Em 08/07/2012 | Resenha - Blackmore's Night (Beethoven Halle, Bonn, 08/07/12)

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - Blackmore's Night (Beethoven Halle, Bonn, 08/07/12)


  | Comentários:

O busto de mármore de Beethoven nos saudava solenemente enquanto nos aproximávamos da entrada principal do Beethovenhalle da bela cidade de Bonn. Um flash back com interpretação do Ritchie da neo-classica 9ª sinfonia de Beethoven serve agora magistralmente como a introdução para S. Theresa, e é difícil resistir. Com recém lançado DVD ao vivo, novos membros na banda e um concerto no lugar onde é o berço de um dos compositores mais famosos da Alemanha, eu estava ansioso para embarcar em uma aventura musical através do tempo com canções de folk da Europa, a tradição renascentista, e muito mais ...

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Os locais que o BN escolhe sempre adicionam mística especial as suas performances e Beethovenhalle não foi exceção; espaçoso, majestoso e sério ao mesmo tempo, a Câmara criou uma atmosfera confortável e austera. O palco se destacou como uma cena de “Uma Noite de Sonho de Verão”. A sua decoração é caracterizada por todos os elementos que refletem o verdadeiro espírito da banda: velhos hábitos, a natureza, os instrumentos da Renascença e Cervejas, é claro. Deve-se estar pronto não apenas para um concerto, mas para uma celebração por natureza, onde uns grupos de trovadores gostam de convidar o público para ficar por uma ou duas horas. Flautas renascentistas gentilmente preenchiam o ambiente. Tenho certeza de ouvir "Tourdion '- como os fãs vestidos a caráter, citando Candice Night: “quem é louco o suficiente como nós para se vestir assim e calmamente e de boa sair para passear?”

Exatamente às 8:15 pm, as luzes se apagaram, e ouvimos a marca registrada da banda, a intro "God Save The Keg”, enquanto o público acompanhava com palmas rítmicas, acolhendo a banda no palco. Como parte final da introdução "Stella Splenders “, todos os membros da banda entraram no palco e se preparando.Quando Ritchie entrou no palco, houve um forte aplauso da audiência, sinal que é um músico criminosamente subestimado pela mídia mainstream, sendo rodeado por tantas energias únicas e história. E então, já era hora de Candice Night entrar no palco, confiante, inteligente, com um vestido colorido tipo uma linda cigana e com um grande sorriso caloroso a todos no show, começando com: "Locked within the crystal ball” que é sempre uma grande música de abertura, caracterizada pelo seu vibrante ritmo, é uma canção que a Candice sempre gosta de cantar.

Foto - Official Greek Fan Club

A vocalista disse no passado que não há dois espectáculos iguais com Blackmores Night, e isto é verdade, é um dos princípios mais importantes no núcleo da banda, o que se deve "esperar o inesperado". Os melhores momentos no show são: a versão ao vivo de "A Peasant’s Promise”, esta é uma música apreciada por todos, a voz da Candice soa bem assim como a sua orquestração, e em particular pela forma como as canções começam lentamente até ao ponto onde ela explode. Uma peça que eu realmente gostei foi a reinterpretação do instrumental “Dance of Darkness", ela foi tocada em um interessante ritmo mais otimista, criando uma atmosfera alegre e divertida. Falando de instrumentais, seria interessante ouvir “The Messenger” ao vivo no palco ou até mesmo preciosidades do passado, como “Weises Heim”. Para continuar veio “Darkness” uma peça popular nos shows, foi tocada em uma versão quase unplugged, com a suave melodia do violino começando a canção. Quando “Soldier of Fortune” surgiu, a introdução eletroacústica deu força a melodia e assim como o solo, como todos concordaram nquela noite. Candice sussurrou a música com paixão e suavidade. É sempre quando se sabe exatamente que a música chegou ao seu público: uma vez em que se termina e ninguém se atreve a estragar estes preciosos segundos de silêncio total, porque todos ainda estavam sendo levados pela música! A interação foi única, enquanto a sala de concertos estava cheia de tantas pessoas, foi apenas quando Ritchie ficou satisfeito com o resultado de seu solo e parou, que as pessoas puderam começar a apreciar e aplaudir a criação do artista. A maneira que Ritchie segura seus instrumentos é impressionante, seja um violão ou uma Strat, sempre foi com muita reverência, esta é a palavra certa aqui. O solo de Ritchie foi surpreendente em: “Journeyman”, especialmente quando ele usa o slide na sua lendária Stratocaster, enquanto o público é guiado pela música e entra outros mundos. As imagens do telão atrás a banda seguiram o set list e projetaram imagens de natureza, luas, estrelas e partes de videoclips da banda. Quando uma cor azul profunda caiu no palco, a banda parecia ter uma virtude extra sobre eles, que de uma forma bonita pode ser verdade.

