Tradução - Waiting For The Dawn - Kotipelto

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Tradução - Waiting For The Dawn - Kotipelto

Traduzido por Vanessa Cristina e Walkiria S. Mosella

  | Comentários:
Imagem

INTRO

APRESENTAÇÃO

TRAVEL THROUGH TIME

Let me take you on this journey
As we go back many years
I will tell you about the things that I've seen
I know it might sound like a dream
I was born into a poor family
Just dirt floor under my feet
Far away from any city
I had to strugge in the burning heat
I learned how to fight and how to cheat

So now we fly
On the wings of my memories
Just hold on tight
And we will travel through time

When I was younger
Hunting on the plain
And the prey went in to the cave
As I followed through the opening
I felt like stepping in to my own grave
Then I saw it and I heard the voice
I have a secret for you, it's your choice
Do you want to be born again?
I'll give you something, a mission for you
So come along in to the light

So now we fly
On the wings of my memories
Just hold on tight
And we will travel through time

VIAGEM ATRAVÉS DO TEMPO

Deixe-me levá-lo nesta jornada
Enquanto voltamos há muitos anos
Vou lhe contar sobre as coisas que vi
Sei que isso pode parecer um sonho
Eu nasci numa família pobre
Apenas um piso sujo debaixo dos meus pés
Longe de qualquer cidade
Eu tive que lutar no calor escaldante
Aprendi a lutar e a enganar

Então agora voamos
Nas asas de minhas memórias
Se segure firme
E iremos viajar através do tempo

Quando eu era mais jovem
Estava caçando na planície
E a presa entrou na caverna
Enquanto eu a seguia entrando pela passagem
Eu sentia como se pisasse em meu próprio tumulo
Então eu a vi e ouvi uma voz
Eu tenho um segredo pra você, é sua escolha
Você quer renascer?
Eu te darei algo, uma missão para você
Então venha para a luz

Então agora voamos
Nas asas de minhas memórias
Se segure firme
E iremos viajar através do tempo

BEGINNING

A dry void within the universal waters
And a mound soon to arise
A heaven's dome, the earth
On the first day came the first sunrise

The Sun god is in his boat
Travelling through the night
Fighting the evil serpent
He will bring the light

Before creation there was chaos
And then the maker rose from the sea
He created more new deities
And that's how life was set free

The earth and the sky formed the first couple
And the descendants were born
The forces of good and evil appeared
Before the first dawn

The Sun god is in his boat
Travelling through the night
Fighting the evil serpent
He will bring the light

Before creation there was chaos
And then the maker rose from the sea
He created more new deities
And that's how life was set free

O INICIO

Um vazio sem vida nas águas universais
E uma colina prestes a surgir
Uma cúpula do céu, a Terra
No primeiro dia aconteceu o primeiro nascer do sol

O Deus Sol está em sua barca
Viajando pela noite
Combatendo a serpente maligna
Ele trará a luz

Antes da criação reinava o caos
E assim o criador surgiu do mar
Ele criou mais divindades novas
E assim a vida fora liberta

A terra e o céu formaram o primeiro casal
E nasceram os descendentes
As forças do bem e do mal surgiram
Antes da primeira aurora

O Deus Sol está em sua barca
Viajando pela noite
Combatendo a serpente maligna
Ele trará a luz

Antes da criação havia o caos
E assim o criador surgiu do mar
Ele criou mais divindades novas
E assim a vida fora liberta

A letra descreve o mito da criação do universo, segundo o qual (entre outras versões) no princípio existia apenas o caos líquido, o oceano primordial (chamado de Num) onde se ocultava Atum. Desse caos líquido ele se originou como uma colina, resplandecente na forma de Rá, o deus-sol, e criou dois filhos divinos: Shu, deus do Ar, e Tefnut, deusa da Umidade, que deram origem ao primeiro casal, Geb (deus da Terra) e Nut (deusa do Céu), que por sua vez deram à luz dois filhos, Osíris e Seth, e duas filhas, Ísis e Néftis.

LORD OF ETERNITY

Now that your life has come to an end
Reveal your sins
Anubis will bring the scales of justice
Is your heart as light as the feather of truth
Soon we'll see
An evil heart
Can't enter heavenly bliss

I am the Lord of Eternity
I will guide your way
I am the Lord of Eternity
You'll meet me on your last day

My brother's betrayal
Made me enter the afterlife
By dying I became the most powerful one
I'm the king of darkness
The guide of the souls
Just follow me
Duat is waiting for thee

I am the Lord of Eternity
I will guide your way
I am the Lord of Eternity
You'll meet me on your last day

I have the power
I've got your destiny in my hands
I will decide your fate
I'm the ruler of the darker lands

I am the Lord of Eternity
I will guide your way
I am the Lord of Eternity
You'll meet me on your last day

SENHOR DA ETERNIDADE *

Agora que sua vida chegou ao fim
Revele seus pecados
Anúbis** trará a balança da justiça
Seu coração é tão leve quanto a Pena da Verdade?
Logo veremos
Um coração mau
Não pode desfrutar da felicidade celestial

Sou o Senhor da Eternidade
Guiarei seu caminho
Sou o Senhor da Eternidade
Você me encontrará em seu último dia

A traição de meu irmão
Me fez entrar na vida após a morte
Morrendo, eu me tornei o mais poderoso
Sou o rei da escuridão
O guia das almas
Apenas me siga
Duat *** espera por ti

Sou o Senhor da Eternidade
Guiarei seu caminho
Sou o Senhor da Eternidade
Você me encontrará em seu último dia

Eu tenho o poder
Eu tenho seu destino em minhas mãos
Eu decidirei sua sorte
Sou o soberano das terras sombrias

Sou o Senhor da Eternidade
Guiarei seu caminho
Sou o Senhor da Eternidade
Você me encontrará em seu último dia

* Senhor da eternidade é uma referência a Osíris, deus da fertilidade e da vegetação, que após a morte se tornou o deus dos mortos, da ressurreição e da vida eterna. Osíris sucedeu ao trono do Egito, mas foi morto por seu irmão Seth, que espalhou pedaços do seu corpo por todo o reino. Foi salvo pelas suas irmãs, Isis e Néftis, que o encontram e por intermédio de Anúbis, lhe devolvem a vida. Uma vez salvo, ele casa-se com Isis e os dois têm um filho: Hórus. Desde então passa a reinar no mundo subterrâneo, julgando a alma dos mortos.

** Anúbis: Na mitologia egípcia, deus dos mortos. Considerado o inventor do embalsamento, guardião dos túmulos e juiz dos mortos. Os egípcios acreditavam que no juízo das almas, ele avaliava o coração dos mortos com a pena da verdade. Na arte, era representado com cabeça de chacal. Às vezes, Anúbis era identificado como Hermes, da mitologia grega.

*** Duat = O mundo dos mortos, o submundo, lugar onde as almas eram julgadas por Osíris, usando a Pena da Verdade.

KNOWLEDGE AND WISDOM

For thousands of years he's been guarding alone
And gazing towards the east
Noble and calm through night and day
On the sand lies the beast
Under his paw all the secrets of mankind
Can be found
A rock-cut temple
And a tunnel leading
To a lake underground
There I roam forever

Why don't you listen to
What I have to say tonight
I want to tell you about the things
I have seen in the past
The knowledge and wisdom
That I have gained in my life
All the secrets I've been keeping
Can't be learnt so fast

Some legends claim the existence
Of a secret corridor
But it's well hidden
Nobody can ever find the door
In a secret temple
There were ceremonies held every night
Praying for the god to defeat all evil
And bring back the light
And I roam forever

Why don't you listen to
What I have to say tonight
I want to tell you about the things
I have seen in the past
The knowledge and wisdom
That I have gained in my life
All the secrets I've been keeping
Can't be learnt so fast

CONHECIMENTO E SABEDORIA

Por milhares de anos ele guarda sozinho
E observa em direção ao leste
Nobre e calmo, dia e noite
Na areia está a besta
Sob sua pata todos os segredos da humanidade
Podem ser encontrados
Um templo situado numa abertura do rochedo
E um túnel que leva
Até um lago subterrâneo
Lá eu vago eternamente

Por que você não escuta
O que tenho para dizer esta noite?
Quero te contar sobre coisas
Que vi no passado
O conhecimento e a sabedoria
Que adquiri em minha vida
Todos os segredos que estive guardando
Não podem ser aprendidos tão depressa

Algumas lendas falam sobre a existência
De uma passagem secreta
Mas está bem escondida
Ninguém pode sequer encontrar a entrada
Em um templo secreto
Havia cerimônias todas as noites
Rezando para o deus derrotar todo o mal
E trazer novamente a luz
E eu vago eternamente

Por que você não escuta
O que tenho para dizer esta noite?
Quero te contar sobre coisas
Que vi no passado
O conhecimento e a sabedoria
Que adquiri em minha vida
Todos os segredos que estive guardando
Não podem ser aprendidos tão depressa

A primeira estrofe é uma referência à famosa Grande Esfinge de Gizé, situada no Planalto de Gizé na margem oeste do Rio Nilo disposta de frente para o leste, com um pequeno templo entre suas patas. A Esfinge é uma figura mitológica que aparece tanto na Mitologia Grega quanto Egípcia. Ambas têm o corpo de um leão e a cabeça de uma mulher, porém a esfinge grega tem asas e a egípcia não. Enquanto que para os egípcios a Esfinge era uma deusa do conhecimento e da sabedoria, a Esfinge grega era uma criatura que interpelava os passantes na entrada de Tebas com o famoso enigma "decifra-me ou devoro-te" (qual o animal que tem quatro patas de manhã, duas à tarde e três à noite). A palavra "esfinge" vem do grego, aparentemente do verbo "sphingo", que significa "estrangular".

BATTLE OF THE GODS

He was raised to avenge, to make things right
He could feel the anger running in his veins
In a foreign land he began to understand
He must overthrow his uncle from his reign
Learning how to fight using his might
Getting ready to avenge his father's death
With power in his arms and a will to win
He will fight until the last breath

They have started the great battle of the gods
Who'll be ruler, it goes on for days and nights

When the fight begins Seth seems to win
More powerful than ever before
But Horus has the thumb
That Seth once cut off
By swallowing it he wins the war
Now Seth is captured his hands are tied
But he gets some help from inside
Using the surprise Seth plucks out Horus' eyes
And plants them in the ground with pride

They have started the great battle of the gods
Who'll be ruler, it goes on for days and nights

They meet again and the fight begins
The battle rages on until the end
Finally Seth is beaten and Horus wins
But will that turn an enemy into a friend?

They have started the great battle of the gods
Who'll be ruler, it goes on for days and nights

BATALHA DOS DEUSES

Ele foi criado para vingar-se, para consertar as coisas
Ele podia sentir o ódio correndo em suas veias
Numa terra estrangeira ele se deu conta
De que precisava tirar seu tio do poder
Aprendendo a lutar usando sua força
Preparando-se para vingar a morte de seu pai
Com poder em seus braços e vontade de vencer
Ele lutará até o último suspiro

Eles começaram a grande batalha dos deuses
Quem será o soberano, ela dura dias e noites

Quando a luta começa Seth parece vencer
Mais poderoso do que nunca
Mas Horus tem o dedo polegar
Que outrora fora arrancado por Set
Engolindo-o, ele vence a guerra
Agora Seth é capturado, suas mãos amarradas
Mas ele recebe ajuda de dentro
De surpresa, Set arranca os olhos de Horus
E os finca no chão orgulhosamente

Eles começaram a grande batalha dos deuses
Quem será o soberano, ela dura dias e noites

Eles se encontram novamente e a luta começa
A batalha segue intensa até o fim
Finalmente Seth é derrotado e Horus vence
Mas isso tornará um inimigo em um amigo?

Eles começaram a grande batalha dos deuses
Quem será o soberano, ela dura dias e noites

Batalha dos Deuses descreve a luta entre os deuses Seth e Horus, pelo poder do reino do Egito. Seth assumiu o trono após assassinar seu irmão Osíris, que foi ressuscitado por Isis e Neftis, deixando um filho (Horus) antes de ir reinar no mundo dos mortos. Horus fora criado longe da ira do tio assassino, sob proteção de sua mãe Isis. Quando chegou o momento, Horus reuniu a todos e partiu à procura de Seth para vingar a morte do pai. A intensa batalha durou três dias e três noites; Seth e seus fiéis transformaram-se nos mais terríveis e estranhos animais para fugir à derrota. Horus mutilou Seth, mas este se transformou num grande porco preto e devorou o olho esquerdo de Horus. A batalha durava indefinidamente, sem vencedores nem vencidos. O deus Toth intrometeu-se autoritariamente e curou Seth. Ordenou também que fosse restituído o olho de Horus, e a lua voltou a brilhar. Vieram então os deuses e levaram a questão ao julgamento de Toth. Foi um processo que durou oitenta anos, ao fim do qual decidiu-se que Horus seria o senhor do Baixo Egito e Seth do Alto Egito.

BEAUTY HAS COME

Life can't be measured in gold
But in the feelings that you hold
With all your hopes and all your fears
There's so much to share
She always let her beauty shine
It was something so divine
I could lose myself in her eyes
And be the wind in her hair

She comes to me in my dream
More beautiful than I've ever seen
And whispers words of love and hope
Into my ear
I don't want her to go away
She tells me she would like to stay
As I see her wipe away a lonely tear

Time cannot take away her grace
I can still see her face
It's been carved in my heart, buried deep
I just wait until the night
When she and I unite
She will be all mine as long as I'm asleep

She comes to me in my dream
More beautiful than I've ever seen
And whispers words of love and hope
Into my ear
I don't want her to go away
She tells me she would like to stay
As I see her wipe away a lonely tear

A CHEGADA DA BELEZA

A vida não pode ser medida em ouro
Mas nos sentimentos que você guarda
Com todas as suas esperanças e todos os seus medos
Há muito para compartilhar
Ela sempre permitiu que sua beleza brilhasse
Era algo tão divino
Eu poderia me perder em seus olhos
E ser o vento em seus cabelos

Ele aparece em meus sonhos
Mais bonita do que eu já vi
E sussurra palavras de amor e esperança
Em meu ouvido
Não quero que ela se vá
Ela diz que gostaria de ficar
Enquanto eu a vejo enxugar uma lágrima solitária

O tempo não pode apagar sua beleza
Ainda posso ver seu rosto
Está esculpido em meu coração, enterrado profundamente
Só espero até a noite
Quando Ela e Eu nos unimos
Ela será toda minha enquanto eu estiver adormecido

Ele aparece em meus sonhos
Mais bonita do que eu já vi
E sussurra palavras de amor e esperança
Em meu ouvido
Não quero que ela se vá
Ela diz que gostaria de ficar
Enquanto eu a vejo enxugar uma lágrima solitária

VIZIER

I’m First to the King, His advisor
Working behind the scenes
Making the decisions
The powers given to me I use wisely
Trying to find all the best solutions

Here I walk again, I'm talking to myself
I stay awake all night till dawn
I've been thinking, hoping for some answers
In this game I'm just another pawn

I will fly in a dream
And wake up to my scream

I've been noticing everyone's deceiving
They are trying to avoid my gaze
But I know about the bribes
They've been receiving
I see through their lies
I know their evil ways

