Megadeth & Slayer: King e Dave falam da simbiose entre as bandas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto abaixo é a tradução de um segmento de autobiografia do baixista do MEGADETH, DAVE ELLEFON, 'My Life With Deth - Discovering Meaning In A Life of Rock & Roll', escrita em parceria com Joel McIver [e sem data para lançamento em português] e que relata a breve passagem do guitarrista do SLAYER, KERRY KING, pela banda de Dave Mustaine em 1984.

Músicas imortais: "Countdown To Extinction", um grito pela preservação do meio ambienteOh, não!: clássicos que foram "estragados" pelo tempo

[...] Fizemos alguns shows com KERRY KING do SLAYER na guitarra no começo de 1984. Ele tinha uma guitarra B.C. Rich, do que gostamos, porque significava que ele estava pensando como nós. Havíamos considerado alguns outros guitarristas, incluindo aí JIM DURKIN do DARK ANGEL, mas Kerry foi o único que veio e acertou as músicas de cara. Eu me lembro de Dave mostrar uns riffs a ele - coisas realmente complexas - e Kerry os reproduziu instantaneamente e os tocou de volta para Mustaine, nota por nota. Eu fiquei embasbacado. Era como se ele tivesse parte do DNA de Dave. Até hoje, Kerry é um dos melhores guitarra-base que já passou pelo Megadeth.

Kerry King:

"Eu encontrei David pela primeira vez algumas semanas antes de eu tocar em cinco shows com o Megadeth, em idos de Fevereiro de 1984. Eu fiquei empolgado com aquilo: eu entrei para a banda porque eu tinha visto Mustaine tocar com o METALLICA e fiquei de fato impressionado. Eu achei que ele sabia tocar pra valer, e quando ouvi dizer que ele estava procurando por um guitarrista, eu pensei em tentar porque, a meus olhos, ele era fabuloso. Ellefson era um baixista muito bom. Ele sempre foi um cara legal, e ele sempre foi autêntico. Eu realmente curtia o material antigo do Megadeth."

Depois daqueles primeiros shows do Megadeth na Bay Area em Fevereiro e Abril de 1984, eu pude ver que o fogo de reativar o Slayer estava mesmo vivo nos olhos de Kerry. Foi como se os shows na Bay Area com a gente tivessem aberto os olhos dele para outro modo de fazer aquilo, diferente de como as coisas eram feitas em Los Angeles, com penteados, maquilagem, cintos com rebites, e por aí vai. Eu realmente acredito que aqueles shows com Kerry estabeleceram um novo rumo para que ele revigorasse o Slayer e permitisse que eles se tornassem o fenômeno mundial que eles são hoje.

Então Kerry voltou para o Slayer, e, mais uma vez, éramos só eu e Dave. [...]




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Megadeth"Todas as matérias sobre "Slayer"


Músicas imortais: Countdown To Extinction, um grito pela preservação do meio ambienteMúsicas imortais
"Countdown To Extinction", um grito pela preservação do meio ambiente

Megadeth: pequena cronologia da historia da banda disco por discoMegadeth
Pequena cronologia da historia da banda disco por disco

Grandes covers: cinco versões para Hangar 18, do MegadethGrandes covers
Cinco versões para "Hangar 18", do Megadeth

Grandes covers: cinco versões para "Holy Wars... The Punishment Due"

Megadeth: por que a banda vai abrir para o Five Finger Death PunchMegadeth
Por que a banda vai abrir para o Five Finger Death Punch

Grandes covers: cinco versões para a excelente "Tornado Of Souls"

Megadeth: David Ellefson fala sobre Risk, vinte anos depoisMegadeth
David Ellefson fala sobre Risk, vinte anos depois

Desencontro com Kiko Loureiro: as frustrações de um Guitar Hero (vídeo)Desencontro com Kiko Loureiro
As frustrações de um Guitar Hero (vídeo)

Megadeth: Mustaine está indo bem na batalha contra o câncer, afirma EllefsonMegadeth
Mustaine está indo bem na batalha contra o câncer, afirma Ellefson

Megadeth: cinco curiosidades sobre o clássico Rust In PeaceMegadeth
Cinco curiosidades sobre o clássico Rust In Peace

Megadeth: Mustaine talvez não esteja presente no Megacruise, afirma EllefsonMegadeth
Mustaine talvez não esteja presente no Megacruise, afirma Ellefson

Em 24/09/1990: Megadeth lançava Rust In Peace, o magnum opus da bandaEm 24/09/1990
Megadeth lançava Rust In Peace, o magnum opus da banda

Megadeth: Dave Mustaine está indo bem contra o câncer, diz EllefsonMegadeth
Dave Mustaine está "indo bem" contra o câncer, diz Ellefson

Em 23/09/1990: Megadeth lançava o single "Holy Wars... The Punishment Due"

Megadeth: um passeio de ida e volta pelo Hangar 18Megadeth
Um passeio de ida e volta pelo Hangar 18

Roqueiros conservadores: a direita do rock na revista VejaRoqueiros conservadores
A direita do rock na revista Veja

Marty Friedman: Sim, você pode dizer que sou um hipócrita.Marty Friedman
"Sim, você pode dizer que sou um hipócrita."

Kiko Loureiro: ele intimidou Chris Adler quando mostrou CD soloKiko Loureiro
Ele intimidou Chris Adler quando mostrou CD solo


Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo

Débil Metal: quando os fãs assustam os ídolosDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

Heavy Metal: 5 músicos que não são metaleiros mas amam o estiloHeavy Metal
5 músicos que não são metaleiros mas amam o estilo

Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com AxlGuns N Roses
Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl

Slipknot: Joey Jordison foi demitido por telegrama cantado?Slipknot
Joey Jordison foi demitido por telegrama cantado?

Wall Of Death: uma trollada histórica no meio de show dos EUAWall Of Death
Uma trollada histórica no meio de show dos EUA

Kiss: banda foi banida de rádios devido a polêmica de SimmonsKiss
Banda foi banida de rádios devido a polêmica de Simmons


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336