Marilyn Manson: o documentário Driven, da VH1

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Narcissus Narcosis, Fonte: Youtube
Enviar Correções  

"Driven: Marilyn Manson", foi um documentário exibido pela VH1, que fez emergir alguns fatos desconhecidos do grande público sobre a persona MARILYN MANSON, pesadelo da América nos anos 90. O programa retrata desde a sua infância em uma família de classe média de Canton, Ohio, até o estrelato, há quase 20 anos. Brian Warner, então uma criança desajustada, embora tivesse uma relação muito boa com os pais, tinha dificuldades em lidar com o regimento da sua escola, que era extremamente ortodoxa. Como válvula de escape, usou o seu talento para se sobressair, pois não conseguia se encaixar nos padrões nem manter amizade com as demais crianças. As suas poesias e desenhos mostravam os traços de uma futura insubordinação contra a escola reacionária e opressora.

publicidade

MANSON começou a ganhar destaque nas aulas de redação, e os seus poemas se tornariam muito tempo depois o esqueleto de algumas de suas letras mais famosas. Seu interesse por rock e heavy metal começou quando os professores disseram que ele não devia ouvir coisas como David Bowie, Kiss, Black Sabbath, Judas Priest ou Mötley Crüe, por estes serem satânicos. Ele imediatamente foi à loja comprar os LPs desses artistas.

publicidade

"Acho que ele sempre se sentiu um pouco diferente", "ele nunca fez parte de qualquer grupo social", "acho que o Brian tinha dificuldades de interagir com outras crianças porque ele era mais inteligente" ou "ele começou a se sobressair nas aulas de redação. Ele era como um homem do Renascimento: escrevia muita poesia, pintava, desenhava..." são algumas das opiniões de quem o conheceu na infância.

publicidade

Abaixo segue o programa completo, com tradução do fansite MechanicalChristBR.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade


WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin