Resenha - Ira! (Credicard Hall, São Paulo, 19/02/2005)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Luciana Ueda
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Comemorando os discos de ouro e platina do Acústico MTV, o Ira! fez a festa no Credicard Hall (SP). A festa começou com um pouco de atraso, mas a ansiedade era tanta que ninguém pensou em reclamar... a cada minuto que passava, se a luz diminuía de intensidade ou o som ambiente parava, o público gritava “Ira! Ira! Ira!...” e assoviava.

Nasi, Edgard Scandurra, Ricardo Gaspa e André Jung tocaram quase na íntegra o último disco, incluindo a bônus “Saída”, e muitos clássicos.

Confira o set-list:

Pra ficar comigo (Train Vain)
15 anos
Flerte fatal
Dias de luta
Rubro Zorro
O Girassol
Eu quero sempre mais
Poço de sensibilidade
Flores em você
Vida passageira
Tarde vazia
Por amor
Ciganos
Tanto quanto eu
Muito além
Boneca de cera
Envelheço na cidade

Quarteto
Saída
Núcleo base

“Dias de luta”, “Eu quero sempre mais”, “Vida passageira”, “Tarde vazia”, “Envelheço na cidade” e “Bebendo vinho” (que acabou entrando mesclada no bis) tiveram o reforço do público cantando bem alto toda a letra (emocionantemente nas partes cantadas por Pitty). Luzes de isqueiros e celulares iluminaram a pista e os camarotes.

No retorno para o bis, apresentaram os músicos convidados, Adriano Grineberg no piano, Jonas Moncaio no violoncelo, Thiago Castanho no violão, Lino Cris no backing vocal e a bela Michele Abu, que deu um beijo em Nasi e levantou a temperatura do público.

Nasi aproveitou o momento para descontrair e conversar, comentando sobre o time de futebol de Jung (Palmeiras) e o porquê da cor da camisa que estava usando (tricolor como o São Paulo).

O show acabou. As luzes acenderam. Ninguém se moveu.
O público pediu e recebeu não só a música “Pobre paulista”, como também “Teorema” em um segundo bis não programado.
O Ira! comemorou o fim do horário de verão (um show com DUAS meia-noites!) com muito bom humor e fez de tudo para que esta apresentação entrasse para a memória de muitos fãs. Será que alguém vai conseguir esquecer?

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Ira!: banda lançará singles antes de novo álbum, diz ScandurraIra!: banda vai gravar DVD/CD da turnê Folk em marçoTodas as matérias e notícias sobre "Ira!"

Voz
10 músicos que cantam tão bem quanto os vocalistas (Parte II)

22 anos
Para entender os mods: a discografia do Ira!

Nasi
"Chorão foi o maior roqueiro de sua geração"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Ira!"

Raul Seixas
Os plágios da carreira do artista

Esquisitices
Algumas exigências bizarras de astros para shows

Burzum
Varg é condenado por xenofobia e racismo na França

Motorhead: Lemmy fala sobre Jimi Hendrix, drogas e maisRob Zombie: vocalista detona Ozzy por roubar seus músicosAvenged Sevenfold: cheirando cocaína com The Rev após a rehabAerosmith: A luta de Steven Tyler contra a Hepatite CW. Axl Rose: pós-GNR, ele pensou em se lançar como artista soloNapalm Death: Babymetal e Slipknot são essenciais para o Metal

Sobre Luciana Ueda

"Nasci com o BRock. Cresci com o BRock. Mas morrerei muito antes do BRock..." Com o frescor dos seus 21 aninhos, Luciana Ueda a-do-ra o rock nacional cada vez mais! Mas isso nOo quer dizer que ela goste exclusivamente de rock nacional. Entre suas preferUncias internacionais incluem Pink Floyd, Led Zeppelin, Eric Clapton, os lendários Beatles e uma infinidade de outras bandas... Por enquanto, ela U s_ mais uma estudante de Telecomunica_es. Mas quem vai saber o que ela será amanhO?

Mais matérias de Luciana Ueda no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online