Cinema e Música: Trilhas sonoras de filmes marcantes

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Michel Sales
Enviar Correções  

O cinema e a música são duas ferramentas comunicativas que caminham juntas para garantir reação e entretenimento do público. Afinal, qual o longa-metragem não precisa de uma trilha sonora que garanta emoção na dramatização do enredo? Dessa forma, o poderio eficaz da fusão cinema e música referem momentos prazerosos e inesquecíveis no legado do tempo, no que a melodia abrilhanta o filme e o torna cult. Abaixo, vide uma lista de exemplos sobre a relação do Cinema com a Música - especificamente do Rock/Metal - nas adaptações para as telonas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Jake Hills @ www.unsplash.com
Jake Hills @ www.unsplash.com

CAÇADORES DE EMOÇÃO (1991)

Apresentando um enredo selvagem sobre uma gangue de ladrões de banco que usam máscaras de ex-presidentes em seus assaltos, Caçadores de Emoção foi um sucesso absoluto durante os anos 90. O filme baseia uma turma de surfistas motivada por esportes radicais diversos, mas com eles está um agente infiltrado do FBI. E diante de decisões instigantes, a amizade entre Johnny Utah e Bodhi reflete um grande impacto na trama.

publicidade

Este clássico das telonas teve no elenco as estrelas Keanu Reeves (Johnny Utah), Patrick Swayze (Bodhi) e Anthony Kiedis (Red Hot Chili Peppers). A direção do filme foi conduzida por Kathryn Bigelow. A trilha sonora de ‘POINT BREAK’ destacou demasiadamente as faixas: Over The Edge (L.A. Guns) e Nobody Rides For Free (Ratt).

ARMAGEDDON (1998)

Estrelado por Liv Tyler, Bruce Willis, Ben Affleck e Michael Clarke, Armageddon referiu a trajetória de um asteroide que ameaçava colidir com a Terra e destruir todas as formas de vida. A solução foi colocar uma bomba nuclear no interior do asteroide, mas para realizar esta missão foi convocado um perfurador de petróleo, que montou uma equipe nada convencional.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O filme foi sucesso de bilheteria no mundo e conquistou diversos prêmios. A trilha sonora de Armageddon destacou as faixas: I Don’t Want To Miss A Thing (Aerosmith) / What Kind Of Love Are You On (Aerosmith) / Sweet Emotion (Aerosmith) / Come Together (Aerosmith) / Mister Big Time (Bon Jovi) / Remember Me (Journey) / La Grange (ZZ Top) / Starseed (Our Lady Peace).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

TOP GUN - ASES INDOMÁVEIS (1986)

Este drama romântico norte-americano foi dirigido por Tony Scott, com roteiro de Jim Cash e Jack Epps Jr., destacando a rotina desordeira e arrogante de Maverick (Tom Cruise), um aspirante da Escola de Armas de Caças da Marinha.

Na escola naval de pilotos treinam os melhores aviadores dos EUA, onde refinam suas habilidades em voos de elite. Maverick é um piloto de atitude irresponsável que conflita com Iceman (Val Kilmer) e luta pela atenção de sua bela instrutora de voo, Charlotte Blackwood (Kelly McGillis). Em 1986, Top Gun foi o maior sucesso de bilheteria. Atualmente, sua parte dois já foi gravada e promete sair em breve nos Cinemas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A trilha sonora deste clássico das telonas também destacou: Danger Zone (Kenny Loggins) / Mighty Wings (Cheap Trick) / Playing Whith The Boys (Kenny Loggins) / Take My Breath Away (Berlin) / Top Gun Anthem (Harold Faltermeyer & Steve Stevens).

