Pela Ordem - Aquiles Priester (Angra) opina sobre a corrupção no Brasil

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Comentários  | 

Imagem
Sentimento / Observação
Vanusa e Black Sabbath: a notável coincidência nos riffsSebastian Bach: Afinal, por que ele não entrou no Priest?

Fiquei sabendo de tudo um pouco atrasado, pois estava viajando e quase não tinha tempo para ver televisão ou ouvir rádio. Quando soube, porém, tive a sensação de ser uma das maiores traições que alguém já pode sentir, especialmente por se tratar do PT, um partido que sempre dizia estar ao lado do povo. Acho que só não me senti pior, porque não votei no PT. Sempre acreditei no partido, mas achava que ainda não estava na hora deles governarem o país. De qualquer forma não posso achar que o efeito seja menor só pelo fato de eu não ter votado neles, seria muito egoísmo da minha parte, afinal estamos falando do Brasil e é claro que todos nós queremos uma situação melhor e condições igualitárias para todos.

Lula sabia?

Acho difícl alguém metido nesse esquema não saber. Agora como fica o povo brasileiro que esperou tanto tempo para que Lula governasse o País? A impressão que tenho é que as pessoas estão se sentindo muito enganadas e parece que toda a confiança depositada foi imediatamente roubada de nós.

O que fazer?

Eu não votei no PT, pois acho que esse tipo de problema só pode ser resolvido com educação e cultura. Temos que nos dar a chance de tentar fazer um Brasil novo e isso está diretamente ligado à cultura, aos novos modos do nosso comportamento. Enquanto ainda enxergarmos pessoas jogando lixo na rua pelo vidro do carro, significa que ainda estamos muito longe do nosso objetivo. Isso parece irrelevante perto dos problemas do nosso país, mas é muito mais importante do que parece, pois isso é comportamento e é apenas um exemplo de um monte de coisas que fazemos desrespeitando o Brasil. Não adianta achar que os outros farão a nossa parte. Acredito que, de alguma forma, falta mais conhecimento de causa ao PT. Eles passaram a vida toda tentando governar o país e agora percebem que para resolver os problema precisam de muito mais do que ideologias. Isso é totalmente compreensível porque os Petistas são pessoas que defendem ideologias do povo e que nem sempre têm embasamento cultural para encontrar as melhores saídas na hora de representar um país. Se você parar para pensar que estamos falando do Brasil, aí o buraco é mais embaixo ainda, pois desde que nos conhecemos só ouvimos falar de corrupção a todo o momento. Em minha opinião, corrupção só se combate com educação.

Ainda te resta esperança ou sobrou apenas o medo?

Esperança sempre existirá, afinal estamos falando do nosso Brasil. É o lugar onde moramos e é claro que queremos o melhor. Imaginem como seria bom morar aqui se conseguíssemos resolver nossos problemas básicos de moradia e segurança. Se hoje em dia já amamos o nosso país, imaginem como não seria o nosso sentimento com um país melhor.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Pela Ordem

Pela Ordem - Andreas Kisser opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Márcio Minetto e Don (Tropa de Shock) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Hugo Mariutti (Shaaman) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Marcos De Ros (Akashic - De Ros) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Vitão Bonesso opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Fabrizio Di Sarno (Karma, Symbols) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Marcello Pompeu (Korzus) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Amílcar Christófaro (Torture Squad) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Renato Tribuzy (Tribuzy) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Carlos Lopes (Dorsal Atlântica - Mustang) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Sabrina Carrión (Heavenfalls) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Gustavo Monsanto (Adagio) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Fábio Laguna (Angra) opina sobre a corrupção no BrasilPela Ordem - Marco Caporasso (DragonHeart) opina sobre a corrupção no BrasilTodas as matérias sobre "Pela Ordem"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Pela Ordem"Todas as matérias sobre "Angra"

Vanusa e Black Sabbath
A notável coincidência nos riffs

Sebastian Bach
Afinal, porque ele não entrou no Priest?

Fotos de Infância
Jon Bon Jovi muito antes da fama

Death Metal: menina de 6 anos detona no America's Got TalentRegis Tadeu: Cinco bandas de metal nacional que nada devem aos "gringos"Black Sabbath: inspiração para o Restart?Loudwire: Os 20 melhores álbuns de Rock de 2014Death Metal: uma impressionante performance com um gato gordoJack Black: "Dio era meu vocalista de Heavy Metal favorito"

Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online