Van Halen: Gary Cherone lembra de sua temporada no grupo

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Van Halen: Gary Cherone lembra de sua temporada no grupo


  | Comentários:

Matéria publicada em 11/02/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Imagem

Quando GARY CHERONE entrou no VAN HALEN em 1996, o vocalista foi colocado numa situação insustentável: substituir SAMMY HAGAR, enquanto o próprio grupo aparecia no palco no MTV Music Vídeo Awards com a garganta original DAVID LEE ROTH.

Parte da promoção para o lançamento de uma compilação, ‘Best Of Volume One’, o público viu o lance da MTV como ‘Dave está de volta’, enquanto a banda deixava os fãs com falsas esperanças de que uma reunião estivesse rolando.

Tal manobra mal-fadada bolada pelo empresário da banda não só saiu pela culatra, mas colocou ainda mais peso no fardo de qualquer pessoa assumindo a posição de terceiro cantor de uma das maiores bandas da história do rock.

Avance 16 anos no tempo e Roth e metade da lineup original do VAN HALEN se reuniu em disco com o lançamento de ‘A Different Kind of Truth’.

Com o Van Halen nas manchetes de novo, a revista estadunidense ROLLING STONE conversou com Cherone para saber de sua versão da história como frontman da banda.

O que segue abaixo é um trecho traduzido da sessão.

RS: Me diga como você ficou sabendo da oportunidade de estar no Van Halen?

Cherone: Ah, wow, você está voltando lá atrás. Foi no verão de 1996. Eu lembro de Pat, o baixista do Extreme, me ligar e dizer, ‘Liga na MTV. Dave vai voltar!’ Havia uma história do tipo, e eles estavam tocando o tema do «seriado» Welcome Back Kotter. Naquele verão, meu empresário Ray Daniels – que também cuidava do VAN HALEN na época – me telefona. O Extreme estava se separando e ele diz, “O que você acha de fazer um teste pro Van Halen?”

Na época eu achava que o Extreme ia se juntar de novo. Eu achava que Nuno ia fazer um projeto solo e daí a banda voltava. Eu disse, “Sim, claro, eu vou no fim de semana, canto ‘Jump’, volto e tenho uma história boa pra contar”. E era somente isso que eu achava. Eu falei ao fone com Eddie algumas vezes e nós escrevemos uma música pelo telefone. Eu fui de avião até eles no fim de semana e nos demos muito bem. Eddie e eu, na época, tínhamos o mesmo temperamento. Nós começamos a escrever do momento que eu saí do avião e ele de fato me pediu pra entrar na banda no segundo dia que eu estava lá. Eu disse a ele, “Talvez você devesse conversar com os outros caras”.

RS: Eu ouvi que isso ocorreu antes deles aparecerem com David Lee Roth no VMA daquele ano.

Cherone: Ah sim, sim. É verdade. O comercial que eu vi foi apenas uma coincidência. Eu não sabia o que ia dar daquilo. Mas quando eu fui até eles, eles estavam montando a tal coletânea e aparecendo no VMA. Eu lembro de uma manhã, eu acordei e fui até o estúdio e ninguém me disse que estava rolando uma coletiva de imprensa com todo mundo entrevistando os caras do Van Halen por causa do VMA e coisa e tal. Eles me disseram, “Gary, ninguém sabe que você está na banda”. Eu lembro de trombar com um fotógrafo do Japão e ele me conhecia do Extreme. Ele disse, “O que você está fazendo aqui?” E eu, “nada”.

RS: Espere… eles pedem pra você entrar na banda, e eles vão lá fazer o VMA com David Lee Roth? Você ficou preocupado achando que você já estava fora e Dave tinha voltado?

Cherone: Não. Talvez Dave tenha achado isso, mas… e talvez ele não tenha achado. Eu não sei. Eu e Eddie estávamos compondo na época. Eu lembro dele me telefonar naquela noite dizendo que tinha brigado com a imprensa ou algo do tipo. Ele era muito zeloso. Eu não me sentia ameaçado. Mas nos três anos nos quais eu estive na banda, eu acordava todo dia sem saber o que ia rolar. Por vezes era muito bom, por outras era altamente disfuncional – especialmente no fim. Mas no que diz respeito a como os caras me trataram, eles me tratavam como irmãos.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias sobre "Van Halen"
Todas as matérias sobre "Extreme"

Sammy Hagar: outra super banda em shows nos EUA e Canadá
Van Halen: Roth em projeto secreto com a banda
Van Halen: banda está trabalhando em projeto secreto
Van Halen: Bruce Springsteen toca clássico da banda em Dallas
Faixas Instrumentais: VH1 elege as 20 melhores do Hard e Metal
Van Halen: Bruce Springsteen em cover de "Jump" com Tom morello
Van Halen: Bruce Springsteen e Tom Morello fazem cover de "Jump"
Humor: O teste de David Lee Roth para entrar na banda de Slash
Chickenfoot: "Gravar outro disco seria desperdiçar dinheiro"
Van Halen: surgem vídeos raros da década de 1970
Acoustic-4-a-Cure: Hetfield, Billie e Hagar em evento beneficente
Van Halen: lançando nova linha de tênis
Van Halen: falando sobre se juntar ao Kiss em antiga entrevista
Bazófia: Gene insiste que Eddie Van Halen quis entrar pro Kiss
Sammy Hagar: disponível vídeo da música "Personal Jesus"

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande, 33 anos, residente em Marilia - SP, é professor de inglês e francês, apesar de formado em Técnico de Engenharia de Estúdio pelo Recording Workshop de Los Angeles, nos EUA. Suas lembranças musicais mais remotas datam de 1983, com a fervilhante passagem do Kiss pelo Brasil e da alta popularidade do Queen no país. Fã(nático) por Mötley Crüe (de quem tem mais de 100 CDs), segue de perto também o trabalho de Slayer, Krisiun, Guns N´ Roses, Van Halen e Ozzy Osbourne, entre outros.

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas