Matérias Mais Lidas

imagemA melhor música de heavy metal lançada a cada ano desde 1970, em lista do Loudwire

imagemO carinhoso jeito de Axl Rose se desculpar com sua equipe pelo seu jeito imprevisível

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemPantera tocará no festival Knotfest Brasil, segundo jornalista

imagemFrank Zappa surpreende ao eleger seus dez álbuns favoritos

imagemAmy Lee comenta demissão de Jen Majura e diz que é preciso "ouvir o universo"

imagemAntes do Led Zeppelin, Robert Plant tentou entrar em outra banda famosa

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemDave Mustaine não queria usar as ideias de Ellefson, diz ex-baixista do Megadeth

imagemLed Zeppelin: O motivo pelo qual Jimmy Page não gosta de "All My Love"

imagemO motivo pelo qual Frank Zappa não gostava de Jim Morrison e o The Doors

imagemSamuel Rosa chama guitarrista do Pearl Jam de "menino mimado" por quebrar instrumentos

imagemDave Mustaine revela que Megadeth gravou cover do Judas Priest para a Amazon

imagemA reação do pai de Neil Peart quando ele se juntou ao Rush

imagemMustaine diz que tentou criar ambiente agradável para gravação de novo álbum do Megadeth


2022/07/09
2022/08/18

Avantasia: "Cantar Farewell afônica seria um pesadelo!", diz Marina La Torraca

Por Carlos Garcia
Fonte: Site Road to Metal
Em 01/10/16

A vocalista brasileira, que recentemente substituiu Amanda Somerville em shows da "Ghostlights Tour 2016" do AVANTASIA, tendo apenas duas semanas para se preparar, e não tendo a possibilidade de fazer nenhum ensaio com a banda, já que a tour estava em andamento, contou ao Road to Metal um pouco dessa experiência de estar ao lado de ídolos, e realizar algo que imaginava ser possível somente em sonhos. Um bela história que mostra que devemos confiar em nós mesmos, no talento e no trabalho, e que estejamos prontos se a oportunidade surgir, assim como surgiu para Marina. Confira o que Marina contou sobre essa oportunidade, o "susto" pelo pouco tempo pra se preparar, e ainda contraiu um resfriado nesses dias!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

RtM: E o convite para fazer esses shows com o Avantasia? Conte pra gente como foi que surgiu a oportunidade, e também como ficou seu coração quando aconteceu e quando você subiu no palco com eles para o primeiro show?

Marina: Bom, a Amanda meu ligou dizendo que não poderia fazer alguns shows do Avantasia e acabou por perguntar se eu não teria interesse em "quebrar o galho" pra ela. Minha primeira reação foi de choque e pânico, mas mantive a calma e disse: "Claro, tenho bastante interesse." (risos)! O primeiro show seria 2 semanas após tal ligação, he he he. Eu: "Sim, claro, ainda tenho interesse..." Mas pensando: "DUAS SEMANAS?! SEM ENSAIO?!?! Eu devo ser muito corajosa ou muito insana pra aceitar isso."

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Pra piorar a situação, peguei uma gripe horrível alguns dias antes do primeiro show em Munique e a ÚNICA coisa que eu pensava ao subir no palco era em não desmaiar nem perder a voz durante o show! he he he. Cantar "Farewell" afônica seria um pesadelo.

RtM: E sobre as preparações para esses shows, que além de muitos músicos envolvidos, tem um set-list geralmente longo. E como você disse, não teve nenhum ensaio, já que a tour estava andando, então, conte pra gente como foi essa sua preparação, e o que você fez para vencer o nervosismo e ansiedade, que acredito, deve ter sentido!

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Marina: Como disse na resposta anterior, ZERO ensaio com a banda, he he he. Treinei e me preparei em casa o máximo que pude, praticamente non-stop (mesmo estando gripada he he). O set-list do Avantasia é gigantesco e a Amanda canta em todas as músicas, não podia me dar ao luxo de parar de ensaiar.

Nervosismo e ansiedade sempre dá antes de qualquer show. Por incrível que pareça, o fato da produção ser tão grande e tão bem organizada me deixou até mais tranquila (em shows menores onde alguns membros da banda têm que cuidar de tudo, e o stress-level acaba sendo maior). E a galera toda do Avantasia (inclusive e principalmente o Tobi no primeiro show!) foi tããão receptiva e compreensiva, ótima atmosfera. O que mais senti no palco ao ver TANTA gente na platéia foi adrenalina. E um constante medo irracional de desafinar brutalmente em "Farewell" (risos)!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

RtM: Tem alguma história dos ensaios ou bastidores pra nos contar também? Devem ter muitas não é? Muita gente deve ficar imaginando como é viver o dia a dia com um projeto tão grande como o Avantasia.

Marina: Eu precisaria de uns 2 dias pra responder somente a essa pergunta (risos). Tem muita história. Depois do show na Polônia, os rockstars celebraram o último show da tour no ônibus em grande estilo: dormindo. Alguns até mesmo de mãozinhas dadas (para não ser injusta, algum consumo alcoólico foi envolvido nesse episódio).

RtM: E o balanço que você faz dessa experiência? Certamente algo que lhe agregou e agregará muito, sem falar que dará uma boa visibilidade para o Phantom Elite, ajudando a abrir algumas portas.
Marina: Foi uma experiência totalmente positiva e aprendi MUITO em pouco tempo. Realmente há muito know-how nessa produção, é um nível altíssimo de organização e experiência. Sem contar os aspectos da carreira que se aprende diretamente do convívio com essas feras.
E sim, ajuda sim a abrir muitas portas! (Risos)

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Marina ainda possui alguns concertos a fazer com o Avantasia, e segue trabalhando com sua atual banda, Phantom Elite, produzida por Sander Gommans, e que conta com músicos experientes da cena Holandesa.

Confira a entrevista completa com Marina no link abaixo:

http://roadtometal.com.br/2016/09/entrevista-marina-la-torraca-phantom.html

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Cinquenta grandes músicas lançadas por bandas de rock e heavy metal em 2022

Floor Jansen diz que achou que não fosse conseguir cantar nova música do Avantasia

Avantasia divulga "The Moonflower Society", música com participação de Bob Catley

Cinco nomes do heavy metal que já gravaram músicas do ABBA

Próximo disco do Avantasia será lançado em outubro; confira capa e tracklist

Avantasia lança novo single "The Wicked Rule The Night", com Ralf Scheepers

ABBA e Heavy Metal: A tênue linha que nos separa dos outros gêneros

2016: os 5 discos mais decepcionantes de rock/metal do ano

Edguy, Avantasia: Tobias Sammet e os álbuns que mudaram a sua vida

Kiss: como foi demitir Eric Carr em seu leito de morte

O Whiplash.Net protege algumas bandas e prejudica outras?


Sobre Carlos Garcia

Antes de tudo sou um colecionador, que começou a cair de cabeça no Metal e Classic Rock quando o Kiss esteve no Brasil em 1983, a partir daí não parei mais. Criei fanzines, como o Zine Barulho, além de colaborar com outros zines e depois web zines e sites, como os saudosos Metal Attack e All the Bangers. Atualmente sou um dos editores e redator do Road to Metal. O melhor de tudo são as amizades que fazemos, além do contato e até amizade com alguns de nossos heróis.

Mais matérias de Carlos Garcia.