Foto - Official Greek Fan Club

Candice fez o público ficar em silêncio também, e eu acredito que o destaque vocal da noite foi: "Diamonds and Rust" cover de Joan Baez. Eu já vi isso muitas vezes ao vivo, e é certamente uma dessas canções, como “Barbara Allen”, que fazem o local de repente tornar-se pequenos, quando o show se torna uma experiência entre uma companhia de amigos. A mesma coisa aconteceu com “First of May” em Essen, assim como a impressionante: “ Black Roses”, do trabalho solo da Candice. A surpresa maior veio com o clássico do Rainbow: "Temple of The King", que foi dedicado aos fãs da carreira anterior do Ritchie. É interessante notar que seria injusto fazer qualquer comentário sobre os novos membros, como eles tiveram apenas duas semanas para aprender o set list, como Candice informou ao público. Eles, no entanto, experimentaram o gesto “faça o seu solo” do homem de preto.

Foto - Official Greek Fan Club

Naturalmente, o show teve seus momentos engraçados. A audiência foi muito divertida quando Ritchie decidiu provocar a Candice inesperadamente, no meio de uma canção, mudando para um tom engraçado que não tem nada a ver com a música que a Candice estava cantando, ou quando uma criança em frente do palco estava um pouco barulhenta e a Candice convidou para subir ao palco e cantar! Eu nunca vi o Ritchie cantando tanto como em: "Renaissance Faire", ele estava de ótimo humor e até dançou com uma fã no palco no final do show.

Quando “Dandelion Wine" foi ouvida, sabíamos que o show havia chegado ao seu estágio final, e que era hora de dizer adeus. O público estava de pé e cantando na maior parte do show. A banda provou que é surpreendentemente energética, mesmo tendo feito um único show no dia anterior e pela duração do show de 2 horas e meia de ação ininterrupta! No entanto, uma surpresa final estava esperando por nós. Depois do show alguns de nós teve a honra de encontrar o Ritchie e brevemente a Candice, e que foi um momento muito feliz para todos nós. E é isso que aconteceu, uma noite alegre com o Blackmore’s Night e a banda de Menestréis na bela cidade de Bonn.

Foto - Official Greek Fan Club

Dedicado ao Sr. Blackmore, Candice Night e Minstrel Albert.
Michael Smernos do Fan Club da Grécia

Bonn-set-list

God Save the Keg
Locked Within the Crystal Ball
Queen For A Day (part 1) / Queen For A Day (part 2)
Under a Violet Moon
Soldier of Fortune
Durch den Wald zum Bach Haus
World of Stone
All the Fun of the Fayre
Renaissance Faire
The Temple of the King
Darkness / Dance of the Darkness
Diamonds & Rust
Keyboard Solo
Highland
Journeyman
Loreley
Peasant's Promise
Home Again
Toast to Tomorrow
The Clock Ticks On
Dandelion Wine (com "Mid Winter's Night" intro)

Resenha por Michael Smernos (Fã Clube Oficial da Grécia)
Tradução por Elen Pérez (Fa Clube Oficial Brasileiro)

Foto - Official Greek Fan Club

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de Shows
Todas as matérias sobre "Blackmores Night"

Ritchie Blackmore: homenagem a Jon Lord em novo álbum
Blackmore's Night: vídeo oficial de 'Dancer and the Moon'
Blackmore's Night: vídeo do single "The Moon Is Shining"
Blackmore's Night: teaser do novo single da banda
Ritchie Blackmore: foto da primeira turnê do guitarrista
Uriah Heep: Mick Box elogia regravação do Blackmore's Night
Ken Hensley: falando sobre regravação do Blackmore's Night
Blackmore's Night: capa e músicas de novo álbum
Blackmore's Night: novo álbum se chamará "Dancer and The Moon"
Blackmore's Night: novo álbum, Candice gravará disco infantil
Ritchie Blackmore: Fender homenageia o ícone com uma Stratocaster
Blackmore's Night: box revisa início da carreira
Blackmore's Night: "o Ritchie gosta de mudar as coisas"
Blackmore's Night: novo vídeo solo da Candice Night
Blackmore's Night: "Smoke on the Water" dedicada a Jon Lord

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Elen Pérez

Redatora do Blackmore´s Night Street Team - O Fã Clube Oficial Brasileiro do Blackmore´s Night.

Mais matérias de Elen Pérez no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas