Há 5 anos: Slayer lançava Repentless, o último prego no caixão da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro
Enviar Correções  

Em 11 de setembro de 2015, o SLAYER lançava "Repentless", seu décimo primeiro disco de estúdio. O sucessor de "World Painted Blood", lançado em 2009, foi o primeiro e único disco de estúdio gravado pela banda sem o guitarrista e membro fundador Jeff Hanneman, que havia morrido em 2013. Gary Holt (EXODUS), que já estava tocando com a banda ao vivo desde 2011, foi escolhido como substituto.

Slayer: Tom Araya usa vídeo manipulado para debochar de Joe Biden nas redes

Metallica: a capa do "Death Magnetic" lembra uma vagina?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A bateria também trouxe mudanças. Após mais de uma década, a segunda passagem de Dave Lombardo foi encerrada em 2013. Como aconteceu da primeira vez, o excelente Paul Bostaph assumiu o posto.

"Repentless" acabou se tornando o último disco de estúdio do SLAYER, sendo que a banda veio a encerrar suas atividades quatro anos depois. Apesar de não ser um disco cheio de momentos marcantes, o último trabalho do SLAYER tem boas músicas, como a faixa-título, "Chasing Death" e "You Against You". A música "Piano Wire" foi escrita por Jeff Hanneman durante as sessões de gravação de "World Painted Blood".

Por fim, vale ressaltar que a belíssima arte da capa de "Repentless" é assinada pelo brasileiro Marcelo Vasco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Álbum: "Repentless"
Banda: Slayer
Data de lançamento: 11 de setembro de 2015

FAIXAS
"Delusions of Saviour"
"Repentless"
"Take Control"
"Vices"
"Cast the First Stone"
"When the Stillness Comes"
"Chasing Death"
"Implode"
"Piano Wire"
"Atrocity Vendor"
"You Against You"
"Pride in Prejudice"

FORMAÇÃO
Tom Araya: baixo e vocal
Kerry King: guitarra
Gary Holt: guitarra
Paul Bostaph: bateria


Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280