Matérias Mais Lidas

imagemFilho de Trujillo fez guitarra na "Master of Puppets" que toca em Stranger Things

imagemMetallica em "Stranger Things" deixa fãs preocupados com a "popularização" da banda

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemTravis Barker afirma que está muito melhor e que correu risco de vida

imagemKirk Hammett deixa escapar que Metallica pode estar trabalhando em um novo álbum

imagemPink Floyd: Suas 10 músicas mais subvalorizadas, segundo a What Culture

imagemRob Halford posa para foto ao lado de Paul Stanley

imagemMax Cavalera revela como "selou a paz" com Tom Araya, vocalista do Slayer

imagemTito Falaschi ia entrar no Shaman, e conta porque não deu certo

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemSummer Breeze Open Air Brasil acontece em abril de 2023 em São Paulo

imagemLady Gaga: "o Iron Maiden mudou a minha vida!"

imagemCantora country-pop Carrie Underwood sobe ao palco com Guns N' Roses em Londres

imagem"Stranger Things" traz cena com "Master of Puppets", do Metallica


Airbourne 2022

Elvis Presley: biografias apontam casos de estupro, misoginia e efebofilia

Por Igor Miranda
Fonte: Vice
Em 20/10/16

Um texto feito por Elizabeth King para o site da revista Vice afirma que Elvis Presley não tratava bem as mulheres com quem se relacionava. Além disso, segundo o artigo, o Rei do Rock tinha predileção por garotas de 14 anos de idade.

Elizabeth King utiliza-se dos registros de vários livros biográficos para fazer suas afirmações, como "Elvis Presley: A Southern Life", de Joel Williamson; "Elvis e Eu", de Priscilla Presley, ex-mulher do astro; e "Child Bride: The Untold Story of Priscilla Beaulieu Presley", de Suzanne Finstad.

Veja, abaixo, alguns trechos do artigo do site da revista Vice.

Garotas de 14 anos:

"Em seu livro Elvis Presley: A Southern Life, Joel Williamson escreve sobre a vida de Elvis na estrada, incluindo o tempo que o astro passou com adolescentes. Williamson escreve que quando estava em turnê, Elvis caçava grupos de três meninas de 14 anos, que, em seu quarto de hotel, faziam brigas de travesseiros, cócegas, lutavam e beijavam o cantor, que na época tinha 22 anos."

Virgindade como prêmio:

"Em seu livro de memórias, Elvis e Eu, Priscilla escreve que Elvis fez de tudo menos sexo penetrativo com ela na primeira noite que eles passaram juntos e até eles se casarem. 'Era como se a virgindade de Priscilla fosse outra coisa que Elvis estranhamente precisava manter', escreveu Williamson em seu livro."

Espionagem:

"Segundo Williamson, ele (Elvis Presley) também instalou um espelho de dois lados em sua casa em Palm Springs com Priscilla, para poder espiar casais transando durante as festas extravagantes que dava lá."

Relações com mães:

"Quando Priscilla teve a única filha do casal, Lisa Marie, em 1968, Elvis parou de fazer sexo com ela, pelo menos segundo o que conta o livro da jornalista Alanna Nash Baby Let's Play House: Elvis and the Women WhoLoved Him. Priscilla escreveu em seu livro de memórias que Elvis 'tinha mencionado antes de casarmos que nunca conseguiu fazer amor com uma mulher que tinha filhos'."

"Obrigada a fazer amor":

"Priscilla acabou traindo Elvis, e segundo seu livro, ela contou a ele sobre o caso. Ela diz que Elvis a agarrou e a 'obrigou a fazer amor' com ele que dizia: 'É assim que um homem de verdade faz amor com uma mulher'. O casal se separou em 1972 e se divorciou um ano depois. Dois anos depois do ocorrido, Elvis foi atrás de outra menina de 14 anos chamada Reeca Smith. Segundo Nash, Smith disse que Elvis 'não tirou vantagem dela' durante o relacionamento de seis meses."

Leia o texto na íntegra:
http://www.vice.com/pt_br/read/elvis-machista

Comente: Elvis Presley merece a fama de bom moço?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Beto Alone: 5 Lendas do Rock que fazem muita falta (vídeo)

Garimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.