Matérias Mais Lidas

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemCuecão de couro: Rob Halford posa com suas "great balls of fire" em camarim

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemPróximo disco do Avantasia será lançado em outubro; confira capa e tracklist

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemCinco álbuns que serão lançados no segundo semestre de 2022 e merecem a sua atenção

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975


Stamp

Varg Vikernes: "filme baseado naquele livro imprestável?"

Por Marco Néo
Fonte: BraveWords
Em 22/12/09

O líder (e único membro) do BURZUM, Varg Vikernes, comentou, por meio do website da horda, sobre o fime "Lords of Chaos", baseado no livro de mesmo título, dos autores Michael Moynihan e Didrik Soderlind, que disseca a cena de Black Metal norueguesa do início dos anos 1990, com um foco especial na série de incêndios em igrejas e assassinatos que ocorreram no país por volta de 1993.

"A primeira pergunta que me veio à mente quando eu fiquei sabendo dos planos de um filme sobre o 'Lords of Chaos' foi 'por quê?' Por que diabos alguém teria interesse de transformar aquele livro imprestável em um filme? Como isso é sequer possível, já que o livro é baseado em nada além de um punhado de entrevistas imprecisas, complementadas por alegações sem fundamento e teorias totalmente ignorantes criadas pelos autores? Quando eu fiquei sabendo que seria um personagem do filme eu fiquei ainda mais confuso, e naturalmente a minha próxima questão foi 'será que eles podem fazer isso?' Eles nunca pediram a minha permissão para usar o meu nome ou a minha história."

"Agora, aparentemente eles estão baseando o enredo do filme não na minha história, mas na história do 'Lords of Chaos'. Infelizmente a história desse livro é não somente sem sentido, incoerente e totalmente contraditória, mas também é bem lacunosa no que tange a informações sobre a vida e nas características dos indivíduos que serão incluídos como personagens do filme. Alguém poderia facilmente achar que, com todas essas limitações, seria impossível que alguém fizesse um filme baseado nesse livro, mas obviamente se você preenche as lacunas por sua conta..."

"Enquanto eu escrevo, eu estou rindo porque isso é engraçado, ainda que de uma forma estranha e bizarra. Eles têm por base uma história fictícia que é baseada em fatos reais e escrita de maneira bem pobre por dois amadores ignorantes, depois elaboram um script sem nem sequer falar com alguém que possa saber algo sobre os fatos nos quais os dois ignorantes basearam sua história, e por fim chamam alguns outros indivíduos de Hollywood para reescrever o script mais algumas vezes, para que se encaixe aos padrões hollywoodianos, é claro. O que é que sobra disso tudo? Bem, outro filme de Hollywood 'baseado em fatos reais', evidentemente. (Vocês não acham que os outros filmes de Hollywood 'baseados em fatos reais' são muito melhores, acham?)"

Leia a declaração completa de Vikernes neste link:

http://www.burzum.org/eng/library/the_lords_of_lies06.shtml

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Varg Vikernes: vídeo de ensaio nos tempos do Old Funeral

Black Metal: A política do Black Metal Norueguês


Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo.