Green Day: Billie fala sobre Charlottesville, "Nazi Punks Fuck Off!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marii Franco, Fonte: NME, Tradução
Enviar Correções  

Billie Joe Armstrong - vocalista do Green Day - condenou os ataques racistas em Charlottesville neste fim de semana:

publicidade

"Sinto que o que aconteceu em Charlottesville vai além do ponto de raiva. Isso me deixa triste e desesperado. Chocado. Eu odeio fudidamente o racismo mais do que qualquer coisa".

"Eu odeio a porra do racismo mais do que qualquer coisa. A música e a justiça social sempre andaram de mãos dadas comigo. Nós não estaríamos aqui se não fosse por 'The Time They Are a Changing' [música de Bob Dylan, 'O Tempo Que Eles Estão Mudando']... Algumas pessoas não concordam. O espírito do Green Day sempre foi sobre elevar-se acima da opressão. E cravando o que você acredita cantando do fundo de seus pulmões", acrescentou, terminando o post com um 'Nazi Punks Fuck Off'[hino dos Dead Kennedys].

publicidade


WhiFin WhiFin