Roadrunner: capa do Sepultura, 7ª entre as mais marcantes

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Carlos Henrique Schmidt, Fonte: Roadrunner Records, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Desde 1910, músicos associaram artes visuais com sua energia sonora na forma da toda-poderosa capa de disco. E desde 1987 a Roadrunner Records tem sido fonte de imagens visualmente extasiantes e perturbadoras na vasta arte mundial dos álbuns, ainda assim honrando a tradição. Seja usando uma imagem para dar o tom para o que vai seguir nos seus auto-falantes, ou como um meio de deixar uma marca na eternidade associando uma imagem com um título, não há dúvidas quanto ao poder de uma capa de disco – que é por esta razão que o selo correu os olhos por todos álbuns lançados na Roadrunner Records U.S. para encontrar as maiores capas em sua celebrada história.

50 acessosButeco do Rock Podcast: álbuns de 20175000 acessosWest Ham: o time do coração de Steve Harris

Votada pela equipe mundial da Roadrunner, com um mostruário que vai do icônico contra o blasfemo, o pintado contra o fotografado, bem como da arte descoberta contra a arte encomendada, nós lhes damos as “Dez maiores Capas da História da Roadrunner”, uma por vez, sendo que esta do SEPULTURA está no sétimo lugar:

Este lançamento de 1993 dos metalheads brasileiros do SEPULTURA vê sonoramente a banda transcender da estética death metal a uma saída mais eclética, apresentando ritmos com mais groove, incorporando riffs mais melancólicos, sonoridades industriais e até mesmo introduzindo elementos de punk / hardcore em todo o disco. Com canções de protesto como "Refuse / Resist" e "Biotech is Godzilla" (assinada por Jello Biafra) jorrando teorias da conspiração e as letras politicamente carregadas adicionadas ao "Chaos AD", tornaram-no um álbum inovador para a banda em todo o mundo.

E a capa? Nós vamos deixar o fundador do SEPULTURA e ex-vocalista Max Cavalera descrever sua concepção.

"A capa de 'Chaos AD' foi encomendado a Michael Whelan. Nós já o haviámos usado em dois álbuns anteriores: 'Beneath the Remains' e 'Arise'. Mas estes traziam pinturas já existentes, e 'Chaos AD' foi uma pintura completamente nova que foi encomendado por nós a Michael Whelan para criar com base no nome do álbum. Nós demos o disco a ele, e ele veio com o saco de corpos com o dinheiro de cabeça para baixo e todo o material eletrônico atravessando o saco de corpos no que eu achei muito legal".

"Há muito detalhes na arte de Michael Whelan. Há muitas pequenas coisas para pessoas verem - na maquinaria pode-se ver pequenas mãos e as faces de pessoas e outras coisas assim. Eu estava realmente orgulhoso porque eu realmente gosto de Michael, eu penso que ele é um dos melhores artistas. E eu estou realmente orgulhoso que eu consegui trabalhar com ele em 'Chaos AD'. Ele conseguiu, você sabe, ele fez uma grande capa de disco que muitas pessoas amam".

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

SepulturaSepultura
"Chaos A.D." e "Roots" ganharão versões expandidas

50 acessosButeco do Rock Podcast: álbuns de 2017971 acessosSepultura: completamente diferente, sem medo de arriscar!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Sepultura"

SepulturaSepultura
Os álbuns da banda, do pior para o melhor

Cavalera ConspiracyCavalera Conspiracy
Opiniões de Max e Igor sobre a cena metal

SepulturaSepultura
"Bozó, bola pra mim uma logo pro Sepultura..."

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Capas"0 acessosTodas as matérias sobre "Sepultura"

Iron MaidenIron Maiden
Conheça o West Ham, time do coração de Steve Harris

CinemaCinema
60 filmes pra quem ama Rock e Metal

MTV UnpluggedMTV Unplugged
As 25 melhores apresentações da história

5000 acessosMetal Extremo: chocando os jurados em reality-shows5000 acessosDoom Metal: os dez trabalhos essenciais do estilo5000 acessosRobert Plant: "quase saí do Led quando meu filho morreu"5000 acessosBon Jovi: o maior fã de todos os tempos1523 acessosMetalSucks: Músicos grisalhos que continuam trues4695 acessosIron Maiden: ouça a demo-tape de Bruce Dickinson de 1981

Sobre Carlos Henrique Schmidt

Faz sua pequena parte em um universo chamado rock desde o início dos anos 90, seja comprando discos e ingressos, carregando cubos e caixas, traduzindo notícias, fazendo resenhas, escrevendo textos ou criando artes para eventos, mas, sempre fazendo o mais importante PARTICIPANDO.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online