Matérias Mais Lidas

João Gordo: Comentários sobre metal espadinha, Angra e Andre Matos no Flow PodcastJoão Gordo
Comentários sobre "metal espadinha", Angra e Andre Matos no Flow Podcast

Red Hot Chili Peppers: morre o ator Blackie Dammett, pai do vocalista Anthony KiedisRed Hot Chili Peppers
Morre o ator Blackie Dammett, pai do vocalista Anthony Kiedis

Guns N' Roses: as diferenças entre Steven Adler e Matt Sorum, segundo Gilby ClarkeGuns N' Roses
As diferenças entre Steven Adler e Matt Sorum, segundo Gilby Clarke

Kiss: Gene Simmons diz que Rock and Roll Hall Of Fame é uma farsa por não incluir MaidenKiss
Gene Simmons diz que Rock and Roll Hall Of Fame é uma farsa por não incluir Maiden

Rodox: quando baterista estragou show da banda após João Gordo vê-lo rezandoRodox
Quando baterista estragou show da banda após João Gordo vê-lo rezando

Taylor Hawkins: ele escondia que ouvia Rush e Led nos anos 80 para não parecer idiotaTaylor Hawkins
Ele escondia que ouvia Rush e Led nos anos 80 para não parecer idiota

Lista: 10 bandas que acabaram e nunca mais retomarão as atividadesLista
10 bandas que acabaram e nunca mais retomarão as atividades

Suécia: 15 grandes bandas de rock surgidas no país escandinavoSuécia
15 grandes bandas de rock surgidas no país escandinavo

Cavalera Conspiracy: Max confessa que mentiu a Iggor sobre primeiro álbum da parceriaCavalera Conspiracy
Max confessa que mentiu a Iggor sobre primeiro álbum da parceria

Nirvana: A faixa mais subvalorizada em cada álbum, pela Ultimate Classic RockNirvana
A faixa mais subvalorizada em cada álbum, pela Ultimate Classic Rock

Pearl Jam: banda lança site com 5.404 músicas de 186 shows ao vivoPearl Jam
Banda lança site com 5.404 músicas de 186 shows ao vivo

Nightwish: banda fará show virtual em mundo 3D interativo, veja o trailerNightwish
Banda fará show virtual em mundo 3D interativo, veja o trailer

Papa Roach: o dia que Sharon Osbourne deu esporro e colocou o vocalista em seu lugarPapa Roach
O dia que Sharon Osbourne deu esporro e colocou o vocalista em seu lugar

Raimundos: Digão revela que recebeu proposta astronômica para reunião com RodolfoRaimundos
Digão revela que recebeu proposta "astronômica" para reunião com Rodolfo

Nirvana: por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da bandaNirvana
Por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da banda


Pentral
Arte Musical

Scorpions: "não estamos presos nos anos 80"

Por Victor Guilherme Chaves
Fonte: Blabbermouth
Em 18/09/07

David Priest, do OnTrackMagazine.com, conduziu recentemente uma entrevista com o vocalista dos SCORPIONS, Klaus Meine, que explicou um pouco da motivação da banda no novo álbum.

OnTrackMagazine.com: Vocês gostaram de fazer um álbum conceitual ao invés de um disco de músicas que não fossem necessariamente relacionadas entre si?

