Mark Farner: guitarrista revive o Grand Funk Railroad em SP

Resenha - Mark Farner (Via Marques, São Paulo, 10/03/2012)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Jorge A. Silva Junior
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

No final dos anos 1960 e início dos 70, um fenômeno musical surgiu na Inglaterra e rapidamente chegou à América: o Hard Rock. Bandas como DEEP PURPLE, BLACK SABBATH e LED ZEPPELIN surpreendiam o mundo com um som alto, pesado e diferente de tudo criado anteriormente. Paralelo ao começo das atividades destes importantes nomes do gênero, um power-trio de estilo semelhante ganhava notoriedade nos Estados Unidos, o GRAND FUNK RAILROAD. A banda rapidamente se tornou sinônimo do que muitos saudosistas chamam até hoje de "Hardão". Essa época de ouro foi revivida no último sábado (10), durante a apresentação do vocalista e guitarrista Mark Farner em São Paulo.

Mark Farner: fundador do Grand Funk Railroad volta ao BrasilSeparados no nascimento: sou só eu, ou eles são parecidos?

Imagem
Fotos: Filipe Rocha

Imagem
Trilha sonora composta por canções Blues, sem atração de abertura e início da apresentação exatamente no horário previsto (22h). Assim começou a noite que marcou o primeiro show de Mark Farner no Brasil, que faz parte da "Loco-motion Tour 2012". Acompanhado por Lawrence Buckner (baixo) e The H. Bomb Crawford (bateria), o líder do GRAND FUNK RAILROAD entrou no palco ovacionado pelo bom público que compareceu ao Via Marques.

Imagem
Após uma breve saudação: "São Paulo, vocês estão prontos?", a música de abertura foi justamente "Are You Ready", executada fielmente como a versão contida no álbum 'On Time' (1969). De cara vale destacar que a "cozinha" ao lado do guitarrista foi composta por dois excelentes músicos. Buckner adicionou ao peso das canções uma boa dose de R&B, enquanto Crawford mostrou porque já tocou com James Brown.

Imagem
Logo na introdução de "Rock & Roll Soul", com a entrada de Karl Propst no teclado, ficou claro que o evento seria focado nos clássicos lançados pelo GRAND FUNK RAILROAD. A produção do evento também seguiu à risca o fato de a banda tocar muito alto nos anos 1970. A ideia foi complementada com uma ótima produção no que diz respeito à aparelhagem, sincronia e acústica.

No palco, a desenvoltura e carisma de Mark Farner foram notáveis. O músico interagiu bastante com o público e até arriscou algumas palavras em português. A retribuição, como não poderia ser diferente, era imediata, com direito a côro de "olê, olé, olê, olê... Farner! Farner!". O guitarrista também mostrou versatilidade ao assumir o teclado em "Footstompin’ Music" e "Mean Mistreater", além de fazer jus ao apelido de 'Rock Patriot' durante “We’re An American Band”, música que alcançou o primeiro lugar nas paradas dos Estados Unidos em 1973.

Do álbum 'All The Girls In The World Beware!', cuja capa ficou mundialmente conhecida pelo fato de o ator Arnold Schwarzenegger "emprestar" o corpo aos integrantes do Grand Funk, apenas "Bad Time" foi tocada, porém de forma emocionante e impecável. Mas o ponto alto da apresentação foi durante a respeitável dobradinha "The Loco-motion" / "Heartbreaker". A primeira, que leva o nome da turnê, foi lançada originalmente por Little Eva no longínquo ano de 1962 e regravada por Mark Farner e C&A no álbum 'Shinin' On' doze anos depois. A segunda, iniciada após o guitarrista agradecer quem compareceu ao show, fez com que até este redator que vos escreve ficasse com os olhos marejados.

No tradicional bis, outro cover deu as caras: "Inside Looking Out", da banda THE ANIMALS, que contou com uma gaita blueseira tocada pelo mestre de cerimônias da noite. Na sequencia, "I'm Your Captain", do álbum 'Closer To Home', ficou encarregada de fechar em ótimo nível uma apresentação e tanto do GRAND FUNK RAILROAD... aliás, de Mark Farner.

Mark Farner em São Paulo
Data: 10 de maio de 2012
Local: Via Marques
Turnê: The Loco-motion
Início: 22h
Término: 23h30

Vocal/guitarra: Mark Farner
Baixo: Lawrence Buckner
Bateria: The H. Bomb Crawford
Teclado: Karl Propst

1. Are You Ready
2. Rock & Roll Soul
3. Footstompin' Music
4. We're An American Band
5. Mr. Limousine Band
6. Paranoid
7. Mean Mistreater
8. Shinin' On
9. Sin's Good Man's Brother
10. Bad Time
11. The Loco-motion
12. Some Kind Of Wonderful
13. Heartbreaker

Bis

14. Inside Looking Out
15. I'm Your Captain

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Mark Farner: fundador do Grand Funk Railroad volta ao BrasilTodas as matérias e notícias sobre "Grand Funk Railroad"

Voz
10 músicos que cantam tão bem quanto os vocalistas (Parte II)

Heavy Metal
Universo em fantasia; uma trilha sonora do caralho!

Grand Funk
A Maior Potência do Hard Rock Norte-Americano

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Grand Funk Railroad"

Semelhanças
Sou só eu, ou ele parece a Fernanda Lima?

Iron Maiden
Curiosidades sobre o "The Number Of The Beast"

Justin Bieber
"Baby" em versões Hard, Metal e Extremo

Motörhead: Amy Lee no colo de Lemmy KilmisterMick Jagger: "Posso ser responsável pelo primeiro gol da Alemanha, mas não pelos sete"Atenção músicos: vocês estão f-u-d-i-d-o-sAquiles Priester: O que acontece quando ele esquece das luvasPhil Anselmo: 5 discos essenciais em sua coleçãoPapa Francisco: Ouça o CD de rock progressivo do pontífice

Sobre Jorge A. Silva Junior

Jorge Junior é paulistano, jornalista diplomado e colaborador do Whiplash.Net desde 2009. Tem mais de 400 matérias e notas publicadas, que somam aproximadamente um milhão e meio de acessos. Também realizou a cobertura de shows de grande porte, entre eles Ringo Starr, Eric Clapton, Deep Purple, System Of A Down, Red Hot Chili Peppers e Ozzy Osbourne. O autor pode ser seguido no Twitter: @jorgejunior85.

Mais matérias de Jorge A. Silva Junior no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online