Metallica: Hetfield comenta direção do disco novo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Douglas Morita, Fonte: Metallica Remains
Enviar correções  |  Comentários  | 

A RollingStone.com realizou uma entrevista com o frontman do METALLICA, James Hetfield, nesta quarta (14 de maio), algumas horas antes do show da banda no Wiltern Theater em Los Angeles.

4542 acessosMetallica: Lars Ulrich lamenta a morte de Chester Bennington5000 acessosThe Doors: A mais famosa foto do fantasma de Jim Morrison

RollingStone.com: O novo álbum do METALLICA já tem um nome?

Hetfield: "Tem um nome e nós ainda estamos brincando com ele para ver se gostamos. Mas eu acho que o álbum está feito. Ainda precisa ser mixado. Todo o vocal, toda a gravação está praticamente feita. E nós estamos satisfeitos com ele".

RollingStone.com: O que os levou ao Rick Rubin?

Hetfield: "Era hora de ter um par novo de ouvidos. Bob Rock fez coisas excelentes conosco. Ficou meio confortável. Talvez a chama não estivesse mais tanto lá, do nosso ponto de vista. Bob é uma ótima pessoa, um ótimo amigo. Eu me sinto extremamente seguro e confortável com ele, e talvez isso não era o que precisávamos sentir nisto. Precisávamos discutir um pouco. Precisávamos ser agitados um pouco. Isso foi a missão".

RollingStone.com: Você concordou sempre com o que Rubin tinha a falar?

Hetfield: "Com certeza, não. Mas eu estava disposto a olhar e tentar. Se ele sugeria isso, tinha uma razão por trás. E a maioria das vezes era melhor, algumas vezes não. Nós queremos ser abertos, mas há momentos que sabemos que estamos certos e é simples assim. Eu não estava de cabeça fechada como no passado, mas havia alguma negociação rolando".

RollingStone.com: Qual era a idéia por trás deste álbum?

Hetfield: "A direção é envolver nosso passado no agora. Nós sabemos o que sabemos. É difícil apagar isso. Por que nós escrevemos músicas desse jeito? O modelo foi o 'Master of Puppets' e a força desse disco. Como podemos fazer isso agora?"

RollingStone.com: Você ainda vê esse álbum como um auge da banda?

Hetfield: "Oh, com certeza, sem dúvida nenhuma. Espero que este seja outro. Nós sentimos que este disco é muito bom, especialmente depois do 'St. Anger'. Ele era bem unidimensional e abusivo para o ouvinte. Era a raiva saindo. E se você não estivesse sentindo isso, não soava muito bem. Mas este é bem mais temperamental, com muitas coisas que eu acho que o tornam um disco diverso e interessante".

A entrevista completa, em inglês, pode ser lida clicando aqui.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MetallicaMetallica
Lars Ulrich lamenta a morte de Chester Bennington

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Rock and RollRock and Roll
NME elege momentos mais controversos

MetallicaMetallica
Assista acidente encenado em show no México

MetallicaMetallica
Os 10 melhores covers gravados pela banda

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

The DoorsThe Doors
A mais famosa foto do fantasma de Jim Morrison

Rob HalfordRob Halford
"Talvez eu seja o único vocalista gay de Metal!"

SeparadosSeparados
Sarah Jessica Parker e o mascote Eddie

5000 acessosMulheres: as bandas mais famosas em suas versões femininas5000 acessosManowar: A vida real e nada épica dos Reis do Metal?5000 acessosRockstars: as filhas mais lindas dos astros do rock5000 acessosMetallica: casal toca no casamento e é convidado pela banda5000 acessosVan Halen: a capa "punk" do primeiro álbum que a banda rejeitou5000 acessosCreed: música salvou garoto de ataque de lobos

Sobre Douglas Morita

Douglas Morita acha que se existem constantes em sua vida, uma delas definitivamente é o Metallica. Fã da banda desde que se conhece por gente, criou o site Metallica Remains em 1998 e considera o grupo como sua principal - porém, obviamente, não única - influência musical. Além do Metallica, tenta ouvir de tudo um pouco, sem se limitar a estilos ou rótulos.

Mais matérias de Douglas Morita no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online