Here I walk again, I'm talking to myself
I stay awake all night till dawn
I've been thinking, hoping for some answers
In this game I'm just another pawn

VIZIR

Eu sou Essencial ao Rei, Seu conselheiro
Trabalhando fora de cena
Tomando as decisões
Uso sabiamente os poderes que recebi
Tentando encontrar todas as melhores soluções

Aqui caminho eu novamente, conversando comigo mesmo
Fico acordado a noite toda até o amanhecer
Estive refletindo, ansiando por algumas respostas
Neste jogo sou apenas um outro peão**

Voarei num sonho
E acordarei para meu grito

Eu tenho notado que todos andam mentindo
Eles estão tentando evitar meu olhar
Mas eu sei sobre os subornos
Que eles receberam
Eu vejo através de suas mentiras
Eu conheço suas maldades

Aqui caminho eu novamente, conversando comigo mesmo
Fico acordado a noite toda até o amanhecer
Estive refletindo, ansiando por algumas respostas
Neste jogo sou apenas um outro peão**

* Vizir = No antigo Egito, o termo designava um alto personagem escolhido pelo faraó, ao qual eram delegados alguns poderes.

** Peão = Peça de xadrez, alguém de pouca importância.

CHOSEN BY RE

Born to rule as a future pharaoh
He learned how to play the game
Building monuments and temples
They were to spread his name

Ramses the Great inherited the throne
He wanted to restore Egypt's might
As a living god he would to be known
And he was leading his troops in to fight

A warrior whose name rings all around
A pharaoh who rules over the lands
A living god who wears a double crown
He is chosen by Re

When the nation was in jeopardy
As pirates were attacking from the north
He ambushed them, no one broke free
He proved himself to be a leader
And he came forth

A warrior whose name rings all around
A pharaoh who rules over the lands
A living god who wears a double crown
He is chosen by Re

He reigned for over 6 decades
And his legend still lives on
We can see pictures on the walls
Hear about the battles he won

These were days of glory never seen before
And his people adored him even more

He made a pact with this enemy
And took a foreign princess as his wife
During his reign the nation grew
And he brought security and happiness
Into everybody's life

A warrior whose name rings all around
A pharaoh who rules over the lands
A living god who wears a double crown
He is chosen by Re

ESCOLHIDO POR RÁ *

Nascido para governar como um futuro faraó
Ele aprendeu a jogar de acordo com as regras
Construindo monumentos e templos
Que serviam para propagar seu nome

Ramsés, O Grande herdou o trono
Ele queria restituir o poder do Egito
Ficaria conhecido como representante de deus na Terra
E ele estava liderando suas tropas rumo à batalha

Um guerreiro cujo nome ressoa por todos os lugares
Um faraó que governa as terras
Um representante de Deus que usa uma coroa dupla
Ele é o escolhido por Rá

Quando a nação estava em perigo
Com piratas atacando do norte
Ele armou uma emboscada, ninguém escapou
Ele provou ser um líder a si mesmo
E se destacou

Um guerreiro cujo nome ressoa por todos os lugares
Um faraó que governa as terras
Um representante de Deus que usa uma coroa dupla
Ele é o escolhido por Rá

Ele reinou por mais de seis décadas
E sua lenda ainda é conhecida
Vemos gravuras nas paredes
Ouvimos sobre as batalhas que vencera

Estes foram os dias de glória nunca vistos antes
E seu povo o venerava ainda mais

Ele fez um pacto com o inimigo
E escolheu uma princesa estrangeira como esposa
Durante seu reinado a nação cresceu
E ele trouxe segurança e felicidade
Para a vida de todos

Um guerreiro cujo nome ressoa por todos os lugares
Um faraó que governa as terras
Um representante de Deus que usa uma coroa dupla
Ele é o escolhido por Rá

Durante a V Dinastia, os faraós começaram a atribuir a si mesmos ascendência divina e desde essa época foram venerados como filhos de Rá.

* Rá: na mitologia egípcia, deus do Sol representado por um corpo humano com cabeça de falcão. Costumava ser considerado criador e regente do Universo, cujos principais símbolos eram o disco solar e o obelisco.

** Ramsés II, o Grande. Um dos faraós mais poderosos do Antigo Egito, viveu entre 1320 a 1224 AC sendo o Faraó que mais tempo reinou (67 anos, entre 1290-1224 AC). Diz-se que Ramsés II teve dezenas de esposas e cerca de 100 filhos. Construiu muitos monumentos importantes, e existem mais estátuas dele do que de qualquer outro Faraó. Ele também é o Faraó de quem o personagem bíblico Moisés supostamente teria exigido que seu povo fosse libertado da escravidão. Sua múmia foi encontrada em Deir-al-Bahari em 1881 e posta no Museu do Cairo 5 anos depois, onde ainda é exposta.

WAITING FOR THE DAWN

It's been dark and cold for too long
I've been lying here on this stone
Waiting for the time, time to arrive
For me to reclaim my throne
In the shadows of my tomb
I will rest and I will wait
My departure will come soon
The stars are controlling my fate

Here inside I find my peace
I am safe from light and sound
All my thoughts are mine to keep
Lying here under the ground
Outside the storm is raging on
Like the storm I come and go
I can tell my time will come
When or where I still don't know

I've been waiting
Waiting for the dawn
Meditating, learning more

I've been waiting
Waiting for the dawn
Levitating above the floor

ESPERANDO PELA AURORA

Esteve escuro e frio por muito tempo
Eu estive aqui deitado nesta pedra
Esperando pelo momento, o momento de aparecer
Para reivindicar meu trono
Nas sombras de meu túmulo
Descansarei e esperarei
Em breve minha partida chegará
As estrelas controlam meu destino

Aqui dentro eu encontro minha paz
Estou salvo da luz e do som
Todos os pensamentos são meus para serem guardados
Deitado aqui, sob a terra
Lá fora, a tempestade desola
Assim como a ela, eu venho e vou
Posso dizer que minha hora chegará
Quando ou onde eu ainda não sei

Estive esperando
Esperando pelo amanhecer
Meditando, aprendendo mais

Estive esperando
Esperando pelo amanhecer
Levitando acima do chão

ARISE

The stars are aligned, the moment has arrived
Holy light radiates
I feel it flowing, my power's returning
And slowly the air vibrates

Far beyond the stars my mind travels
On a search for guidance
To a place where it can grow
And be completely free
I can't deny what I've learned
But it takes so much time to understand the things
And to lay them out for the people to see

I've been there before
And each time I've acquired more
Life is a gift, priceless
The pain inside my heart that's tearing me apart
I feel it disappear, I'm fearless

Far beyond the stars my mind travels
On a search for guidance
To a place where it can grow
And be completely free
I can't deny what I've learned
But it takes so much time to understand the things
And to lay them out for the people to see

Now my journey is over
And a new life is awaiting
The stars have given me their powers
My spirits are returning
The time has come for me to arise

As I look around there's not much to be found
Only dust everywhere and a torch without the flame
I see my canopy jars opened by the Spirit Ba
Who's been calling out my name

Far beyond the stars my mind travels
On a search for guidance
To a place where it can grow
And be completely free

Now my journey is over
And a new life is awaiting
The stars have given me their powers
My spirits are returning
The time has come for me to arise

RESSUREIÇÃO

As estrelas estão alinhadas, o momento chegou
Luz sagrada irradia
Eu a sinto fluindo, meu poder retornando
E vagarosamente o ar vibra

Muito além das estrelas minha mente viaja
Em busca de orientação
Para um lugar onde ela possa crescer
E ser completamente livre
Não posso negar o que aprendi
Mas leva muito tempo para compreender as coisas
E para mostrá-las às pessoas

