Rhapsody Of Fire: Staropoli fala sobre Lione, Holzwarth e futuro da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: Metal da Ilha
Enviar correções  |  Comentários  | 

Os fãs da banda italiana RHAPSODY OF FIRE sentiram um grande baque quando o guitarrista e fundador da banda, Luca Turilli, resolveu deixar o grupo e montar o "seu próprio Rhapsody", levando com ele o baixista Patrice Guers e o guitarrista Dominique Lerquin. Desde então a banda seguiu com uma nova formação, lançando o álbum "Dark Wings of Steel" (2013), com os substitutos Roby De Micheli (guitarra) e Oliver Holzwarth (baixo). Porém a banda sofreu nova mudança no baixo, onde entrou o músico Alessandro Sala. Contudo, o maior desfalque da história da banda veio a acontecer na última semana. O vocalista Fabio Lione anunciou sua saída da banda, e pegando carona, o baterista Alex Holzwarth também decidiu abandonar o navio.

6 acessosEm 09/01/1970: Nasce Alex Staropoli (Rhapsody)5000 acessosRockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus

Mesmo assim a banda não se mostrou abalada e de acordo com o único membro original, Alex Staropoli, o Rhapsody irá seguir em frente com responsabilidade. O tecladista concedeu uma entrevista para o site Metal Underground e falou sobre as saídas de Fabio Lione e Alex Holzwarth, além de atualizar os fãs sobre o futuro da banda. Confira alguns trechos:

Sobre se ele sabia do desejo de Fabio Lione em deixar a banda:

Staropoli: "Sabíamos que a saída de Fabio iria acontecer eventualmente. Foi uma decisão cuidadosamente discutida em grupo por um bom tempo. Essas discussões foram, como você pode imaginar, interna e confidencial. Fizemos assim para acalmar os rumores, porque nós não sabíamos ao certo o que ia acontecer".

Sobre qual foi a reação da banda com a decisão de Lione:

Staropoli: "Mesmo que a saída de Fabio não tenha sido exatamente uma surpresa, não foi fácil pra ninguém encarar isso. Nós entendemos a necessidade de aceitar essa mudança e passar para um novo capítulo. Vários fãs nos enviaram mensagens de carinho e cumprimentos, além de incentivos. Estamos felizes e vamos nos manter fortes e nos preocupar agora com essa importante transição".

Sobre se as portas ainda estão abertas para Fabio Lione:

Staropoli: "O que podemos dizer é que temos de seguir em frente. o Rhapsody Of Fire irá criar novas parcerias e olhar para o futuro".

Se ele acha que alguém pode substituir Fabio Lione:

Staropoli: "Fabio será sempre uma parte importante da história do ROF. O novo vocalista terá uma nova identidade vocal. Ele vai ter a sua própria posição na banda. Ele vai escrever mais um capítulo e desempenhar um papel importante, do seu jeito, em uma nova história".

Se a decisão de Alex Holzwarth em também deixar a banda já tinha sido discutida anteriormente:

Staropoli: "Alex e eu éramos sempre abertos um com o outro, nós sempre nos demos muito bem durante todos esses anos e foi divertido. Chega um certo ponto na carreira de um músico onde ele sente a necessidade de tentar outra coisa, e eu entendi ele. Criamos um vasto catálogo de músicas juntos, que permanecerá para sempre.
Tivemos reuniões com a banda em muitas ocasiões, especialmente quando estávamos todos juntos durante shows e festivais, melhor momento para se compartilhar idéias e opiniões. Nós todos demos sugestões sobre o futuro do ROF. Por exemplo, Alex Holzwarth esteve sempre pronto para ajudar a encontrar um substituto certo para ele. Em relação ao que que vem a seguir, eu, Roby e Sala tomamos essa responsabilidade a fim de deixar Alex H. e Fabio focarem no seu seu futuro.

Pessoalmente, eu preciso dizer que é realmente importante estar preparado para mudanças a qualquer momento".

Sobre o legado de Alex Holzwarth

Staropoli: "Alex é um cara bom, um grande amigo, generoso e, claro, um baterista talentoso. Eu vou sentir falta do seu humor e sua atitude positiva perante a vida e a música. O legado de Alex é sobre como ele ama tocar. Ele pode sentir a música e o que precisa ser feito no estúdio e ao vivo. De modo geral, quando componho músicas, eu programo algumas batidas de bateria, mas era muito mais prazeroso ouvi-lo alí presente, em tempo real. Raramente eu observo um baterista tocando. Mas assistir Alex tocando as músicas do ROF ao vivo é sempre uma grande experiência e uma lição de técnica e estilo. Eu sempre gostei de ver seus solos durante nossos shows desde que começamos a jogar juntos.

Sobre o futuro do Rhapsody Of Fire:

Staropoli: "Vai levar algum tempo para a banda se reagrupar, por isso estamos muito ocupados trabalhando. Nós já estamos no processo de escolha do novo vocalista e um novo baterista. Assim que se confirmar, iremos apresentá-los aos nossos fãs, um por um, e falar sobre os próximos projetos e shows ao vivo. É importante para nós a criação de um line-up sólido que possa beneficiar os próximos anos. Essa preparação vai levar algum tempo. Pode ser mais cedo ou mais tarde.
Em relação aos desafios, como todos sabemos, a maioria dos nossos fãs ficaram tristes com a notícia. Mas depois do choque inicial, muitos compreenderam nossa posição. Esperamos que os nossos fãs continuem mostrando apoio e permaneçam com a gente. Haverá novos desafios e o ROF não pode vencer todos eles sem nossos fãs. Temos o 'Into The Legend', que mostrou pra todo mundo o enorme impacto que o Rhapsody Of Fire ainda pode causar. Será ainda mais difícil de entregar obras melhores, como foi ‘Into The Legend’. Na verdade temos que ter paciência. No entanto, todos estes desafios também fazem do nosso trabalho algo mais emocionante. Esperamos que a banda também possar usufruir da realização desses novos planos".

Staropoli mencionou que a escolha dos novos membros está sendo bem discutida, alguns bateristas já estão sendo escalados, mas o desafio maior será quanto ao novo vocalista. Alex Staropoli disse também que será uma nova jornada para a banda, onde essa será a oportunidade que o Rhapsody Of Fire terá para apresentar algo novo em sua sonoridade.

A entrevista completa (em inglês) pode ser conferida na fonte original desta matéria:

http://www.metalunderground.com/news/details.cfm?newsid=1282...

Comente: Você imaginava que tudo isto aconteceria com a banda?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

6 acessosEm 09/01/1970: Nasce Alex Staropoli (Rhapsody)641 acessosRhapsody: show em São Paulo terá a banda Soulspell como convidada300 acessosEm 27/10/1997: Rhapsody lança o álbum Legendary Tales0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Rhapsody"

Rhapsody Of FireRhapsody Of Fire
Curiosidades a respeito da banda

Metal MedievalMetal Medieval
Confira 10 bandas de temáticas medievais

AngraAngra
Banda errou na escolha de Fabio Lione?

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Rhapsody"


Blasfêmias?Blasfêmias?
Rockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus

HumorHumor
Como você chama alguém que sai com músicos? Baterista!

Em 28/12/2009Em 28/12/2009
Morre o baterista Jimmy "The Rev" Sullivan

5000 acessosMotorhead: a dieta que mantinha Lemmy jovem e viçoso5000 acessosRock Progressivo: Você sabe que está ouvindo demais quando...5000 acessosMetallica: ouça "Nothing Else Matters" em escala maior4693 acessosIron Maiden: Adrian Smith fala da fama de satanistas após "The Number..."5000 acessosMúsica Fácil: três bateras excelentes que você subestima5000 acessosEm 20/01/1969: Led Zeppelin se apresenta num show que não rolou

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 12 de outubro de 2016


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online