Fire Strike: metal oitentista que se compra pela capa

Resenha - Lion and Tiger - Fire Strike.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Willba Dissidente
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


"Nada mais triste que o conhecimento do provérbio", certa vez declarou Jean Paul Satre. O nosso dicionário Aurélio define que o conjunto de opiniões expressos pelo senso comum é tão arraigado no imaginário popular que "as opiniões contrárias aparecem como aberrações". O EP de estreia da banda paulista FIRE STRIKE vai de encontro ao filósofo francês e o mais celebrado conjunto de verbetes da língua portuguesa, já que destrói o provérbio de "nunca comprar um livro pela capa"; pois a belíssima capa de "Lion and Tiger" condiz completamente com o competente metal oitentista que o CD apresenta.
137 acessosFire Strike: a força do metal tradicional em sua essência5000 acessosSlipknot: demônio avistado em fogo durante show?

O desenho que ilustra o CD de estreia do FIRE STRIKE, um EP intitulado "Lion and Tiger", é assinado pelo artista Celso Mathias, que já trabalhou com diversas bandas underground, como HAZY HAMLET e outras. A arte de belíssimo bom gosto nos remete imediatamente às Histórias em Quadrinhos da década de oitenta, e é impossível não ver influência do, por exemplo, grande Jayme Cortez. Ao se colocar a bolachinha para rodar, logo no começo da "Night Fever", somos acometidos do melhor do Heavy Metal tradicional feito nos anos oitenta.

Não que o FIRE STRIKE seja uma banda presa no passado. A qualidade da gravação impressiona do primeiro ao último segundo, ainda mais por ser uma realização independente registrada na casa do guitarrista guitarrista Helywild e produzida por este e Henrique Shuindt (também guitarrista da banda). O baixo de Edivan está pulsante e atuante durante as cinco faixas do disco, formando uma excelente cozinha com a bateria cheia de peso de Jean Praelli. As guitarras têm bons riffs na escola da NWOBHM, leads e solos dobrados à la ARIA e IRON MAIDEN. Um outro diferencial da banda é a vocalista Aline Nunes, que possui uma peculiar voz que soa com uma mistura de DORO PESCH (ex- WARLOCK) com a canadense LEE AARON só que mais aguda, como se estivesse uma oitava acima; ainda assim a menina não desafina e segura os agudos e as notas mais altas por mais tempo que clássicas vocalistas citadas.

Seguindo com o disco, temos "Streets of Fire", que impressiona com o andamento do baixo/bateria como fundo do solo de guitarra inicial. Além disso, a levada da música é boa e desemboca num grudento refrão. "True as a Dream", terceiro faixa, além dos predicados das anteriores, possui um trabalho instrumental muito interessante nos solos. A penúltima música, "Masters Of Sea", tem participação do poliglota Pedro Zupo, baterista da banda ARMADILHA, numa introdução à la filme noir com falas em francês. Por fim, a faixa título, "Lion and Tiger", começa com o rugido de bestas e o som faz jus a ferocidade, pois é uma das melhores do disco.

"Lion and Tiger" é desprovido de baladas, passagens mais suaves do metal como Hard Rock, ou mais extremas como o Thrash Metal. O que esperar do EP? Simplesmente Heavy Metal Tradicional em seu estado bruto, pleno, criando algo novo que não é cópia, nem desrespeita a tradição do som pesado. Nesse ponto, podem haver críticas, pois sempre haverá quem acha que um disco de metal, ainda que Heavy, deva flertar com os demais gêneros do estilo, variando um pouco; porém, isso depende exclusivamente do gosto do ouvinte. Ao final destes 25 minutos, só podemos esperar que a jovem banda, que conta com essa formação desde 2010, mantenha o pique, o entusiasmo e o talento para fazer Heavy Metal.

FIRE STRIKE. Fonte: divulgação.
FIRE STRIKE. Fonte: divulgação.

"Lion and Tiger" foi lançado em Julho de 2013 pelo Thirteen Records, de propriedade de Tour Tauil, vocalista do ZUMBIS DO ESPAÇO; que consta no cast com outros proeminentes nomes como ARMADILHA e LEATHER FACES. As fotos recebem assinatura do fotógrafo Rhadas Camponato. Falando nisso, as oito página do encarte são recheadas de fotos e as letras das músicas. O disco pode ser adquirido diretamente com a banda pelo email: firestrikebrazil@gmail.com

FIRE STRIKE:

Aline Nunes – Vocal
Henrique Shundt - Guitarra
Helywild - Guitarra
Edivan Diamond - Baixo
Jean Praelii - Bateria

"Lion and Tiger" (tracklist):

01 . Night Fever
02 . Streets of Fire
03 . True As a Dream
04 . Master Of The Seas
05 . Lion and Tiger

Sites relacionados (em inglês / português):

http://www.firestrike.com.br/
http://www.myspace.com/firestrike80
https://www.facebook.com/pages/FIRE-STRIKE/179407485474714...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


137 acessosFire Strike: a força do metal tradicional em sua essência266 acessosFire Strike: o resgate do Metal tradicional, com um toque feminino0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Fire Strike"

Metal SPMetal SP
Documentário sobre Heavy Metal em São Paulo

Metal BrazucaMetal Brazuca
Algumas bandas que você precisa conhecer

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Fire Strike"


SlipknotSlipknot
Demônio avistado em fogo durante show?

EpicaEpica
Foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?

Guitar WorldGuitar World
Os 100 piores solos de guitarra da história

5000 acessosMúsicas Ruins: blog elege as piores de grandes bandas do Rock/Metal5000 acessosEmo: gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada5000 acessosEddie Van Halen: "Eruption foi um acidente"5000 acessosSlash: nunca saí do Guns N' Roses, apenas fiquei um tempo separado deles5000 acessosVelvet Revolver: Os vocalistas já cogitados para a banda5000 acessosAlfabeto do Rock: as 15 melhores músicas de Metal

Sobre Willba Dissidente

Willba Dissidente é fã das bandas de hard rock dos anos 70 e 80 e de metal oitentista dos mais variados países. Quem quiser saber mais deve acessar seu canal no youtube. Obrigado! Stay Hard (True As Steel)!

Mais matérias de Willba Dissidente no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online