Edguy: "nunca disse que odeio os EUA", diz Tobias Sammet

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Túlio Sousa Costa, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em dezembro de 2008 o vocalista Tobias Sammet, da banda EDGUY, esclareceu um posicionamento que ele deu numa entrevista onde falou sua opinião sobre os EUA. Quando perguntado se a banda sempre foi realmente grande fora do continente Europeu, Sammet disse à Rushonrock.com: "Está ficando melhor para nós nos Reino Unido. Lentamente, mas nós estamos começando a gravar nossos nomes nas audiências Britânicas. Se você quer ser grande nos EUA, você tem que ir para lá e ficar. Eu não quero morar nos EUA por um milhão de anos! É um mundo diferente e eu não quero ir para lá. Isso significa que nunca vamos ser grandes. Eu apenas não quero fazer sacrifícios que teríamos que fazer para conseguir entrar naquele grande mercado".

Metal Hammer: dez capas que provocam ânsia de vômitoGuns e Sabbath: semelhança entre Zero the Hero e Paradise City

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sammet, acusado de estar pregando contra os EUA, esclareceu seu ponto de vista: "Fui informado que disse algumas coisas as quais chatearam pessoas, algum comentário que eu fiz sobre os EUA numa entrevista. Eu não entendi a longo prazo: eu nunca disse que eu odeio os EUA, é um ótimo país onde eu tenho muitos amigos e é desrespeitoso para eles eu dizer que odeio a droga do país inteiro juntamente com as pessoas que eu encontrei por aí. Não confunda minhas opiniões!!! Como em todo país, eu acho que tem muita coisa errada lá, eu somente disse que não gostaria de morar lá. Então, qual é a questão??? Eu apenas quero viver em casa, na velha e boa Alemanha. Eu não sei porque as pessoas são tão agressivas quando isso chega a ser uma declaração honesta, fui perguntado na entrevista e respondi honestamente".

"Isso não é para ser uma declaração política. Se alguns cuzões querem abusar das minhas declarações por alguma razão racista, vou ficar realmente furioso. Fui informado que as pessoas começaram a discutir sobre a segunda Guerra Mundial, imigrantes, afro-americanos..."

"Gente: Isso é Rock'n Roll!!! Não tem lugar para o racismo em minha vida! Nós somos apenas um mundo!!! América, Russia, Australia, Europa... Eu adoro as características da América e adoro as características do Brasil, Alemanha, qualquer país... Nós somos o mesmo mundo. Se você abusou da minha resposta por algum motivo racista: VÁ SE FODER!!! Agora vão abraçar uns aos outros! A música foi feita para fazer as pessoas se aproximarem, não o contrário!!!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Edguy"Todas as matérias sobre "Tobias Sammet"


Musos do Heavy Metal: Agora é a vez das garotas!Musos do Heavy Metal
Agora é a vez das garotas!

1998: 40 discos de rock e metal que foram lançados há 20 anos1998
40 discos de rock e metal que foram lançados há 20 anos


Metal Hammer: dez capas que provocam ânsia de vômitoMetal Hammer
Dez capas que provocam ânsia de vômito

Guns e Sabbath: semelhança entre Zero the Hero e Paradise CityGuns e Sabbath
Semelhança entre Zero the Hero e Paradise City


Sobre Túlio Sousa Costa

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336