Rock japonês: três bandas muito além do visual kei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Genilson Alves
Enviar correções  |  Comentários  | 

Quando se fala da atual produção roqueira/metálica na terra do sol nascente, muitos imediatamente pensam na estética, digamos, “excêntrica” de algumas bandas, que muitas vezes desperta mais atenção do que a música em si. Felizmente, outros grupos preferem adotar uma postura mais sóbria, longe da extravagância do visual kei, lançando obras originais e musicalmente relevantes. Conheça a seguir três nomes de respeito da cena nipônica.

5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosEm 10/08/1993: Euronymous é assassinado por Varg Vikernes

Boris – Em uma primeira audição é praticamente impossível categorizar a música desse trio, que é também uma das bandas mais produtivas de seu país, com pelo menos um lançamento por ano, entre álbuns, colaborações e splits. Cada trabalho do Boris tem uma abordagem diferente, que vai do pop rock ao doom metal sem o menor constrangimento. Dois registros que merecem destaque são o EP “BXI”, feito em parceria com Ian Astbury (The Cult); e o semipsicodélico “Soundtrack From Film Mabuta No Ura”, lançado no Brasil em 2005 pela Essence Music.

http://www.myspace.com/borisdronevil

Mono – Um dos principais nomes do post-rock mundial, o Mono surgiu em 1999, em Tóquio, tendo lançado cinco álbuns de estúdio, além de alguns EPs, um split com os estadunidenses do Pelican e um disco ao vivo com orquestra, gravado em Nova Iorque (EUA). Atualmente, a banda finaliza o sucessor de “Hymn To The Immortal Wind”, um dos melhores lançamentos de 2009, e até o momento o ápice da carreira do conjunto.

http://www.myspace.com/monojp

Sgt. – Também oriundo da capital japonesa, o Sgt. é mais um representante da cena post-rock, e apesar de não ser tão conhecido quanto o Mono, sua música é bastante original e eclética, com muitas influências de jazz, e em alguns momentos poderia até ser classificada como fusion, distinguindo assim o quarteto dos demais grupos do gênero. Seu trabalho mais recente é o álbum “Birthday”, lançado no ano passado.

http://www.myspace.com/sgtofficial

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Além da BabymetalAlém da Babymetal
Dez das melhores bandas de metal do Japão

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Boris"0 acessosTodas as matérias sobre "Mono"0 acessosTodas as matérias sobre "Sgt"

ExcessosExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

Em 10/08/1993Em 10/08/1993
Euronymous é assassinado por Varg Vikernes

The Voice KidsThe Voice Kids
Garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos

5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um5000 acessosBruce Dickinson: ouça o alcance vocal do vocalista5000 acessosHeavy Metal: as piores capas dos grandes artistas do gênero5000 acessosAndy Warhol: da Colagem à Formatação do Kaos3669 acessosBaixistas: vídeo mostra os 10 maiores da história do Rock e Metal5000 acessosKiss: O segredo da maquiagem da banda

Sobre Genilson Alves

Genilson Alves é jornalista e autor do blog Radio Sehnsucht.

Mais matérias de Genilson Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online