Em 28/11/2006 | Jon Oliva volta atrás e desmente fim do Savatage

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Jon Oliva volta atrás e desmente fim do Savatage


  | Comentários:

Matéria publicada em 28/11/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O site www.rockmymonkey.com encostou Jon Oliva na parede e perguntou: o SAVATAGE já era mesmo? Para alegria dos fãs, o pensamento de Oliva mudou um pouco desde suas últimas declarações sobre o fim do grupo. Os fãs podem esperar um grande show para comemorar os 25 anos de SAVATAGE, um DVD e até um álbum.

Confira a entrevista logo a seguir:

Rock My Monkey — Você deixou bem claro que o SAVATAGE acabou, mas quando falei com Zack Stevens há pouco tempo...

Jon Oliva — Bem, está acabado e não está, sabe o que eu quero dizer? Está acabado agora, porque ninguém está fazendo nada. Não deixamos de ser uma banda ou algo assim. Temos planos de fazer algo no futuro. O problema é que todas as vezes que falamos sobre isso, todas as vezes que digo que faremos algo, alguma coisa acontece e fode tudo! [risos] Então, na minha opinião, agora, nada está rolando até todos dizermos ‘ok, vamos lá fazer algo’. Então, provavelmente faremos algo. Queremos fazer algo para celebrar o 25º aniversário da banda, é apenas uma questão de tempo e agendas, porque todos estamos ocupados com o TRANS-SIBERIAN ORCHESTRA. Todos os outros tocam no TRANS-SIBERIAN, o que deixa tudo ainda mais difícil. A demanda por esses caras tornou-se dez vezes maior do que há quatro ou cinco anos. Essa é uma das razões pelas quais seguramos o SAVATAGE. Outra coisa é que estivamos juntos por vinte e tantos anos, e acho que todos precisávamos dar essa parada. Nunca nos separamos, de 1983 a 2001. O tempo em que mais estivemos fora foi quando Criss [Oliva] morreu, e mesmo assim eu fiquei gravando o ‘Handful of Rain’ quatro meses após a sua morte. Acho que depois da turnê de 2001, e ficarmos totalmente paralisado com os eventos de 11 de setembro, ficando longe de casa e não podendo voltar, isso tudo afetou todo mundo. Apenas quisemos dar um tempo com tudo isso. Não era divertido mais. Nós amávamos a banda e não queríamos que ela acabasse daquele jeito. Quando todos puderem dar o tempo e a dedicação que ela merece, então nos juntaremos e faremos algo. Até lá, continuarei a fazer o que faço no momento. Veremos o que acontece. Nunca se sabe.

Rock My Monkey — Então, além do aniversário de 25 anos, não há qualquer outro plano definitivo?

Oliva — Não. O 25º aniversário acontecerá no fim do ano que vem. Então, tentaremos fazer algo. Tenho reunido diversos vídeos, editado coisas antigas para um DVD bônus, há toneladas de material com o Criss, muitas imagens de camarins e tal, viajando por castelos da Europa. Tenho trabalhado há um ano e meio nisso tudo, tentando transformar tudo em um filme mesmo. É algo que me consome muito, então só posso fazer quando realmente tenho tempo. Mas essa é apenas uma parte do projeto todo. A outra é um álbum. Não importa se será um álbum de estúdio ou ao vivo, ainda não tenho certeza sobre isso porque Paul [O’Neill] e eu ainda não tivemos tempo. Mas há planos para fazermos algo, então alguma coisa acontecerá.

Rock My Monkey — O que poderá acontecer, vocês estão considerando fazer um adeus apropriado?

Oliva — Isso depende de todo mundo. Até quando puder, continuarei tocando até os 70 anos de idade. Mas chegará o momento em que teremos de olhar para frente. A coisa toda é que com o TRANS-SIBERIAN ORCHESTRA tornando-se tão grande e tão popular, é difícil convencer as pessoas quem estará tocando no Madison Square Garden em frente a 23 mil pessoas, e colocar isso tudo de lado para fazer uma turnê com o SAVATAGE em pequenos clubes [risos]. Se o SAVATAGE tivesse vendido milhões de álbuns seria outra história. Nunca vendemos milhões de cópias. Temos uma base de fãs muito forte, fãs amáveis, verdadeiros mesmo, e nós amamos a todos eles. Mas eles nunca foram suficientes para darmos uma vida a todos. Basicamente, vivíamos semana a semana fazendo aquele material todo. O SAVATAGE nunca fez muito dinheiro. Gastamos mais dinheiro em turnês e vídeos do que ganhamos fazendo Deus sabe mais lá o quê, como roupas diferentes, baterias com elevadores que não eram fáceis de se encontrar. Todas essas coisas loucas. Mas nunca ligamos porque amávamos a banda demais, não conhecíamos nada diferente do SAVATAGE. Era tudo que tínhamos desde nossos 20 anos de idade em diante. Dedicamos metades de nossas vidas ao SAVATAGE. Posso entender as pessoas, mas elas também precisam entender que depois de fazer algo por 20, 25 anos você quer parar e fazer algo mais, acho até saudável isso. Porque, por outro lado, eu não gostaria de sentar e esmigalhar o SAVATAGE fazendo o mesmo álbum de novo, de novo e de novo. Para mim, isso seria um crime. Prefiro esperar e não fazer nada, e então fazer algo espetacular, que deixe todos de queixo caído. Mas eu não quero fazer isso. E não precisamos fazer por causa do sucesso do TRANS-SIBERIAN ORCHESTRA. Temos o dinheiro e todas essas coisas para nos cuidarmos. Agora faremos isso porque queremos, não porque precisamos.

Rock My Monkey — Se tudo rolar mesmo — se vocês estiverem mesmo a fim de comemorar os 25 anos e tal — haverá uma produção completa para filmar o DVD e tal, então os fãs poderão ter algo de alta qualidade para guardar?

Oliva — Absolutamente. Será definitivamente assim. O Paul quer fazer algo grande, então será mesmo algo bem grande.

Rock My Monkey — Será apenas um show ou uma turnê completa? Você sabe nos dizer?

Oliva — Isso eu não sei. Há vários modos para fazermos isso, é até humanamente possível que eu pegue todos os caras e faça um show em Seattle.

Para conferir o áudio da entrevista, em MP3, visite o site www.rockmymonkey.com.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias sobre "Savatage"
Todas as matérias sobre "Transsiberian Orchestra"

Metallica: As 5 melhores versões de terceiros dos seus clássicos
Chris Caffery: mais fácil ganhar dinheiro com pimenta que música
Separados no nascimento: John Oliva e Fulvio Stefanini
Savatage: Mostrando o grande e fabuloso talento de Jon Oliva
Savatage: Quando a banda gravou um RAP
Trans-Siberian Orchestra: assista video de Gutter Ballet ao vivo
TSO: Andrew Ross e as músicas do Savatage
Savatage: os primeiros passos rumo ao reconhecimento mundial
Savatage: Material imperdível para qualquer fã da banda
Chris Caffery: confira o streaming da faixa "Death By Design"
Savatage: Um dos clássicos relançado em versão nacional
Oliva: mais uma prova da genialidade do líder do Savatage
Savatage: "Streets: A Rock Opera" lançado na íntegra e com DVD
Chris Caffery: guitarrista sofreu preconceito por ser "cabeludo"
Circle II Circle: galeria de fotos do show em São Paulo

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Thiago Coutinho

Formado em Jornalismo, 23 anos, fanático por Bruce Dickinson e seus comparsas no Maiden. O heavy metal surgiu na minha vida quando ouvi o vocalista da Donzela de Ferro em "Tears of the Dragon", em meados de 1994. Mas também aprecio a voz de pato bêbado do controverso Dave Mustaine, a simplicidade do Ramones, as melodias intrincadas do Helloween, a belíssima voz de Dio ou os gritos escabrosos de Rob Halford. A Whiplash apareceu em minha vida sem querer, acho que seus criadores são uns loucos amantes de rock e acredito que este seja o melhor site de rock do país, sem qualquer demagogia!

Mais matérias de Thiago Coutinho no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas