Mate-me Por Favor: livro é usado como "prova" de crime no Rio

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Genilson Alves, Fonte: Blog Radio Sehnsucht
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 29/06/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


Na última quarta-feira (26/6) uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro resultou na apreensão de várias armas brancas na casa de um jovem de 21 anos, indiciado, entre outros crimes, por formação de quadrilha e tentativa de homicídio durante manifestação ocorrida na capital fluminense no dia 17 de junho. O suspeito continua foragido. No entanto, o que torna a notícia bizarra é que entre as armas apresentadas pela polícia havia um exemplar do livro “Mate-me Por Favor”, de Legs McNeil e Gillian McCain, título que conta a origem do punk.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, ao ser questionado sobre o livro, recolhido junto com fotos e cartazes que traziam referências aos movimentos punk e anarquista, o delegado Mario Andrade argumentou que a obra fora apreendida para “demonstrar a ideologia dele [suspeito] frente à nação brasileira, de defesa da anarquia (...), mostra que é uma pessoa que não foi fazer uma manifestação pacífica”.

Revoltado com a associação do livro com uma suposta ação criminosa, o editor Ivan Pinheiro Machado, da L&PM, que publicou “Mate-me Por Favor” no Brasil, desabafou no site da editora: “Não me interessa o que o rapaz fez, mas a naturalidade com que o delegado apreendeu o livro. Um delegado que não serve a uma ditadura e apreende um livro é porque tem a vocação do autoritarismo. [O livro] não faz apologia da violência, ele trata de jovens que foram abandonados pelo sistema e elegeram a música como uma forma de protesto. (...) A L&PM Editores, meu caro delegado, já foi vítima, durante os anos sombrios da ditadura, de vários delegados que odiavam livros. O que me surpreende é que um bom livro seja alinhado junto a facas e correntes e exibido na TV como se fosse uma arma. E ninguém diz nada”.

Em abril, foi publicada no Whiplash.net uma resenha sobre a “subversiva” obra:
2882 acessosMate-me Por Favor: obra clássica revela a gênese do punk

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias

SsemelhançaSsemelhança
Separados no nascimento: Lady Gaga e Eddie

Iron MaidenIron Maiden
Conheça a equipe e família que viaja com a banda

Iron MaidenIron Maiden
Uma releitura de "The Trooper" pelo Cine

5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosComo Conservar e Recuperar Cordas de Baixo5000 acessosSkank: banda foi enganada ao participar de programa da Xuxa5000 acessosCradle Of Filth: Dani Filth explica seu conceito de religião5000 acessosAvenged Sevenfold: Ouça os vocais de Shadows isolados dos instrumentos5000 acessosVocalistas: Os 10 melhores da história do rock

Sobre Genilson Alves

Genilson Alves é jornalista e autor do blog Radio Sehnsucht.

Mais matérias de Genilson Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online