados

imagemEric Clapton: Conheça o guitarrista que ele chamou de "o melhor do mundo"


Exilio Angel

Eric Clapton relembra como era ser chamado de Deus nos anos 60

Por André Garcia
Postado em 08 de dezembro de 2022

Na segunda metade dos anos 60 a popularidade de Eric Clapton já era tamanha na Inglaterra que começaram a surgir pichações dizendo "Clapton is God [Clapton é Deus]". Muito se especula sobre como aquilo afetava o guitarrista — se o afetava positiva ou negativamente.

Foto: Divulgação - Facebook
Foto: Divulgação - Facebook

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Conforme publicado pela Music Radar, em entrevista de 1994 para a revista britânica Guitarrist, ele, entre outras coisas, falou sobre esse assunto.

Guitarrist: Vamos falar sobre aquela coisa toda de "Clapton é Deus" que aconteceu no final dos anos 60. Você ficou incomodado com aquilo?

Eu achei aquilo bem apropriado, para ser sincero [risos]! Acho que eu sentia que merecia pela seriedade que eu colocava naquilo. Eu era mortalmente sério em relação ao que eu fazia, [que] para mim todos os outros estavam lá só para aparecer no Top of the Pops ou para pegar mulher, ou alguma outra coisa questionável.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Meu objetivo era salvar o mundo. Eu queria falar para todo o mundo sobre o blues e fazer o que era certo. Eu cheguei ao ponto de acreditar estar em algum tipo de missão divina. Então, de certa forma, eu pensei "Sim, eu sou Deus, isso aí". Minha cabeça estava nas alturas. Eu era insuportavelmente arrogante, não era uma pessoa agradável de conviver na maior parte do tempo, porque me sentia superior e muito crítico. Eu não tinha tempo para nada que não servisse a meus propósitos.

Cream

Ginger Baker, Jack Bruce e Eric Clapton, que já tinham passagem por bandas como Yardbirds, John Mayall & The Bluesbreakers e Graham Bond Organisation, se cansaram de tocar em bandas dos outros. Com a formação do Cream, eles decidiram que era hora de se tornarem protagonistas de sua própria história.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Misturando blues, rock pesado e psicodelia, serviu de inspiração para nomes como Jimi Hendrix e influenciou a santíssima trindade do heavy metal: Led Zeppelin, Deep Purple e Black Sabbath. Entretanto, as constantes tensões internas entre os três não demoraram para implodir a banda.

Embora tenha durado apenas dois anos e lançado apenas três álbuns, vendeu mais de 15 milhões de cópias, sendo "Wheels of Fire" (1968) o primeiro álbum duplo a chegar a disco de platina.

Em 1993, o Cream se reuniu especialmente para sua cerimônia de introdução ao Rock and Roll Hall of Fame. A pedido de Clapton, em 2005 o trio se reuniu pela última vez para uma série de apresentações no mesmo lugar onde eles se despediram, o Royal Albert Hall.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Música Fácil: 3 músicas fáceis que você toca errado na guitarra


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.
Mais matérias de André Garcia.