Riot: Mark Reale hospitalizado em estado grave

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Mayara Puertas, Fonte: A ilha do Metal
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 13/01/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Fundador e guitarrista do RIOT, Mark Reale está internado em um hospital de San Antonio em estado crítico de saúde devido a complicações da doença de Crohn (doença crônica inflamatória intestinal). Há uma possibilidade de que ele não participe das próximas performances da banda e a bordo do cruzeiro 70.000 Tons Of Metal.

254 acessosRiot: Metal Blade relançará três álbuns da banda5000 acessosO Suprassumo do Superestimado: os 11 mais (ou menos) nacionais

Mark tem lutado contra a doença de Crohn durante grande parte de sua vida, trabalhando e ao mesmo tempo, suportando a dor quase constante e os efeitos colaterais dos tratamentos contra a doença. Enquanto ensaiava no Texas, foi derrubado por um agravamento dos sintomas da doença, encontrando-se atualmente na UTI de um hospital não revelado.

A banda divulgou que as apresentações serão realizadas conforme o programado, com a possibilidade de que Mark pode não se recuperar a tempo. Os membros do RIOT reconhecem que Mark tem lutado com esses sintomas durante a produção de seu novo álbum, "Immortal Soul", e que o guitarrista Mike Flyntz gravou a maior parte das guitarras no álbum, com direção criativa de Mark enquanto ele não foi capaz de executá-las.

RIOT pediu aos fãs e amigos da banda para rezar pela rápida recuperação de Mark, e que apóiem o grupo em seus esforços para trazer os shows de reunião do RIOT. A família de Mark insiste em privacidade nestes tempos difíceis, e pedem orações e bons desejos para que Mark seja capaz de retornar ao palco.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

254 acessosRiot: Metal Blade relançará três álbuns da banda0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Riot"

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1981

Power MetalPower Metal
Os dez álbuns essenciais do gênero

Heavy MetalHeavy Metal
As piores capas dos grandes artistas do gênero

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Riot"

Os 11 mais (ou menos)Os 11 mais (ou menos)
O Suprassumo do Superestimado

SpikeSpike
Os sete piores solos de guitarra

Heavy MetalHeavy Metal
Cinco discos necessários dos anos setenta

5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosSlipknot: Ana Maria Braga surpreende em abertura do Mais Você5000 acessosRolling Stone: os cem maiores álbuns de Metal de todos os tempos5000 acessosSlash: falando dos comentários de Simmons, que o "rock morreu"5000 acessosScott Weiland: Duff McKagan salvou vocalista em outra época

Sobre Mayara Puertas

Vocalista, amante de metal extremo, editora do blog “The True Metal” e resenhista do blog “Metal Force“. Tive também participações em matérias do blog “Rafark Metal 666” e “Up Down Core”. Trabalho com arte gráfica, e utilizo Web para promover e divulgar bandas do cenário nacional, seja via twitter, Facebook ou Orkut. Twitter: @ellenaurille. Facebook: Mayara Puertas Alecrim.

Mais matérias de Mayara Puertas no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online