Klaus: "Sabe, com um álbum normal você simplesmente vai trabalhando e depois coloca muitas músicas diferentes juntas. Às vezes também há músicas que não entraram no último disco e então há várias sobras e, por algum motivo, você as traz de volta dessa vez. Ou então há músicas que você pensa, 'Ahh, nós tínhamos que ter colocado essa aqui, então vamos experimentar e colocá-la aqui dessa vez (no novo álbum)'. Então, é uma coisa muito diferente. Mas quando você tem um tema, como 'Humanity', e você tem um Mestre de Cerimônias (risos) como Mr. Child (o produtor Desmond Child), você tem uma linha definida a seguir. Então, nesse CD, não foi muito do tipo 'Essa é minha música, essa é sua música', foi uma colaboração de vários grandes escritores, alguns dos melhores escritores do Rock. Não apenas o Desmond, mas também James Michael, Marti Fredriksen, e Eric Bazilian (The Hooters), nós tínhamos ótimas pessoas à nossa volta. Nós chegamos a trabalhar com algumas dessas pessoas antes, como no último álbum, 'Unbreakable', dois anos atrás. Então, foi uma preparação bem diferente e foi empolgante desde o início, e não foi algo como: 'No meio de todas essas músicas de Rock, vamos fazer a grande ‘power ballad’'; na realidade, foi algo tipo: 'Nós temos esse conceito e nós queremos fazer um álbum que esperamos que vá impressionar a todos'".

"Porque quando você o ouve do princípio ao fim, você percebe que todas as músicas são fortes. Foi uma filosofia diferente e, seguindo essa linha, fazendo esse tipo de projeto, foi uma experiência completamente nova; foi ótimo, nós gostamos bastante. E Los Angeles é, logicamente, um lugar inspirador. Você encontra tantos músicos, tantos artistas em quase todo dia, então é bem mais fácil ter alguém como Billy Corgan ou John 5 para colocar uma guitarra no álbum; Billy cantou em 'The Cross'. Você faz um álbum na Alemanha — é uma história bem diferente. Quero dizer, não foi o primeiro disco que gravamos em L.A.: 'Crazy World', com Keith Olsen como produtor, foi feito parcialmente em L.A., e também trabalhamos com o grande Bruce Fairbairn em Vancouver nos anos 90. Mas não estivemos na América para gravar por um bom tempo e foi muito inspirador novament, porque é a música que você ouve no rádio todo dia, é mais rock do que na Europa, com certeza".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

OnTrackMagazine.com: O que você está tentando alcançar como um vocalista de Rock nesse último lançamento? Quero dizer, já que é tão diferente, qual exatamente o objetivo que você quer atingir?

Klaus: "Eu acho que o que nós estamos tentando alcançar, depois de todos esses anos, é o seguinte: você lança um novo álbum e você quer ser levado a sério como um artista e não virar uma paródia de si mesmo. Fazer sempre as mesmas velhas músicas e só letras no estilo 'garotos atrás de garotas'; nós já fizemos tudo isso. Foi divertido, ótimo, nós tivemos bons momentos, principalmente na América. Quero dizer, os anos 80 foram incríveis! Mas nós não estamos presos nessa década, nós queremos ser vistos como artistas que seguem em frente, e ao mesmo tempo, esperamos que tenhamos conseguido surgir com um poderoso e divertido álbum de Rock. Há uma mensagem e novidades".

"E eu acho que cabe aos artistas como nós e tantos outros também, espalhar a mensagem e espalhar uma atmosfera positiva, energia positiva através da música em um mundo que está basicamente desequilibrado, principalmente depois de 11 de setembro, e adicionar algo para, eu espero, um mundo mais pacífico. Nós sabemos que a música, ou esse disco ou uma música, não pode mudar o mundo, mas nós não queremos desistir de acreditar que nós ainda podemos fazer mudanças, que nós podemos fazer uma pequena diferença com a música. Música é uma ferramenta muito poderosa nas mãos de artistas que mandam uma atmosfera positiva. Nós podemos ver isso quando nós tocamos, por exemplo, no Oriente Médio, nós tocamos em Tel Aviv em Israel e nós tocamos nas Pirâmides de Cairo no Egito, e as pessoas do mundo da música, no mundo da emoção, são muito mais unidas do que o que vemos no noticiário de cada noite. E então a música deles faz uma diferença e a música está unindo as pessoas e isso é o que nós estamos tentando fazer: unir pessoas".

Leia a entrevista inteira (em inglês) neste link.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
Edu Falaschi - Vera Cruz
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Scorpions: Batalha de Lives - Qual o melhor disco ao vivo? (vídeo)

Lista: 25 músicas gravadas por bandas de rock que apareceram em trilhas de novelasLista
25 músicas gravadas por bandas de rock que apareceram em trilhas de novelas

Lista: frases do rock e metal que poderiam estar em para-choques de caminhão - Parte 1Lista
Frases do rock e metal que poderiam estar em para-choques de caminhão - Parte 1

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentesLista
10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes

Scorpions: a reação de Klaus Meine ao ouvir versões forró para músicas da bandaScorpions
A reação de Klaus Meine ao ouvir versões forró para músicas da banda

Robert Fripp & Toyah Willcox: Breaking The Law, do Judas Priest, com Fripp no refrãoRobert Fripp & Toyah Willcox
"Breaking The Law", do Judas Priest, com Fripp no refrão

Scorpions: vídeo oficial de Dynamite ao vivo em 2015Scorpions
Vídeo oficial de "Dynamite" ao vivo em 2015

Sony Festa: Versão solo de "Wind of Change" em frente a mural do artista Eduardo Kobra

Scorpions: vídeo ao vivo tocando Rock 'N Roll Band em Nova IorqueScorpions
Vídeo ao vivo tocando "Rock 'N" Roll Band" em Nova Iorque

Scorpios: em vídeo, um medley acústico em Nova Iorque

Scorpions: banda libera medley de show em Nova IorqueScorpions
Banda libera medley de show em Nova Iorque

Scorpions: vídeo ao vivo de medley com clássicos dos 70sScorpions
Vídeo ao vivo de medley com clássicos dos 70s

Scorpions: The Zoo e Coast To Coast ao vivo em 2015 no canal oficialScorpions
"The Zoo" e "Coast To Coast" ao vivo em 2015 no canal oficial

Metal Hammer: de Scorpions até Rammstein, os 10 melhores álbuns do metal alemãoMetal Hammer
De Scorpions até Rammstein, os 10 melhores álbuns do metal alemão

Luiz Caldas: tocando Wind of Change, do Scorpions, e reforçando seu elo rockLuiz Caldas
Tocando "Wind of Change", do Scorpions, e reforçando seu elo rock


Scorpions: ideia de aposentadoria veio de empresário, não da bandaScorpions
Ideia de aposentadoria veio de empresário, não da banda

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentesLista
10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes

Stones, Led, Nazareth e outros: rockers que já gravaram ReggaeStones, Led, Nazareth e outros
Rockers que já gravaram Reggae


Guns N' Roses: Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?Guns N' Roses
Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?

Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUATúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA


Sobre Victor Guilherme Chaves

Victor Guilherme é carioca e viciado em filmes, desenhos, mitologia, livros variados e, principalmente, muito rock n' roll. Cresceu numa casa onde sempre ouviu Beatles, Black Sabbath, Ramones e Rick Wakeman, mas sua verdadeira paixão pelo estilo começou quando ganhou de aniversário o álbum Bark At the Moon, do Ozzy Osbourne. A partir de então, se tornou adicto por Rock clássico, Heavy Metal e, principalmente, Hard Rock. Entre suas bandas preferidas estão: Alice Cooper, Ozzy Osbourne, Twisted Sister, W.A.S.P., Whitesnake, Iron Maiden, Van Halen, Angel Witch, ZZ Top, Creedence, entre várias outras. Hoje em dia, Victor divide seu tempo entre dar atenção à sua namorada, a quem ele tanto ama; ser um estudante de Direito do IBMEC-RJ; tocar guitarra e, quando tem tempo, colaborar com o Whiplash ou postar na comunidade de sua "irmã e ovelha negra da família", a Falseplash, onde o Metal em geral é discutido por um prisma nada ortodoxo.

Mais matérias de Victor Guilherme Chaves no Whiplash.Net.

 
 
 
 

[an error occurred while processing this directive][an error occurred while processing this directive][an error occurred while processing this directive]