Magnus Rosén: Entrevista exclusiva com o baixista do Hammerfall

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Enviar Correções  


Entrevista concedida à Anderson Guimarães durante a turnê de workshops de Magnus Rosén, baixista da banda sueca Hammerfall.

publicidade

Whiplash! - Você disse que Anders Johansson é seu baterista favorito. Vocês tocaram juntos no Keegan e no Billionaires Boys Club e agora no HammerFall. Como é seu relacionamento com ele? Ele é seu melhor amigo no HammerFall?

Magnus / Todos os caras do HammerFall são meus amigos, mas Anders é meu amigo há mais tempo.

Whiplash! - Durante a turnê brasileira esse ano, haviam alguns boatos de que aconteciam alguns conflitos internos entre você, Stefan e Anders com Joacim e Oscar,os donos da banda. O que você pode nos dizer desses rumores?Eles são verdade?

Magnus / Eu não gosto de boatos.Qualquer um que trabalha com alguém pode ter alguns conflitos algumas vezes, mas não significa que nós temos problemas sérios no HammerFall.

publicidade

Whiplash! - Conte-nos uma situação engraçada ocorrida durante a turnê de Renegade.

Magnus / Nós tocamos em aproximadamente 26 países e é difícil escolher um momento específico, mas no nosso próximo homevideo terá algumas partes engraçadas dessa turnê.

Whiplash! - Qual sua opinião sobre a atual cena na Suécia? E quanto a bandas como In Flames, Soilwork e Therion?

Magnus / Eu acho que é ótimo que as pessoas tenham descoberto que nós temos boas bandas na Suécia. Acho que a cena metálica na Suécia cresceu e tornou-se melhor.

publicidade

Whiplash! - Quais são os músicos que influenciaram você na composição de "Imagine a Place"?

Magnus / Nenhum particular. É a própria vida e meus pensamentos que me inspiram e tem sido interessante desenvolver minha técnica de tocar baixo,então é possível para mim tocar por mim mesmo ou com alguns outros instrumentos.

Whiplash! - Seu próximo álbum será novamente instrumental ou alguém cantará nele?

Magnus / O próximo CD terá baixo, saxofone, flauta e bateria. Nosso convidado é Don Robinson, de São Francisco.Ele é um baterista de jazz e funk que já gravou 30 cd’s.

publicidade

Whiplash! - Você é endorsee da ESP e eles fizeram e eles fizeram um baixo especial para você.Você usa este baixo só com o HammerFall? Eu pergunto isso porque no seu álbum solo há algumas fotos suas com seu velho baixo Factor.

Magnus / ESP não construiu o tipo de baixo que eu realmente procurava, então decidi usar meu velho baixo Factor no meu álbum solo.Desde um mês atrás sou patrocinado pela Washburn.

publicidade

Whiplash! - Podemos esperar um modelo Magnus Rosén em breve?

Magnus / Eu tenho uma idéia sobre como eu gostaria que construíssem um modelo.Espero que a Washburn mostre interesse pela minha idéia no futuro.

Whiplash! - Você já tem um título para seu próximo álbum solo?

Magnus / Sim, é Reminiscence.

Whiplash! - Você irá tocar alguma nova música durante os workshops no Brasil?

Magnus / Sim.

publicidade

Whiplash! - Você faz algum tipo de aquecimento antes dos shows?

Magnus / Normalmente eu faço alguns exercícios lentos no baixo cerca de 30 a 60 minutos antes do show.

Whiplash! - Você é um cara muito legal e sempre dá atenção aos seus fãs.Como é o relacionamento entre você e seus fãs?

Magnus / Obrigado. Eu acho que é um trabalho em equipe entre as pessoas e eu então é importante ter um bom relacionamento.

publicidade

Whiplash! - Você tocou com a lenda da guitarra Bo Winberg. Como foi essa experiência?

Magnus / Interessante e legal. Como músico acho importante tocar com pessoas de diferentes gerações para pegar mais experiência.

Whiplash! - O que você se lembra da sua primeira turnê solo no Rio de Janeiro e São Paulo dois anos atrás?

Magnus / Tenho que admitir que eu fui felizmente surpreendido pela agradável recepção que recebi do povo brasileiro. Foi muito legal e aconchegante o contato entre minha música e o público. Eu realmente me senti inspirado pela minha visita ao Brasil.

publicidade


WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin