Megadeth novo

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Megadeth novo


  | Comentários:

Saudações! Assistiu o Vídeo Music Awards no último domingo?Antes de falar do assunto é necessário dizer que finalmente a MTV Brasil abriu os olhos e mostrou a festa ao vivo pela primeira vez em muitos anos, ao contrário da filial latina que anunciou a premiação ao vivo, mas a colocou no ar com uma hora de atraso. Ponto para a brasileira.

Bem, foi aquela coisa: rap, rap e mais rap. Mesmo assim, não foi pior que a do ano passado. A emissora, lógico, premia quem as gravadoras estão investindo no momento, mas mesmo assim, engolir apenas um show de rock em que três bandas se apresentaram de uma vez com menos de 2 minutos cada, é de doer, não?

O Hoobastank, por exemplo, tocou um verso de "The Reason" e olhe lá. Isso tudo faz a gente pensar, como pode a volta do Van Halen ser completamente ignorada pela emissora? Nem clipe de "It's About Time" os caras fizeram porque a MTV não passa...

Também nada de Evanescence (banda de rock que mais vendeu discos nos Estados Unidos no último ano), Alter Bridge e, principalmente, Velvet Revolver.

Todo ano é a mesma coisa, mas é inconcebível o modo como a emissora trata o rock contemporâneo: como uma coisa secundária.

Mas o que mais chamou a atenção foi o clima político da noite. Como naquele país o voto não é obrigatório, então uma campanha pesada foi realizada para que os jovens votem, já que eles decidirão a eleição presidencial.

Com o slogan "Vote ou Morra" (meio forçado, hein?), a intenção de deixar o jovem americano sem opção de dizer não e ir às urnas em novembro com certeza deu certo, pode apostar. Só não entendi de que lado a MTV ficou.

Enquanto o mundo todo espera que John Kerry ganhe, parece que por lá as coisas não são bem assim. Se as filhas de Kerry apareceram na festa dando a cara pra bater e levando vaia, as filhas de Bush apareceram num telão, bem confortáveis e sorrindo, sem pressão alguma...

Esse assunto é tão importante e está tão ligado à cultura que tinha que falar algo aqui. Nunca (que me lembre) um presidente foi tão odiado como Bush, e muitas coisas têm que ser ditas agora. Bush é um retrógrado militar que não tem a mínima noção de nada a não ser impor "suas idéias".

Foi em seu governo que as gravadoras começaram a processar os usuários que trocam músicas pela internet, numa atitude impensável e irracional, que continua até hoje. Seria o mesmo que processar todo mundo que gravava uma fita cassete nas décadas passadas. E qualquer governo sério não apoiaria um absurdo desses.

Foi em seu governo que a tal "liberdade" americana foi para o saco. Na época da invasão do Iraque inúmeros artistas foram boicotados por rádios, lojas e até gravadoras por expressarem suas opiniões.

O System Of A Down foi um dos grupos que mais teve coragem de falar o que pensa. Nos próximos meses veremos as conseqüências, quando sairá seu novo álbum.

E agora nessa campanha presidencial a coisa ficou ainda mais feia. A quantidade de artistas apoiando Kerry é absurda, mas os principais "cabos eleitorais" já estão amargando represálias. Bruce Springsteen e Jon Bon Jovi são nomes que estão sofrendo ameaças de morte por se empenharem na campanha, dá pra acreditar?

Há até uma coletânea chamada "Rock Against Bush", já em seu segundo volume, que por incrível que pareça conseguiu passear pelo Top 100 da Billboard.

E não são poucos os artistas que estão fazendo seus protestos na música. Geoff Tate, do Queensryche anda usando uma jaqueta nos shows com a foto de Bush acompanhada da palavra "LIAR" (mentiroso, em português).

Maynard, vocalista do Tool e A Perfect Circle, tem escrito constantes mensagens indignadas no site oficial da segunda banda (www.aperfectcircle.com), além de produzir o fabuloso clipe de "Counting Bodies Like Sheep To The Rhythm Of The War Drums" (disponível no site), novo som dos caras que vai estar no cd "eMotive", que sai dia 2 de novembro lá fora (mesmo dia da eleição americana). Não é bem um disco novo, pois trará algumas covers.

E você não pode deixar de assistir o filme "9-11 Fahrenheit", de Michael Moore, que já deve ter ouvido falar. Só a cena em que Britney Spears aparece dando sua opinião consciente sobre Bush, já vale o investimento.


Megadeth novo

A coluna estava pronta quando recebi o belo comunicado de que receberia o novo álbum do Megadeth (entendeu o atraso dessa semana?), então você confere como ele é em primeira mão aqui, pois seu lançamento só ocorre no próximo dia 14 de setembro.

O metal está estagnado há muito tempo e praticamente tudo que podia se fazer pelo estilo já foi feito. Ano após ano o que mais se vê são aqueles clichês insuportáveis que chegam até a ser engraçados (coisas do tipo Manowar, saca?).

Imagem
O Megadeth sempre esteve no grupo de elite de sua praia e cometeu em "The System Has Failed" seu melhor álbum desde "Rust In Peace", simplesmente porque não arriscou, apostando no óbvio e naquele metal que fazia nos anos 80.

Alguns riffs e solos devem ter sido compostos naquela época, tamanha similaridade. Exemplos não faltam, como a introdução de "The Scorpion" ou "Tears In A Vail".

Tá na cara que esse disco é o primeiro que Dave Mustaine faz sem pressão em muitos anos, e tudo o que se espera do Megadeth clássico está lá: guitarras dobradas, vocais sujos, refrãos bacanas e muita velocidade.

Vale lembrar que esse trabalho mescla um pouco de cada um de seus melhores cds, seja no apuro pop de "Countdown To Extinction" e "Youthanasia" ou na agressividade dos anos 80.

O primeiro single "Kick The Chair" foi bem escolhido, mas o melhor fica por conta de "Die Dead Enough", com refrão baixo e irresistível, ou na porrada "Back In The Day".

O Megadeth voltou a ser o que era, deixando de lado a teimosia de produzir discos medíocres para competir com o pop ignorante. "The System Has Failed" vem para colocar as coisas no lugar, trazendo muito bom gosto no que deve ser um dos grandes cds de 2004.


Se o assunto é música, com exceção do Sepultura, quando falam do Brasil lá fora, geralmente não é coisa muito boa, e só nessa semana duas notícias rodaram o planeta.

A primeira é a bizarra fuga que Michael Jackson planejava ao Brasil, é sério. Já pensou se desse certo? O cara estaria lá na Bahia tomando água de coco essa hora. E ainda dizem que ele é louco.

A outra notícia acaba de chegar e é lamentável: a morte do produtor Tom Capone num acidente de moto na saída do Grammy Latino. Considerado o melhor produtor brasileiro há muito tempo, ele trabalhou com gente de todos os estilos musicais aqui e lá fora, sendo que seus melhores trabalhos foram com os Raimundos. Realmente uma notícia muito triste.


Frase do ano

Já que o Darkness não vem mais ao Brasil este ano, a MTV foi entrevistar a banda e o vocal Justin soltou uma frase maravilhosa quando questionado de que muitas pessoas quando escutam a banda pela primeira vez acham que eles são uma brincadeira:

"Brincadeira são coisas como Kings Of Leon que ficam cantando 'Como sou infeliz...", isso sim é uma porcaria...".


Obrigatório

Savatage - Gutter Ballet

Faz muito tempo que devo um disco do Savatage aqui na coluna, e não é pra menos: trata-se de uma das melhores bandas de heavy metal do mundo. Poucas vezes um grupo conseguiu unir guitarras pesadas, melodias originais e não repetitivas, canções iradas e um vocalista completamente louco, que muitos chegaram a proclamar como o sucessor do madman Ozzy Osbourne.

Imagem
O Savatage apareceu fazendo power metal, mas foi com "Gutter Ballet", de 1989, que o conjunto produziu sua obra-prima, exatamente quando introduziu melodias sombrias e arrepiantes em seu som. Os vocais pirados de Jon Oliva não só comparecem, como também mostram um sentimento de desespero, como se estivesse pedindo ajuda, e esse, sem dúvida, é o ponto alto do cd.

"Of Rage and War" abre o cd de forma assustadora, com Jon tendo alucinações e gemendo palavras desconexas até explodir num metal pra lá de inspirado. A faixa-título é a melhor da carreira do conjunto até hoje. Melódica, macabra e irresistível, transita entre pianos e riffs de guitarras muito inspirados do falecido Chris Oliva.

E não para por aí. "When The Crowds Are Gone" é tão marcante que chega a causar calafrios, aliás, o cd todo é perfeito e nenhuma música é passável.

É a trilha sonora perfeita para qualquer bom filme de terror. Imbatível.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Na Hora do Rock
Todas as matérias sobre "Megadeth"

Dave Mustaine: vinho do vocalista esgotou-se em 72 horas
Parcerias Brilhantes: duplas que marcaram história
Megadeth: Dave Mustaine e a orquestra sinfônica? Mega-sim!
Homenagens: Canções inspiradas em músicos falecidos
Megadeth: Dave Mustaine envia mensagem aos fãs brasileiros
Dave Mustaine: E se ele tivesse tocado nos Novos Baianos?
Megadeth: Ellefson fala sobre drogas e álcool a estudantes
David Ellefson: falando sobre drogas com adolescentes dos EUA
Guitar World: 11 Álbuns Essenciais do Thrash Metal
Megadeth: promovendo o "Youthanasia" no David Letterman
Orion: "Somos nós ou o Behemoth nessa turnê", disse Mustaine
E Se...: Sua banda favorita mudasse de gênero musical?
Megadeth: temas de filmes e desenhos que talvez você não conheça
Megadeth: ouça "Anarchy In The UK" com Axl Rose e Lars Ulrich
Shawn Drover: a indústria de discos está se tornando passado

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Ari Santa Lucia Jr

É jornalista, especializado em música, já tendo trabalhado para a Agência Reuters, Som Livre.com e DGolpe.com.

Mais matérias de Ari Santa Lucia Jr no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas