Oasis: fãs gaúchos contagiam os irmãos Gallagher em POA

Resenha - Oasis (Gigantinho, Porto Alegre, 12/05/2009)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Shana Sudbrack
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Todos os fãs, todos os jornais, todos os sites dizem o mesmo: Melhor show do Oasis no Brasil! Mas vamos pelo começo…

Liam Gallagher: "não é Radiohead nem Pink Floyd", diz sobre soloGuns N' Roses: ex-guitarrista Gilby Clarke foi atraído por Slash

Fila quilométrica, gente de todas as idades, todos cantando sem parar as músicas do Oasis, e não apenas as que tocam em malhação, em FM’s, mas sim aquele single que nem o Noel lembra direito. Ótimo para acalmar os ânimos de quem já esperava na fila desde a manhã e o empurra-empurra que se mantinha perto da grade.

Durante a passagem de som o público já delirava, cantava e aplaudia lá de fora as músicas que ficaram fora do setlist como “Half the World Away”, “Gas Panic,” entre outras.

18h, pontualmente, abrem-se os portões. Duas horas esmagada contra a grade esperando começar Cachorro Grande que entrou no palco pelas 20h15.

Eu já fui a muitos shows do Cachorro Grande, mas esse foi completamente diferente. Os cinco estavam extasiados, dava pra ver a emoção deles em abrir para “a melhor banda do mundo” (como o Beto Bruno disse). Extremamente animados, eles botaram fogo no público, desafiando a platéia a mostrar como se faz rock’n’roll. Show curto, perfeito para preparar para o que vinha pela frente…

Um pouco antes das 22h um público de aproximadamente 12 mil pessoas explode em uivos com o jogo de luzes embalado pelo instrumental “Fuckin’ in the Bushes”!

Logo em seguida Andy, Chris, Jay, Gem, Noel e Liam entram no palco e toda a tensão de meses de espera, cansaço de horas na fila e todo nervosismo se esvai ao som do hino “Rock n’ Roll Star”.

Em seguida Liam emociona com seu vocal impecável cantando “Lyla”. Liam brinca, acena e manda beijinhos. Gritaria geral. Convenhamos que isso, para um Gallagher, é como se ele tivesse mergulhado na platéia.

Seguem as músicas do lisérgico “Dig Out Your Soul” (novo CD lançado em 2008).

“The Shock Of The Lightning”, “Cigarettes & Alcohol” (voltando a 1994, com o consagrado “Definitely Maybe”), logo em seguida, a pesada “The Meaning Of Soul”, “To Be Where There’s Life” e “Waiting For The Rapture”. Nesta Noel estréia no vocal mostrando sua voz grave, sólida e tão melódica e impecável quanto a de Liam.

E então começa a introdução de “The Masterplan” - arrepios pelo corpo todo. O Gigantinho inteiro canta em uma só voz, mostrando que somos todos partes de um plano mestre.“..We’re all part of the masterplan…”. E continua a seqüência pra fazer os marmanjos cairem no choro; “Songbird”, “Slide Away” e “Morning Glory” com show do baterista Chris Sharrock.

O show vai chegando ao seu fim com “Ain’t Got Nothin”, “The Importance Of Being Idle” e vem então “I’m Outta Time”. O público surpreende cantando toda a letra de “I’m Outta Timme” com Liam.

Com as gracinhas de Liam cantando de costas para o microfone começa “Wonderwall”, momento inesquecível da noite, absolutamente emocionante. E em seguida o Gigantinho explode em “Supersonic”, quem estava na pista sabe que quem ficasse parado era arrastado junto o público.

A banda sai do palco, o público nem se move. Esperando o clímax da noite: “Don’t Look Back in Anger”. E Noel deixa o público cantando sozinho, que executa tão bem a tarefa que arranca até um sorriso e uma mesura do músico espantado com tamanho coro.

Vem a nova e magnífica “Falling Down”, logo depois “Champagne Supernova” seguida do cover dos Beatles “I Am The Walrus” para fechar a noite com chave de ouro.

Liam aplaudiu a platéia varias vezes, espantado com tamanha devoção dos fãs. A banda tocou em harmonia a noite inteira, equilibrando perfeitamente os clássicos com as músicas novas, as agitadas e as baladas, banda e platéia, Liam e Noel, a arrogância com a simpatia, tornando o dia 12 de maio de 2009 uma noite inesquecível para 12 mil fãs.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Liam Gallagher: "não é Radiohead nem Pink Floyd", diz sobre soloAlta Fidelidade: o Oasis deveria voltar?Alta Fidelidade: "Be here now", o novo relançamento do OasisTodas as matérias e notícias sobre "Oasis"

Demonstrações de afeto
Fotos de rockstars que já se beijaram

Vinil
Os dez discos mais vendidos no Reino Unido em 2014

Noel Gallagher
Usar drogas é a melhor parte de estar em uma banda?

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Oasis"

Guns N' Roses
Ex-guitarrista Gilby Clarke foi atraído por Slash

Slayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Iron Maiden
"Tenho inveja dos fogos do Slipknot", diz Bruce

Slipknot: "o Kiss se transformou na Disney do Rock"CJ Ramone: "Usar camiseta dos Ramones por causa da moda é uma estupidez"Fotos clássicas: Axl Rose e seu 'tijolão' celularSuécia: médicos diagnosticam sujeito como viciado em Heavy MetalFull Rock: 10 músicas desgraçadas por bandas de forróO Whiplash.Net protege quem anuncia no site?

Sobre Shana Sudbrack

Webjornalista.

Mais matérias de Shana Sudbrack no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online