Bullet For My Valentine: Baterista conta o inferno que é abrir para o Iron Maiden

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renan Corradini Colber, Fonte: Dose.ca
Enviar Correções  

Em 2007 O site canadense Dose.ca conduziu uma entrevista com o baterista Michael "Moose" Thomas, da banda BULLET FOR MY VALENTINE, que abriu os mais recentes shows do IRON MAIDEN. Um trecho da entrevista segue abaixo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre ser a banda de abertura do IRON MAIDEN em sua turnê: "Gostaria que a platéia nos tivesse tratado de uma maneira mais dócil — especialmente em Quebec City. Eles não foram muito legais… Não é gostoso você tentar fazer um show e ter que ficar ouvindo 15.000 fãs do Maiden gritando para que eles subam ao palco. [Mas] você tem que dar risada. Não pode se aborrecer por muito tempo com isso."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O BULLET FOR MY VALENTINE abriu uma série de shows da turnê do álbum "A Matter of Life and Death", assim como foi feito pela banda TRIVIUM.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Lindo Demais: conheça o London, o primeiro smartphone da MarshallLindo Demais
Conheça o London, o primeiro smartphone da Marshall

Epica: belas fotos da bela vocalista Simone SimonsEpica
Belas fotos da bela vocalista Simone Simons


Sobre Renan Corradini Colber

Cursando Administração de Empresas na Universidade Presbiteriana Mackenzie, teve seu primeiro contato com o Metal em 1997 quando comprou o álbum Best Of The Beast, do Iron Maiden, na época com 11 anos. De lá para cá escuta de tudo um pouco, mas a raiz se mantém metaleira. De Iron Maiden a Meshuggah passando por Diana Krall, Ray Charles, Hoodoo Gurus, Elvis, Johnny Cash e Bob Dylan.

Mais matérias de Renan Corradini Colber no Whiplash.Net.

Goo728 Goo336