Whiplash.NetMenuBuscaReload

Evanescence: sempre quis provar ser mais que um rostinho bonito

 Compartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Bruce William, Fonte: R7
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em entrevista ao R7, Amy Lee, que volta ao Brasil com o Evanescence para três shows em abril, falou sobre a questão do machismo dentro do metal: "Sempre sofri assédio da indústria, foi muito difícil. Eu precisava o tempo todo provar que era muito mais do que apenas um rostinho bonito. Precisei mostrar que eu tinha talento e que a música era a minha vida; que eu estava lá para conquistar o meu espaço e que nada mudaria isso. Posso afirmar que uma das poucas coisas boas de envelhecer é que você amadurece e consegue lidar melhor com esse tipo de problema".

Evanescence: "Bring Me To Life" não representa o que sinto hojeOverkill: mandando recado ao Avenged Sevenfold

Imagem

Mas, apesar disso, ela diz que tem notado que as mulheres estão cada vez mais marcando presença no cenário do rock: "Eu acredito muito que um dia chegaremos à igualdade. As mulheres ainda precisam de mais tempo que os homens para provar que são boas, mas isso tem mudado aos poucos. Cada vez mais vamos dar as caras e fazer o rock continuar crescendo."

Veja a matéria completa no link abaixo:

http://entretenimento.r7.com/pop/amy-lee-fala-sobre-machismo...

Comente: Ansioso para os shows?

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

 Compartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Evanescence
"Bring Me To Life" não representa o que sinto hoje, diz Amy Lee

Evanescence: ouça faixa inédita lançada em nova compilaçãoAmy Lee: "Love Exists" é o novo single soloEvanescence: Amy Lee lança mais um clipe de música infantil

Evanescence
Estranha criatura em foto de Amy Lee com seu filho

Evanescence
Amy Lee faz cover sombrio de música do U2

Evanescence
Amy Lee conta qual a música mais difícil de cantar ao vivo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 03 de fevereiro de 2017

Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Evanescence"

Overkill
Mandando recado ao Avenged Sevenfold

Rock Cristão
Alguns dos principais discos nacionais do gênero

Fotos de Infância
Lemmy, do Motorhead, muito antes da fama

Ghost: a banda também tem um comportamento incomum nos bastidoresLadybeard: barbudo wrestler que canta metal vestido de menininhaSteven Tyler: vocalista admite que já queimou a roscaPaul Di'anno: versão para o clássico "Kashmir", do Led ZeppelinRolling Stone: os 10 piores covers da históriaRaul Seixas, Paulo Coelho, a Sociedade Alternativa & a Lei de Thelema

Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online