Megadeth: houve pressão para banda ficar menos metal nos anos 90

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Igor Miranda
Enviar correções  |  Comentários  | 

O baixista David Ellefson disse, em entrevista ao Sixx Strings, que houve pressão para que o Megadeth ficasse mais comercial na década de 1990. A ideia era que a banda se aproximasse mais do rock e fugisse um pouco de suas raízes metálicas.

Blend Guitar: em vídeo, as dez maiores bandas de Heavy MetalRhythm: os bateristas mais influentes de todos os tempos

Imagem

"Ao longo dos anos, especialmente no fim da década de 1990, quando tivemos grande sucesso comercial, sofremos com a pressão de fora, da gravadora, até dos empresários, para nos encaixarmos em algo mais rock, na veia mainstream, e não funcionou para nós. Demorou vários anos até que retomássemos o caminho devido", afirmou.

Ellefson destacou o bom trabalho feito com "Dystopia", justamente pela retomada às raízes thrash metal. "'Dystopia' é um grande disco de metal e fizemos com esta intenção. Dave Mustaine até disse, 'olha, se isto não funcionar, não tenho mais ideia'. E é engraçado, porque estávamos trabalhando em riffs complexos e arranjos e, no fim do dia, é o que nossos fãs querem de nós", disse.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Kiko Loureiro
Apelo nas redes por guitarra roubada

Blend Guitar: em vídeo, as dez maiores bandas de Heavy MetalKiko Loureiro: E se eu for feio e morar no Acre?Megadeth: vídeo de "Symphony of Destruction" tocada no Boot CampKiko Loureiro: Detroit Rock City, Xuxa e New Kids on the BlockTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

Megadeth
Dave Mustaine aponta substituto de Chris Adler

Loudwire
Top 10 bandas americanas de metal

Inglaterra
O Príncipe Harry é viciado em Thrash Metal

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 23 de fevereiro de 2017

Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Megadeth"

Rhythm
Os bateristas mais influentes de todos os tempos

Duff McKagan
Escolhendo entre Led Zeppelin e Black Sabbath

Sepultura
Um vocalista como Max é quase impossível de achar, diz Andreas

W. Axl Rose: surge foto rara dos "anos perdidos" do vocalistaSlipknot: Joey Jordison diz que foi demitido por telegrama cantadoFloor Jansen: "Eu não sou uma puta arrogante"Jimmy Page: irritadíssimo quando questionado sobre uso de heroínaMegadeth: "Magia negra arruinou minha vida", diz MustaineDragonforce: garota de 15 anos toca "Through The Fire And Flames"

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online