EXTERMINADOR DO FUTURO II (1991)

O Dia do Julgamento Final foi um longa-metragem de ação e ficção cientifica estrelado por Arnold Schwarzenegger (O Exterminador) e Linda Hamilton (Sarah Connor). A trama refere uma década após os eventos de The Terminator (1985), onde Sarah Connor e seu filho adolescente, John Connor (Edward Furlong) precisam fugir de um exterminador mais rápido e resistente feito de metal líquido. Na ocasião, eles têm ajuda de um Exterminador semelhante ao que perseguiu Sarah Connor na parte um da saga. A trilha sonora de Terminator 2 contou com a participação do Guns N’ Roses emprestando You Could Be Mine, do disco Use Your Illusion II, o que deixou o filme ainda mais insano.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

MISSÃO: IMPOSSÍVEL II (2000)

Neste filme estrelado por Tom Cruise, o personagem Ethan Hunt volta a liderar sua equipe numa missão para capturar um vírus mortal desenvolvido por terroristas alemães que tentam liberar a doença. A missão de Ethan e sua turma é fazer o impossível para encontrar as amostras da mazela. A produção de Missão: Impossível 2 contou com a participação do Metallica tocando ‘I Disappear’, música que rendeu um videoclipe exclusivo e bastante pesado na trilha do longa-metragem.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

THOR: RAGNAROK (2017)

A trilha sonora do filme destaca de cara a épica Immigrant Song, do clássicudo Led Zeppelin III. A canção rola enquanto ocorre uma luta épica entre Thor e o gigante de fogo Surtur. O elenco de peso da trama traz Anthony Hopkins, Cate Blanchett, Jeff Goldblum, Karl Urban, Idris Elba, Mark Rufalo, Chris Hemsworth e outros.

A sinopse de Thor: Ragnarok refere o retorno do Deus do Trovão para Asgard, quando descobre que Odin está desaparecido. Mas Thor encontra seu pai e logo toma conhecimento de Hela, sua irmã mais velha e deusa da morte. Com o auxílio de Loki, Thor tenta derrotar a ‘marvada’, mas acaba preso no planeta Sakaar, onde confronta com Hulk e depois correm contra o tempo para impedir o Ragnarok.

HIGHLANDER (1986)

A trilha sonora de Highlander contou com a maestria dos britânicos do Queen, que colaboraram com várias músicas de A Kind Of Magic, décimo segundo álbum do grupo e mais um sucesso de vendas na vasta discografia da banda. No setlist de Highlander tocaram: A Kind Of Magic / One Year Of Love / Who Wants To Live Forever / Princes of the Universe / Gimme the Prize (Kurgan's Theme).

O longa-metragem mistura ação e fantasia, foi dirigido por Russell Mulcahy e teve em seu elenco Christopher Lambert, Roxanne Hart, Clancy Brown e Sean Connery. O enredo refere a história do escocês Connor MacLeod, um guerreiro imortal do século XVI que é doutrinado pelo também imortal Juan Sanchez Villa-Lobos Ramirez (Sean Connery), juntos eles combatem outros guerreiros imortais. Seu sucesso nas telonas deu origem a várias continuações e séries de TV.

STREETS OF FIRE (RUAS DE FOGO - 1984)

Esta Fábula de Rock N’ Roll apresentou uma bela trilha sonora composta por Ry Cooder, com destaques para Nowhere Fast (Fire Inc.), Tonight Is What It Means to Be Young (Fire Inc.) e I Can Dream About You (Dan Hartman).

O longa-metragem urbano tornou-se um filme cult entre os fãs de Rock ‘N’ Roll. A fábula musical foi produzida por Walter Hill e rendeu 8,1 milhões de bilheteria. A história é recheada de belas canções e refere o sequestro de uma estrela do Rock, Ellen Aim (Diane Lane - Liga da Justiça) por uma gangue de motoqueiros, os ‘Bombers’, liderados por Raven Shaddock (Willem Dafoe - Homem-Aranha).

A cantora retorna à sua cidade para realizar um show que logo é interrompido pelo bando. Então, Reva Cody (Deborah Van Valkenburgh - Selvagens da Noite) envia um telegrama para seu irmão, Tom Cody (Michael Paré), ex-namorado de Ellen, pedindo que ele volte à cidade... Cody parte a sua procura pelas ruas chuvosas e becos escuros acompanhado do produtor e atual namorado de Ellen, Billy Fish (Rick Moranis - Os Caça-Fantasmas) e da ex-soldado McCoy (Amy Madigan), juntos eles enfrentam a violência dos ‘Bombardeiros’ para resgatar Ellen.

JOVENS DEMAIS PARA MORRER (YOUNG GUNS II)

Este filme estadunidense de 1990, de gênero faroeste, contou com uma super trilha sonora original composta e interpretada por Jon Bon Jovi, o que garantiu seu primeiro disco solo.

Jovens Demais Para Morrer é uma sequência de Jovens Pistoleiros. O filme conta a trajetória de Billy The Kid, posteriormente aos eventos da Guerra do Condado de Lincoln, tema do primeiro filme. A trama envolve traição, mortes e muita emoção refletida em onze músicas concebidas para o cinema, sendo elas: "Billy Get Your Guns" / "Blaze of Glory" / "Miracle" / "Blood Money" / "Santa Fe" / "Justice in the Barrel" / "Never Say Die" / "You Really Got Me Now" / "Bang a Drum" / "Dyin' Ain't Much of a Livin'" e "Guano City" (Alan Silvestri).

O elenco de Jovens Demais Para Morrer também contou com a participação de Emilio Estevez (Billy The Kid), Kiefer Sutherland (Doc Scurlock), Lou Diamond Phillips (Jose Chavez y Chavez), entre outros.

BACK TO THE FUTURE (DE VOLTA PARA O FUTURO - 1985)

Este clássico do cinema contemporâneo destacou uma trilha sonora bastante especifica para sua produção diante de suas mais complexas cenas, dentre elas: The Power Of Love / Earth Angel (Will You Be Mine) e Johnny B. Goode.

A sinopse do filme refere Marty McFly (Michael J. Fox), um adolescente de uma pequena cidade na Califórnia sendo transportado para 1950, quando a experiência do excêntrico cientista Doc Brown (Christopher Lloyd) dá errado. E viajando no tempo em um carro modificado, um Delorean, Marty conhece versões jovens de seus pais e precisa fazer com que eles se apaixonem - do contrário ele deixará de existir. Para complicar, Marty precisa voltar para casa a tempo de salvar o cientista. De Volta Para o Futuro foi dirigido por Robert Zemeckis, fez grande sucesso mundial e virou um marco dentre os cinéfilos.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Guns N' Roses: as participações em filmes e trilhas sonorasGuns N' Roses
As participações em filmes e trilhas sonoras

Jim Carrey: batendo cabeça ao som de Cannibal CorpseJim Carrey
Batendo cabeça ao som de Cannibal Corpse


Nirvana: 20 coisas que você não sabia sobre NevermindNirvana
20 coisas que você não sabia sobre "Nevermind"

Iron Maiden: versões pesadas para clássicos do RockIron Maiden
Versões pesadas para clássicos do Rock


Sobre Michel Sales

Jornalista formado pela Universidade Federal de Roraima (UFRR), com pós-graduação em Teologia Pastoral pelo Instituto Padre Calleri/UFRR. Atualmente está concluindo a graduação de Licenciatura em Educação Física pela Universidade Estadual de Roraima (Uerr). Começou a escrever sobre Cultura em 2004, iniciou em blogs, depois atuou na equipe de redação da revista Somos, da Fecomércio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Roraima), trabalhou na assessoria de Comunicação do Sesc-RR (Serviço Social do Comércio) e na redação do Jornal Folha de Boa Vista. Tem colaborado com o portal Whiplash.Net desde 2020, nutre gosto por fotografia e colecionismo de Discos, Quadrinhos, Figuras de Ação e Filmes. Nas redes sociais: michel.sales.33 ; @mythospoetico #hellfireclub #rrclubehq .

Mais matérias de Michel Sales no Whiplash.Net.

Cli336 WhiFin Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 WhiFin