Richie Kotzen: Guitarrista lota show em Belo Horizonte

Resenha - Richie Kotzen (Circus Rock Bar,Belo Horizonte,16/10/2014)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Ricardo Bello
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Na quinta-feira,16 de outubro,os fãs do bom e velho rock and roll lotaram a Circus Rock Bar, uma estilosa casa de shows de Belo Horizonte, para conferir de perto a performance do guitar hero, RICHIE KOTZEN (THE WINNERY DOGS, POISON)

O músico, que encerrou a turnê brasileira com sua passagem por Minas Gerais, se apresentou no evento Rock Never Stops, que todos os anos traz grandes nomes da música internacional a capital mineira.

Na plateia havia músicos conhecidos como o guitarrista ROGÉRIO DELAYON (que já tocou com Zeca Baleiro, Zizi Possi e Fábio Jr), FLAVIO SIMÕES e TEÓFILO LABORNE, baterista e ex-nadador. O trio compôs a banda que acompanhou o vocalista do MR.BIG, ERIC MARTIN em sua recente turnê pela América Latina.

Acompanhado de Dylan Wilson no baixo e de Mike Bennett na bateria, Kotzen subiu ao palco as 23:30h e foi bem aplaudido pelo público mineiro. A resposta do guitar hero foi uma noite recheada de músicas que fizeram os fãs cantarem os refrões em alto e bom som, como: " War Paint", "Love is Blind", "Bad situation" e "Doin What the Devil Says to do".

Richie é, sem dúvida alguma,um dos melhores guitarristas da atualidade. Consegue harmonia ou peso com os timbres de sua guitarra e com um detalhe: não usa palhetas. Sua técnica e agilidade realmente impressionam. Além de tocar e ter presença de palco, ele canta e muito bem. Tanto nas músicas com estilo vocal mais forte quanto nas mais melódicas, sua voz no show é potente como nas gravações originais."Peace Sign" e "What is" também compuseram os hits, que passearam por épocas diferentes da carreira de Kotzen.

Os músicos que o acompanham também são geniais. Dylan e Bennett tocam muito e fizeram uma jam memorável. Para a surpresa de todos, ao voltar ao palco, Richie deu até uma canja tocando bateria. A platéia delirou!

Kotzen apresentou também uma música inédita chamada "Cannibals", que fará parte de seu álbum em 2015. O público pareceu gostar da novidade e certamente já aguarda ansioso, não só pelo lançamento do CD,mas por uma nova turnê em terras brasileiras... mostrando os novos trabalhos e claro, sem esquecer os hits que marcaram época.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Slash
Ele ficou puto após não entrar para o Poison, diz Rikki Rockett

Todas as matérias e notícias sobre "Poison"

Poison
Metade do cabelo de Bret Michaels é um aplique

Por um triz
Quando por pouco a história do Rock não foi a mesma

Miley Cyrus
"Poison me apresentou ao Rock N' Roll"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 21 de outubro de 2014

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Richie Kotzen"Todas as matérias sobre "Poison"Todas as matérias sobre "Mr Big"

Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

Iron Maiden
Troca de gentilezas com Lady Gaga no twitter

Guns N' Roses
"Sweet Child O' Mine" seria um plágio?

Zakk Wylde: "eu bebia porque curto tomar um porre"Cordas de guitarra: como elas são vistas no microscópio?Motorhead: os 22 álbuns da banda, do pior para o melhorGaleria - Tatuagens em homenagem a artistas e bandas - Parte 1É um milagre: Face de Lemmy aparece em uma panquecaViolão ou Guitarra: 5 músicas que te ajudam a fazer essa escolha

Sobre Ricardo Bello

Ricardo Bello é jornalista,humorista e escritor. Mineiro de Belo Horizonte, nascido em 16/02/78, tem um livro publicado intitulado "Caçador de Celebridades" e colabora com o Whiplash.Net.

Mais informações sobre Ricardo Bello

Mais matérias de Ricardo Bello no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online