Eu já estive lá antes
E a cada vez, conquistei mais
A vida é uma dádiva, inestimável
A dor em meu coração é que está me despedaçando
Eu a sinto desaparecer, estou destemido

Muito além das estrelas minha mente viaja
Em busca de orientação
Para um lugar onde ela possa crescer
E ser completamente livre
Não posso negar o que aprendi
Mas leva muito tempo para compreender as coisas
E para mostrá-las às pessoas

Agora minha jornada chega ao fim
E uma nova vida espera
As estrelas me deram seus poderes
Meus espíritos estão retornando
Minha hora de ressuscitar chegou

Quando eu olho em minha volta não há muito para se ver
Apenas poeira em toda parte e uma tocha sem chama
Eu vejo meu vaso canopo* aberto pelo Espírito Ba**
Que tem chamado meu nome

Para muito além das estrelas minha mente viaja
Em busca de orientação
Para um lugar onde ela possa crescer
E ser completamente livre

Agora minha jornada chega ao fim
E uma nova vida espera
As estrelas me deram seus poderes
Meus espíritos estão retornando
Minha hora de ressuscitar chegou

* Vasos canopos eram vasos funerários cobertos, normalmente compostos de barro, destinados a preservar as vísceras dos corpos mumificados. Os vasos eram enterrados em tumbas junto com o sarcófago do defunto para preservar a integridade do corpo após a morte (as vísceras eram extraídas para evitar a putrefação do cadáver). O termo deriva do grego, Canopus, um semideus venerado na forma de uma jarra com cabeça humana.

** Ba = No Antigo Egito, existia a crença de que uma pessoa era composta por três elementos essenciais: o corpo em si, ba (a alma) e ka (a energia vital). Cada pessoa tem o elemento ba, que não se trata de uma entidade física, podendo ser pensada como a soma total de todos os atributos não físicos que diferenciam uma pessoa da outra. O ka é a energia vital, a diferença entre uma pessoa estar viva ou morta. O elemento ka não é individual, mas comum a todos os seres vivos e deuses. Os egípcios acreditavam que quando uma pessoa morria, os elementos ba e ka se separavam do corpo. No outro mundo, ba e ka juntariam suas forças para continuar vivendo e é através delas que a pessoa mumificada teria acesso a eternidade.

THE MOVEMENT OF THE NILE

I've been drifting around
A new life is like a new day
I'm guided by the stars
My journey is taking me far away

Standing here again, I see the sun rise
Seems like I've been gone for a while
Here I am again and I rest my eyes
On the movement of the Nile

O MOVIMENTO DO NILO

Estive flutuando por toda parte
Uma nova vida é como um novo dia
Sou guiado pelas estrelas
Minha jornada está me levando para longe

Parado aqui novamente, eu vejo o sol nascer
Parece que fiquei ausente por um tempo
Aqui estou eu novamente e descanso meus olhos
No movimento do Nilo








Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Traduções
Todas as matérias sobre "Kotipelto"

Kotipelto e Liimatainen: ouça amostras de Blackoustic
Kotipelto: revelados detalhes de "Blackcoustic"
Kotipelto: finalizando álbum acústico com ex-Sonata Arctica
Separados no nascimento: Timo Kotipelto e David Duchovny
Stratovarius: vocalista se apresenta para presidente Russo
Tradução - Serenity - Kotipelto
Kotipelto: um vocalista sem nada a provar
Kotipelto anuncia formação para shows ao vivo
Novo solo de Kotipelto será lançado no Brasil
Ouça trecho de faixa título do novo Kotipelto
Arte gráfica do novo álbum de Kotipelto
Caffery revela formação de turnê com Kotipelto
Wallpapers (Papéis de Parede) Kotipelto
Timo Kotipelto compondo material para novo trabalho solo
Warmen: vocalistas convidados em CD

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Vanessa Cristina e Walkiria S. Mosella

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados.

Caso seja o autor, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas