Burzum: Varg é condenado por xenofobia e racismo na França

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Ver Acessos

Uma corte francesa condenou Varg Vikernes a passar seis meses na prisão, além de pagar uma multa de oito mil euros, por supostos crimes de racismo e xenofobia cometidos através de postagens feitas na internet.

Metallica: as extravagâncias da banda para tocar no Rock in RioJimi Hendrix: 12 coisas que talvez você não saiba sobre ele

Vikernes, 41 anos, vive na França há quatro anos, e em julho do ano passado foi detido junto com a esposa por ser suspeito de planejar ataques terroristas e incitar pessoas ao ódio. Na ocasião, trechos de textos publicados em blogs entre março e junho de 2013 que atacam Muçulmanos e Judeus.

Em sua defesa, Varg afirmou que não tinha feito nenhum comentário racista e que possivelmente houve um mal entendido em virtude de ter usado um intérprete para traduzir o que dizia, e ainda comentou que existiam pelo menos 350 pessoas se passando por ele no facebook.



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Burzum"


Varg Vikernes: crítica a Euronymous e Venom em vídeoVarg Vikernes
Crítica a Euronymous e Venom em vídeo

Lords Of Chaos: Senhores do caos ou rebeldes sem causa?Lords Of Chaos
Senhores do caos ou rebeldes sem causa?


Metallica: as extravagâncias da banda para tocar no Rock in RioMetallica
As extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio

Jimi Hendrix: 12 coisas que talvez você não saiba sobre eleJimi Hendrix
12 coisas que talvez você não saiba sobre ele