Varg Vikernes: "filme baseado naquele livro imprestável?"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marco Néo, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar Correções  

O líder (e único membro) do BURZUM, Varg Vikernes, comentou, por meio do website da horda, sobre o fime "Lords of Chaos", baseado no livro de mesmo título, dos autores Michael Moynihan e Didrik Soderlind, que disseca a cena de Black Metal norueguesa do início dos anos 1990, com um foco especial na série de incêndios em igrejas e assassinatos que ocorreram no país por volta de 1993.

publicidade

"A primeira pergunta que me veio à mente quando eu fiquei sabendo dos planos de um filme sobre o 'Lords of Chaos' foi 'por quê?' Por que diabos alguém teria interesse de transformar aquele livro imprestável em um filme? Como isso é sequer possível, já que o livro é baseado em nada além de um punhado de entrevistas imprecisas, complementadas por alegações sem fundamento e teorias totalmente ignorantes criadas pelos autores? Quando eu fiquei sabendo que seria um personagem do filme eu fiquei ainda mais confuso, e naturalmente a minha próxima questão foi 'será que eles podem fazer isso?' Eles nunca pediram a minha permissão para usar o meu nome ou a minha história."

publicidade

"Agora, aparentemente eles estão baseando o enredo do filme não na minha história, mas na história do 'Lords of Chaos'. Infelizmente a história desse livro é não somente sem sentido, incoerente e totalmente contraditória, mas também é bem lacunosa no que tange a informações sobre a vida e nas características dos indivíduos que serão incluídos como personagens do filme. Alguém poderia facilmente achar que, com todas essas limitações, seria impossível que alguém fizesse um filme baseado nesse livro, mas obviamente se você preenche as lacunas por sua conta..."

publicidade

"Enquanto eu escrevo, eu estou rindo porque isso é engraçado, ainda que de uma forma estranha e bizarra. Eles têm por base uma história fictícia que é baseada em fatos reais e escrita de maneira bem pobre por dois amadores ignorantes, depois elaboram um script sem nem sequer falar com alguém que possa saber algo sobre os fatos nos quais os dois ignorantes basearam sua história, e por fim chamam alguns outros indivíduos de Hollywood para reescrever o script mais algumas vezes, para que se encaixe aos padrões hollywoodianos, é claro. O que é que sobra disso tudo? Bem, outro filme de Hollywood 'baseado em fatos reais', evidentemente. (Vocês não acham que os outros filmes de Hollywood 'baseados em fatos reais' são muito melhores, acham?)"

publicidade

Leia a declaração completa de Vikernes neste link:

http://www.burzum.org/eng/library/the_lords_of_lies06.shtml



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Fama: 5 bandas que são grandes no exterior e nem tanto no BrasilFama
5 bandas que são grandes no exterior e nem tanto no Brasil

Guitarristas: E se os mestres esquecessem como se toca?Guitarristas
E se os mestres esquecessem como se toca?


Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin