Sigma: mais uma pérola do nosso Hard Rock

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Sigma: mais uma pérola do nosso Hard Rock

Postado por Rafael Pereira Lescano | Fonte: Blog dos Feras

  | Comentários:

A Sigma 7 é puro rock n roll. A banda foi formada no começo dos anos 2000 pelo vocalista Marcos Delfino e o guitarrista Alessandro Librelato, em 2006 entraram o guitarrista Ted Justo e o baixista Eduardo Schardosin formando a espinha dorsal da banda. A partir daí foram dois discos lançados, vários shows e o reconhecimento do público e mídia. Atualmente a Sigma 7 está em testes com um novo baterista e finalizando o próximo vídeo clipe. O papo a seguir foi com o vocalista Marcos Delfino, e o cara nos contou mais sobre a história da banda, influências e planos para o futuro.

- Como nasceu a SIGMA 7?

Marcos Delfino: A banda surgiu no início dos anos 2000 quando eu e o Alessandro Librelato decidimos que depois de um período de 2 anos tocando de forma acústica, era a hora de termos nossa banda. Fomos fazendo os contatos e buscando músicos "emprestados" de outras bandas que nos apoiaram no início.

- Como surgiu o nome da banda?

Marcos Delfino: O nome da banda foi uma escolha muito mais pela sonoridade da pronúncia do que por algum significado especial. Este seria o nome de uma banda de um amigo do Alessandro, que por não ter aprendido tocar nenhum instrumento sugeriu o nome para nós. A gente curtiu e ficou.

- Que bandas influenciaram a SIGMA 7?

Marcos Delfino: As influências da Sigma são estruturadas em quatro pilares: O primeiro, são os "Deuses sagrados" do rock como: Led Zeppelin, Ac/Dc, Black Sabbath, Deep Purple e Kiss. O segundo, são as bandas do "boom" do Hard como: Skid Row, Guns n’Roses, Motley Crue, Lynch Mob. O terceiro, são as bandas atuais como Buckcherry, Babylon Bombs e Crash Diet. E o quarto, são as bandas Nacionais são: Casa das Máquinas, Rosa Tattooada, Barão Vermelho, Tutti-Frutti e Made in Brazil.

- Como rola o processo de composição da banda? Todos contribuem com letras e melodias?

Marcos Delfino: O Ted é um cara com uma capacidade incomum de compor melodias e Riffs matadores em série. Quando os ouço penso que poderiam ser compostos por qualquer um dos nossos "Guitar Heros", sendo assim utilizamos estes riffs e vamos estruturando as músicas aos poucos, às vezes ela já vem pronta, só escrevo as letras. Depois dela pronta cada um coloca sua característica nela ou acrescenta algo para melhorar.

- Em 2006 a banda lançou o primeiro álbum chamado "SIGMA 7", fale sobre ele:

Marcos Delfino: O disco "Sigma 7" é o nosso primeiro registro autoral, teve um orçamento inferior ao segundo disco, mas de certo modo, tivemos um bom resultado com ele. Depois de algumas aparições na TV e execuções de algumas músicas em rádios do interior conseguimos mais espaço. Ele contou com a produção do ex- guitarrista do Alemão Ronaldo, "Lula Lélé", que é um parceiro e amigo nosso na estrada.O Lula nos deixou muito à vontade, tanto que ficamos em estúdio durante uns 10 meses. Este disco conta basicamente com composições minhas e do Alessandro Librelato.

- Esse álbum tem clássicos como "Johnny", "Estrelas que contei" e "Nunca é tarde", ele ainda esta em catálogo?

Marcos Delfino: Sim, na realidade o disco físico não existe mais, conseguimos vender a tiragem que fizemos, por isso vamos disponibilizá-lo para download em nosso blog, ainda neste ano.

- Por falar na faixa "Johnny", ela é baseada em fatos reais? Fale sobre a criação da letra:

Marcos Delfino: A letra de Johnny foi uma criação imaginária de um cara azarado que perde a Fé em um amanhã melhor. Embora imaginária, sabemos que muitas pessoas passam por desilusões e dificuldades, preferindo desistir a lutar.

- O segundo trabalho da banda foi lançado em 2012 "Uma bala, uma chance", e a evolução é clara, fale mais do processo de criação desse trabalho:

Marcos Delfino: Depois de um hiato de registros e composições, começamos em 2010 a compor o que viria a ser o "Uma bala, uma chance". Basicamente neste álbum as músicas foram compostas por mim e pelo Ted, com algumas contribuições do Alessandro Librelato. O Ted tem muitos riffs e melodias compostos, o que fizemos foi pegar este material e dar corpo a tudo isso. Gravamos as músicas em uma fita K7 e eu as trazia para casa para compor as letras. Foi um processo livre e verdadeiro, sem se preocupar se o som ficaria mais ou menos "acessível" ao público.

- "Uma bala, uma chance" teve uma repercussão muito boa, inclusive sendo citado no Blog dos Feras como um dos melhores lançamentos nacionais de 2012, esse sucesso era esperado?

Marcos Delfino: Cara, devo dizer que conforme íamos gravando as músicas, sentíamos que estávamos diante de algo bom, mas a reação das pessoas é imprevisível. Entretanto depois do lançamento tivemos o reconhecimento de muitas pessoas desde o cenário Metal com Edu Falashi (Angra e Almah), do rock clássico brasileiro como: Simbas (vocal do Tutti-frutti e Casa das Máquinas) da galera do Barão Vermelho na figura do Rodrigo Santos e do Fernando Magalhães, como no meio MPB com Agnaldo Timóteo que adorou a música "Por mais que eu tente te esquecer". Ficamos felizes com o resultado e com a repercussão.O mais legal é você fazer um trabalho tendo nele apenas uma coisa, a confiança de que você deu o seu melhor, ao invés de criar expectativas de sucesso e crítica.

- "Por mais que eu tente te esquecer" é uma das mais belas músicas do hard rock gaúcho, de quem é a letra?

Marcos Delfino: Obrigado, "Por mais que eu tente te esquecer" é uma letra minha, do Ted e do Librelato. Fala sobre o Amor e seus finais, que nem sempre são felizes.

- A música "Vida fácil" tem a participação mais que especial do Jacques Maciel da Rosa Tattooada, como aconteceu esse contato?

Marcos Delfino: Desde o primeiro disco conversávamos sobre a possibilidade de uma participação especial do Jacques em algum disco nosso, devido à influência que ele e a Rosa Tattooada exercem sobre nós. Sempre vamos à maioria dos shows da Rosa Tattooada aqui na capital e sempre rolava aquele encontro depois do show. Sempre nos encontrávamos e batíamos um papo, desta proximidade rolou uma amizade. Quando estávamos com o projeto pronto achamos que era a hora. Achamos que "Vida Fácil" era a música certa e aí rolou o contato do Ted com ele. Ele aceitou numa boa e fez uma grande participação. Jacques é uma cara grandioso como compositor, músico e ser humano.

Vídeo de "Vida Fácil":

- Outra participação especial foi do Vini Tonello (produtor, ex-tecladista da Rosa Tattooada), conta como foi:

Marcos Delfino: O Vini Tonello foi quem produziu, gravou e masterizou o disco. O Vini é um produtor experiente, sabe muito bem conduzir o processo de gravação. No período que gravamos, fomos a última banda a gravar no antigo estúdio da "ACIT", o Vini parecia ser um membro da banda, estava junto, planejava e pensava como um sexto integrante. Crescemos muito depois desta experiência.

- Vamos falar do clipe da música "Estrada", quem produziu e porque essa música foi a escolhida?

Marcos Delfino: O clipe de "Estrada" carrega em si a frase célebre Punk do "Faça você mesmo". Pois foi feito em conjunto pelo Ted e pelo Librelato, reunindo o vasto material de vídeo que tínhamos de cenas da banda na Estrada. Mostrando as diferentes fases da banda, mais jovens, mais magros, mais velhos, mais pesados, porém com a mesma vontade de apenas fazer Rock n’ roll. Escolhemos esta música, pois temos nela o símbolo da retomada que o disco trouxe para a carreira da banda.

Vídeo de "Estrada":

- Tem planos para outro vídeo clipe, e qual música seria a escolhida?

Marcos Delfino: Sim, já está gravado recebendo apenas os últimos ajustes. Vamos lançar em breve. A música é "Por mais que eu tente te esquecer".

- O blog da SIGMA 7(sigma7online.blogspot.com.br) é um belo trabalho de informação e interação com os fãs, ele seguirá ativo nesse ano de 2013?

SMarcos Delfino: im, o Blog voltará a toda. Estávamos de férias, mas vamos continuar atualizando, pois temos um canal muito próximo de quem curte a banda e os músicos.

- Quais os planos da banda para 2013?

Em 2013, vamos voltar ao estúdio, pois já estamos escolhendo os novos sons que vão compor um novo "single". E esperamos tocar mais pela capital e interior.

- Agradeço pela entrevista e o espaço final é teu:

Marcos Delfino: * Nós é que agradecemos pela oportunidade e gostaríamos de agradecer aos Fãs, amigos e parceiros de estrada, as Bandas: Velho Lobo, Os dirigíveis, Shantra, Gueppardo, Bad Flowers, Fighter, Rosa Tattooada, Beat Barea, Barão Vermelho e Guilherme Maia e todos que contribuem com a banda.

Contatos:
Blog / Sigma 7:
http://sigma7online.blogspot.com.br/
email: [email protected]
Facebook/Sigma 7:
https://www.facebook.com/pages/Sigma-7/142243892521423
Myspace/Sigma 7:
http://www.myspace.com/sigma7online

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Entrevistas
Todas as matérias sobre "Sigma"

Volar: banda gaúcha lança novo EP ainda esse ano
Guns N' Roses: Em Porto Alegre, um dos melhores shows da turnê
Guns N' Roses: esquema de trânsito e transporte para Porto Alegre
Guns N' Roses: ingressos pela metade do preço em Porto Alegre
Hate Handles: lançada versão digital do debut álbum
Bloody Violence: lançado primeiro trabalho no país
Apoteom: confira entrevista para o Metal All Night
In Torment: confira sessão de fotos para o novo álbum
Darkship: iniciando processo seletivo para guitarrista
Underload: rock marca lançamento do CD em Caxias do Sul
Wings of Revenge: banda faz lançamento virtual de EP
Doro em Porto Alegre: ingressos de segundo lote esgotados
Rotten Filthy: disponíveis capa e track list do debut CD
Symphony Draconis: "Nunca nos prendemos a rótulos ou elementos"
Cavera: confira prévia do debut álbum

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Rafael Pereira Lescano

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados.

Caso seja o autor, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas