Carol Morreu - Medo e delírio na Micareta

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Felipe Ricotta
Enviar correções  |  Ver Acessos

Jammil E Uma Noites.
Bonfim de Semana.
Riocentro.

Eu tava ansioso.

Cheguei atrasado, apressado e estressado na casa do meu Fotógrafo e Irmão Brother.

Ele parecia não perceber que estávamos prestes a encarar o momento profissional mais importante de nossas vidas enquanto procurava lentamente suas meias - "Bora mulek, tamo atrasado!"

Dona Lúcia consultou seu relógio Condor Do Silvio Santos e nos olhou aflita.

"Meu filho, onde vocês vão?"

"Pr'uma micareta, Dona Lúcia."

"O que é uma micareta?"

"O que é?" - como explicar? - "Ah, Dona Lúcia...é o maior espetáculo da Terra."

Nos despedimos da Dona Lúcia e partimos rumo ao Riocentro no Ricottamóvel.

"Estamos aqui dentro do carro, indo pra nossa primeira micareta e..."

"Cara, vamu tomar agora, vamu tomar agora."

"Não!"

"Cara, vamu tomar agora, vamu tomar agora."

"Se a gente tomar agora, a gente vai parar em Ubatuba."

Tomamo. Já era.

(...)

"Pô, Toother. Tu tá peludo pra carai na nuca, hein? Quando o barbeiro for fazer o pé, pede pra ele tirar até aí embaixo quase nas costas."

"Podecrer. Normalmente eu tiro em casa mesmo."

Quase na porta do lugar, procurávamos um lugar pra estacionar e já avistávamos as primeiras Pessonhas Micaréticas.

Começamos a sentir o cheiro de promiscuidade no ar.

"Estamos chegando no Riocentro para mais uma loucura Irmãos Brothers."

"MEDO E DELÍRIO NA MICARETA! MEDO E DELÍRIO NA MICARETA!"

"Irmãos Brothers. Ativar. Em forma de uma penca gigante.

ALVORAAADA, LÁ NO MORRO TEM CEEEEEEERVEJA, NINGUÉM LHOGAAAAAAA, NAO HÁ TRISTEZAAAAA, NINGUÉM SENTE DISSABOOOOORRR."

O Toother agora deu pra ficar cantando Cartola.

E arriscou uma primeira impressão.

"Bom, pelo que eu tô vendo daqui, nós somos os únicos que não são fortes e que têm pêlos. Pêlos que saem pelas golas da camisa. Estou avistando agora... hummm... Peitinhos Mirins!"

"Olha, eu tenho algo a dizer. Nós temos que respeitar certas regras do Jornalismo Micarético. Não podemos zoar com bombados, isso é muito importante. Ou seja, entrevistas só com mulheres e caras menores que a gente. Se bem que cara menor que eu é algo meio impossível, mas tudo bem."

(...)

"Estamos agora andando pelo lado de fora do Riocentro procurando a entrada e tal, só que uma coisa tem que ficar registrada. Gente feia pra caraio, hein? Diz aí. Procede ou não?"

"Procede, procede."

"Normalmente, a galera diz que micareta é um lugar que só dá mulher gata e vou te falar que até agora eu só vi canhão."

Entramos fundo nessa questão e acabamos chegando num consenso.

"A questão das feias é o seguinte..."

"Essa aqui é a passarela da sedução."

"A questão das feias é o seguinte, elas se aproveitam da situação. Elas vêm pra micareta pra beijar na boca do cara bombado que encheu a cara e só quer saber de somar pontos pro seu sistema de créditos. Ou seja, micareta pra mulher feia é o bicho, cara! E deve ser por isso que tem tanto bagulho aqui hoje. E eu tô apavorado. Você também tá apavorado, Toother?"

"Eu também tô. As mulheres feias vêm pra micareta pra ganhar calo no beiço."

(...)

PROS ÍNDIOS NAO TEM FILA Ô ÔÔ ÔÔ PROS ÍNDIOS NAO TEM...

"Cara, esses índios são apavorantes. Botando o terror aqui, hein?"

Os índios usavam apenas uma sunga(tanga?), anabolizantes e andavam em bando.

"Cara, toma cuidado com os índios! Eles são perigosos."

(...)

"Dá licença. Esse cara tava chegando em você?"

"Não, é meu primo."

"Ah tá. E aí, o que vocês acham dessa Juventude Micareta?

"Eu acho muito bom."

"Eu acho que é uma energia muito positiva, todo mundo brinca, todo mundo zoa."

"Sei. E vocês acham que micareta é algo que, se você frequentar muito, pode fazer mal, derreter o cerébro e tal?"

Toother Silent Bob conversava amarradão com os entrevistados e, quando isso acontece, é sinal de que as CNTP foram violadas. Ou seja, as Pupilas Largo Espectro tavam violentamente no auge e a gente nem tinha entrado no lugar ainda.

"Toother, eu não tenho nenhum problema na minha vida. E você?"

"Eu também não tenho nenhum problema na minha vida."

(...)

"Cara, acho que descobri minha missão na Terra. Eu nasci pra ir nos lugares fazer perguntas idiotas pras pessoas."

"Olha, eu te conheço há mais de 10 anos e vou te falar que tu nasceu pra ser isso mesmo, cara. Tu nasceu pra ser UM VAGABUNDO, UM FILHA DA P#TA. Mas que diverte os outros."

"Mas eu também vou ser ROCKSTAR um dia."

(...)

Eu já estava muito no clima do evento quando de repente LUIZ CALDAS BAIXOU EM MIM. Comecei a dançar freneticamente rumo à nossa entrada VIP - rebolando os quadris e balançando os braços e as pernas sem a menor sincronia, um lance assim meio Lombriga Ricótica Em Fúria, saca? - e vários policiais olhavam pra mim com olhar de reprovação. Eu cheguei a ler seus pensamentos.

"Putz, que playboy mais idiota."

(...)

Lá dentro, começamos nossos trabalhos e eu falava para algumas garotas sobre o meu medo de entrar na muvuca.

"Eu tenho medo de entrar lá e acabar beijando alguém. Eu sou um cara meio romântico, entende?"

"Eu também, eu também."

"Eu fui romântica por 4 anos, mas agora não dá mais."

"Eu também. Eu fui romântica por 2 anos, me f#di."

"Olha, muito obrigado pela entrevista. Vocês todas são lindas e eu juro que se eu fosse um playboy bombado e bêbado, eu ia tentar beijar uma de vocês agora."

(...)

Entramos no camarote vip à procura de famosos. Lá de cima, a gente avistava aquele mar de pessoas quicando/pulando que nem pipoca e...

Eu confesso que me emocionei.

Provavelmente, nessa hora eu já devia estar completamente abduzido pelo espírito micareteiro e tava achando aquilo tudo realmente muito legal. Afinal de contas, eu não tinha nenhum problema na minha vida e isso significava NO paranóias, NO carências afetivas, NO síndrome de garoto enxaqueca, etc.

E assim fica fácil, fácil ser abduzido por qualquer evocação cósmica do mal.

"Toother, eu tô apaixonado por micareta! Eu quero vir sempre agora!"

"Somos dois! Somos dois, amigão! Eu tenho sangue da Bahia da cintura pra baixo."

Não achamos nenhuma celebridade, então largamos mão de vipeza e fomos pra galera.

(...)

"CARA, TÁ TODO MUNDO SE PEGANDO AQUI! TÁ TODO MUNDO SE PEGANDO AQUI! TÁ TODO MUNDO BEIJANDO MUITO, EU TÔ APAVORADO! EU VOU ACABAR BEIJANDO ALGUÉM AQUI! AHHHHHHHHHHHHHHH!"

(continua...)

NAO PERCA A CONTINUAÇAO DE MEDO E DELÍRIO NA MICARETA!


Carol Morreu

Carol Morreu - Saca a Graforréia?

Carol Morreu - Peter Parker escuta Loser Manos?

Carol Morreu - Minha Primeira Vez no Circo

Carol Morreu - Dance o Twist com os Autoramas

Carol Morreu - Pitty e os conselhos da minha avó

Carol Morreu - As botas sujas de Frank Jorge

Carol Morreu - Lobão para iniciantes

Carol Morreu - Eu fui no show do Planet Hemp e não fumei

Carol Morreu - A pinta que me encarava

Carol Morreu - Meu coração country em sintonia com Kid Abelha

Carol Morreu - Mas e o show do Mundo Livre, cara?

Carol Morreu - Sobre as 18.999 pessoas que gritavam Hey e Ho

Carol Morreu - Eu sou o inverso do funilCarol Morreu - Eu sou o inverso do funil

Carol Morreu - Eu não consigo ser tão emo o tempo inteiroCarol Morreu - Eu não consigo ser tão emo o tempo inteiro

Carol Morreu - Nando Reis no Caneção

Carol Morreu - Por que não levar uma paty prum show de hardcore?Carol Morreu - Por que não levar uma paty prum show de hardcore?

Carol Morreu - Black Alien no Odisséia

Carol Morreu - Alguém me dê um celular, please?Carol Morreu - Alguém me dê um celular, please?

Carol Morreu - O que aconteceu com os Irmãos Brothers?Carol Morreu - O que aconteceu com os Irmãos Brothers?

Carol Morreu - Red Racing Sound (Festa da Marlboro)Carol Morreu - Red Racing Sound (Festa da Marlboro)

Carol Morreu - Mas e essas guitarras purpurinadas, hein?Carol Morreu - Mas e essas guitarras purpurinadas, hein?

Carol Morreu - Foda-se a televisão! Foda-se a rádio! Foda-se Bush!Carol Morreu - Foda-se a televisão! Foda-se a rádio! Foda-se Bush!

Carol Morreu - Para curar essa maldita ressaca intelectualCarol Morreu - Para curar essa maldita ressaca intelectual

Carol Morreu - Não quero mais pagar de Ricota Nostálgica Triste!Carol Morreu - Não quero mais pagar de Ricota Nostálgica Triste!

Carol Morreu - Resolvendo uma treta com o DjavanCarol Morreu - Resolvendo uma treta com o Djavan

Carol Morreu - Deixei minha barba crescer para ver os hermanosCarol Morreu - Deixei minha barba crescer para ver os hermanos

Carol Morreu - Você conhece o Fucker Pullover?Carol Morreu - Você conhece o Fucker Pullover?

Carol Morreu - Eu descobri quem é a Garota VenenoCarol Morreu - Eu descobri quem é a Garota Veneno

Carol Morreu - A procura de Jah no show do NatirutsCarol Morreu - A procura de Jah no show do Natiruts

Carol Morreu - Eu perdi o show, cara!Carol Morreu - Eu perdi o show, cara!

Carol Morreu - A surra que o rei quase tomou?Carol Morreu - A surra que o rei quase tomou?

Carol Morreu - Raul ficou do lado de foraCarol Morreu - Raul ficou do lado de fora

Carol Morreu - Humberto usa Loireal?Carol Morreu - Humberto usa Loireal?

Carol Morreu - DJ Marlboro não fuma MarlboroCarol Morreu - DJ Marlboro não fuma Marlboro

Carol Morreu - Ruído Fest 2005, a ExperiênciaCarol Morreu - Ruído Fest 2005, a Experiência

Carol Morreu - Toni Garrido estava certo sobre o fim de semana

Carol Morreu - O mito Stevie BCarol Morreu - O mito Stevie B

Carol Morreu - Medo e delírio na Micareta IICarol Morreu - Medo e delírio na Micareta II

Carol Morreu - Medo e delírio na Micareta IICarol Morreu - Medo e delírio na Micareta II

Carol Morreu - Surfistas calhordasCarol Morreu - Surfistas calhordas

Carol Morreu - Mas como assim dentro do freezer?

Carol Morreu - Fritando no Shopping (Parte 1)

Carol Morreu - O Efeito Borboleta Ricótico

Carol Morreu - Garotas

Carol Morreu - Fritando no Shopping (Parte 2)

Carol Morreu - O CD coletânea que eu levei pra matrix

Carol Morreu - Mostrei o dedo do meio

Carol Morreu - A maldição das amigas que você não quer

Carol Morreu - Roubando público do D2Carol Morreu - Roubando público do D2

Carol Morreu - Entrevista exclusiva com Felipe Ricotta

Carol Morreu - Welcome To My Life

Carol Morreu - Sobre as Vergonhinhas (Parte 1)

Carol Morreu - Sobre as Vergonhinhas (Parte 2)

Carol Morreu - Móóóóóóóby! A Ricotta que terminou do nada

Carol Morreu - E esse lance de dar beijinho no cabelo?

Carol Morreu - Eu sou uma farsa, porra!

Carol Morreu - Táticas Lenny no Fashion Rio (Parte I)

Carol Morreu - Táticas Lenny no Fashion Rio (Parte II)

Carol Morreu - Liberando sentimentos negativos no amigo

Carol Morreu - Stones em Copacabana

Carol Morreu - Ricotta Sacuda

Carol Morreu - Ricotta John Davis

Todas as matérias sobre "Carol Morreu"


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção HumorTodas as matérias sobre "Carol Morreu"


Black Sabbath: avó de Iommi era brasileira e pais eram católicosBlack Sabbath
Avó de Iommi era brasileira e pais eram católicos

Roqueiros conservadores: a direita do rock na revista VejaRoqueiros conservadores
A direita do rock na revista Veja


Sobre Felipe Ricotta

Felipe Ricotta, 24, é vocal e guitarra do Carol Azevedo.

Mais matérias de Felipe Ricotta no Whiplash.Net.

adGoo336